Benefícios da semente de linhaça

A linhaça é um tipo de semente que traz diversos benefícios para a saúde, devido suas propriedades nutricionais. O alto valor nutritivo se deve…

Por Isabella Moretti em 18/09/2012

A linhaça é um tipo de semente que traz diversos benefícios para a saúde, devido suas propriedades nutricionais. O alto valor nutritivo se deve a grande quantidade de fibras, ácidos graxos e proteína. Este alimento funcional existe desde os primórdios da civilização humana, mas continua marcando presença na dieta de muitas pessoas.

Devido a grande concentração de nutrientes, a linhaça é considerada um alimento funcional. (Foto:Divulgação)

Linhaça: um alimento funcional

Existem dois tipos de linhaça, a marrom e a dourada, mas não há variações com relação ao valor nutritivo de cada uma. A única mudança que existe de uma qualidade para a outra é a forma de cultivo, ou seja, enquanto a marrom tem o seu plantio em regiões quentes e úmidas (com agrotóxico), a dourada cresce em ambientes com clima frio e de forma orgânica.

Embora tenha origem Oriental, a linhaça pode ser cultivada ou comprada em todas as partes do mundo. A semente provém da planta herbácea, normalmente usada como fibra têxtil. Além de ser um alimento rico para incluir na dieta, a linhaça também é usada por alguns povos para combater problemas de saúde, como é o caso da medicina indiana Ayurveda.

O farelo da linhaça pode ser usado no preparo de bolos e tortas. (Foto:Divulgação)

A linhaça possui vários componentes que melhoram a qualidade de vida e ajudam a combater doenças, como é o caso dos minerais, das vitaminas, das fibras, do ômega 3, do ômega 6  e da lignana. As pessoas interessadas em consumir a semente podem incluí-la na receita de bolos, sopas e tortas. Também é possível comer linhaça moída com frutas ou iogurte.

Saiba mais: Receitas com linhaça, sugestões práticas

Principais benefícios da linhaça

Veja a seguir os principais benefícios da linhaça:

1. Ajuda a prevenir câncer de mama: as mulheres que consomem farelo de linhaça regularmente conseguem prevenir tumores malignos nos seios graças à concentração de lignana. O composto é semelhante ao estrogênio;

2. Previne os sintomas da menopausa: como a linhaça contribui com o equilíbrio hormonal, ela também evita as reações da menopausa, como os calorões e a falta de libido;

3. Melhora o funcionamento do intestino: a semente é rica em fibras, por isso ela regula o trânsito intestinal e evita a prisão de ventre.;

Comer linhaça faz bem para o intestino. (Foto:Divulgação)

4. Previne doenças cardiovasculares: os ácidos graxos (ômega 3 e ômega 6) ajudam a diminuir o risco de doenças cardiovasculares porque melhoram a circulação;

5. Hidrata a pele e os cabelos: devido a sua composição rica, a semente também é usada para fazer tratamentos estéticos, que recuperam a vitalidade tanto da pele como do cabelo;

6. Controla o açúcar do sangue: o óleo de linhaça, como é rico em ômega 3, ajuda a manter a glicemia sobre controle;

7. Reduz os sintomas da depressão: os ácidos graxos são substâncias naturais que agem contra a depressão, estimulando de forma positiva as células nervosas.

Veja também: Óleo de linhaça: conheça os benefícios

Top