Benefícios do Amaranto: quais são

Os estudos das propriedades do amaranto têm mostrado que esta plantinha pode beneficiar o nosso organismo, de inúmeras formas. Existem, na verdade, mais de…

Os estudos das propriedades do amaranto têm mostrado que esta plantinha pode beneficiar o nosso organismo, de inúmeras formas. Existem, na verdade, mais de 60 espécies de amaranto e ao menos 40 delas são originárias das américas. Muitas destas espécies, além de oferecerem os grãos nutritivos, também possuem folhas comestíveis, que podem ser consumidas cruas (quando ainda jovens) ou cozidas, quando já estão maduras. O alimento é facilmente encontrado em lojas de produtos naturais e pode ser incluído na dieta diária, sem sacrifícios. Saiba quais são os benefícios do amaranto.

Uma das espécies de plantas de amaranto (Foto: Divulgação)

Benefícios do amaranto

Estudos mostraram que o amaranto é rico em fibras, inclusive as solúveis. Por isso, ele pode ser um aliado no combate ao colesterol, à prisão de ventre e, ainda, contribui com a perda de peso, já que promove a saciedade.

Outro benefício do amaranto é que ele é rico em antioxidantes, reforçando, portanto, o sistema imunológico. Um destes antioxidantes – o esqualeno – dificulta o afluxo de sangue em células dos tumores. Portanto, os grãozinhos também podem ajudar a combater o câncer.

Bolinhos, feitos com sementes de amaranto (Foto: Divulgação)

Os diabéticos também encontram no amaranto um aliado diário. Ele ajuda a diminuir a taxa de açúcar no sangue e reduz, também, as complicações diabéticas.

Além disso, o amaranto é rico em cálcio, combatendo a osteoporose. Finalmente, pessoas que sofrem com intolerância ao glúten podem consumir amaranto, pois esta substância não está presente nas sementes, farinha ou flocos.

Como consumir amaranto

Para usufruir dos benefícios do amaranto, 30 ou 40 gramas do alimento, por dia, são suficientes. Pode-se usá-lo na forma de grãos (sementes), flocos ou farinha, pois suas propriedades são, praticamente, as mesmas. Tudo depende de como a pessoa deseja usá-lo em suas receitas. Caso não queira acrescentá-lo a um prato específico, pode-se, também, consumi-lo em forma crua. Basta misturá-lo com iogurtes, saladas, nos sucos ou no leite.

Amaranto em grãos (Foto: Divulgação)

A farinha de amaranto ou os flocos podem ser usados em muitas receitas. Em bolos e massas, por exemplo, substitua metade da farinha comum, pela farinha de amaranto.

Leia Também:  Benefícios do iogurte funcional: marcas

Em sopas, tanto a farinha, quanto os flocos podem ser acrescentados, na hora do cozimento, engrossando o caldo. Ou, se preferir, você também misturá-lo aos pratos, no final do cozimento. O sabor do amaranto não interfere no sabor dos outros alimentos, pois é suave, quase neutro.

Top