Benefícios do óleo de coco

O óleo de coco oferece muitos benefícios, seja para pele, para os hormônios, para o intestino e muitos outros. Saiba mais. […]

A melhoria na qualidade de vida é prometida por diversos produtos que abarrotam as prateleiras das farmácias: é cápsula para melhorar a pele, é um efervescente para proteger contra o resfriado, uma bolinha que faz o intestino voltar a funcionar, um creme que promete deixar os cabelos lindos e sedosos, uma pomada feita para secar de uma vez por todas aquelas espinhas e cravos que ninguém merece e por aí vai. São todos feitos por meio de pesquisas sérias, que garante o público certo. Mas existem aqueles mais simples, mais baratos, e o melhor de tudo, que oferecem de uma vez só inúmeros benefícios, como o óleo de coco, por exemplo.

São tantas vantagens que ele traz ao corpo, que pode ser quase chamado de milagroso. A mais conhecida delas é a que provoca a tão sonhada perda de peso. Ele auxilia aquelas pessoas que estão com uns quilinhos a mais e que querem tirar as gordurinhas de uma vez por todas e isso ocorre através do estímulo da glândula que controla o metabolismo, a tireóide. Mas é claro que não é apenas tomando o óleo de coco que o manequim 46 vai chegar rapidinho ao 38. É preciso também aliar uma alimentação adequada com atividade física para alcançar esse objetivo.

Outros benefícios são para a parte estética como também para a saúde em geral: o óleo é antioxidante, deixa a pele mais lubrificada tornando-a menos envelhecida e sem espinhas, ajuda a cicatrizar feridas, a curar dermatite de contato, a tratar a herpes, ajuda no equilíbrio dos hormônios, aumenta a imunidade, regula o intestino, reduz o colesterol considerado ruim e também serve como energético.

O óleo de coco é um produto que pode ser comprado nas farmácias, mercados e também na internet (também vende no atacado). Seu preço médio é de R$20, variando conforme o estado. Para usufruir de tanta coisa boa que ele oferece, é bem simples: basta tomar uma colher de sopa todos os dias. Mas antes de decidir adquiri-lo, é muito importante consultar um profissional que possa recomendar seu uso. Por ele ser natural, muita gente acaba achando que pode tomar sem antes conversar com alguém que entenda do assunto, por conta própria, sem entender se ele é adequado para si, o que não é correto. Portanto, a recomendação é buscar antes uma opinião médica.

Leia Também:  10 alimentos ótimos para saúde e beleza

Top