Bioplastia: Estética facial e corporal

A medicina estética e a cirurgia plástica estão crescendo cada dia mais. A busca por um corpo escultural e pelos anos que se passaram…

Bioplastia

A medicina estética e a cirurgia plástica estão crescendo cada dia mais. A busca por um corpo escultural e pelos anos que se passaram incentiva milhares de pessoas a procurarem os tratamentos e cirurgias antienvelhecimento. Tanto homens quanto mulheres estão preocupados com sua aparência e não querem apresentar sinais de envelhecimento.

Com o aumento da procura por esculpir o corpo e melhorar a aparência do rosto os cirurgiões estão sempre se reciclando, assistimos aos avanços de vários processos, lazer, botox, preenchimento etc. Até pouco tempo atrás, quem desejava passar por uma mudança no corpo recorria a cirurgia plástica, o que desenvolvia a presença de cicatrizes e a necessidade de internação hospitalar. Graças aos estudiosos a medicina estética evoluiu bastante. É uma tendência o desenvolvimento de técnicas pouco invasivas.

A última novidade no mundo das cirurgias plásticas e da medicina estética é a Bioplastia (Cirurgia plástica sem cortes, sem bisturi), uma técnica nova pouco invasiva voltada para o embelezamento facial e corporal, realizada com anestesia local em um ambiente ambulatorial sem a necessidade de internação ou afastamento do trabalho e da sua rotina diária, sendo que os resultados são visíveis logo após o procedimento da bioplastia. A bioplastia é um procedimento simples realizado da seguinte maneira: por meio de microcânulas são implantados o PMMA polimetilmetacrilato, substância utilizada na medicina desde 1950, na face ou na silhueta para aumentar pequenos volumes, realçar partes ou recuperar o desenho. O procedimento dura em torno de 40 minutos, e o resultado é instantâneo.

A bioplastia já vem sendo utilizada no Brasil em segredo há algum tempo, por modelos, artistas e famosos internacionais, essa técnica era usada com muita discrição, mas agora já é conhecida e usada por muitas pessoas de todo o mundo. Existem três tipos de bioplastia:

Leia Também:  Os 7 cuidados básicos para colocar silicone

Bioplastia que realça a beleza, na face são verificadas as linhas que dão harmonia e beleza, esse tipo de bioplastia torna mais bonito o que já é bonito, dá harmonia ao rosto, modificando mandíbula, nariz e queixo, estabelecendo equilíbrio entre as estruturas faciais. No corpo ela aumenta e remodela o glúteo e panturrilha.

Bioplastia que rejuvenesce, no processo de envelhecimento, a pele e as camadas internas da face sofrem alterações, surgindo as rugas, sulcos e flacidez, a pele do rosto e pescoço se confundem. Nesse caso a bioplastia rejuvenesce trazendo novamente o volume corrigindo os sulcos e rugas. As mãos também sofrem com a flacidez e envelhecimento a bioplastia oferece volume e disfarça veias e tendões.

Bioplastia que corrige, esse procedimento é capaz de corrigir imperfeições como ponta do nariz caído, queixo retraído, lábios muito finos, mandíbulas sem definição, tudo isso é modificado com a bioplastia.

É importante lembrar que a bioplastia não causa rejeições, intoxicações e nenhum tipo de efeito colateral.

Top