Banho turco: saiba mais, benefícios

É um hábito muito antigo tomar o famoso banho de sauna. Em clubes, spas ou até mesmo em residências, uma câmara quente é instalada,…

Por Editorial MDT em 12/12/2012

É um hábito muito antigo tomar o famoso banho de sauna. Em clubes, spas ou até mesmo em residências, uma câmara quente é instalada, onde as pessoas entram, permanecendo por algum tempo e, em seguida, saem e tomam um jato de água fria. Quando a sauna é seca, é mais quente. Já a sauna a vapor proporciona a sensação de menos calor, devido à umidificação do ambiente, onde é possível permanecer por mais tempo. Muitas pessoas acabam confundindo esta última modalidade com o banho turco.

Em exemplo de ambiente típico (embora luxuoso) para banhos turcos (Foto: Divulgação)

O banho turco não é mesma coisa que o banho de sauna a vapor. O Hamam (ou amã) é um ritual, que envolve várias etapas. A permanência do indivíduo, dentro de uma câmara quente de vapor, é apenas a primeira fase deste ritual. É por este motivo que muitos pensam estar usufruindo dos benefícios de uma tradição milenar, mas que, na verdade, esta não está completa, apenas com a sauna a vapor. Entenda como é o banho turco.

O que é banho turco

Os banhos de vapor já eram muito usados, nas sociedades grega e romana. Quem é que nunca viu filmes históricos, mostrando romanos em suas termas, discutindo o futuro do império? Mais tarde, com a queda dos romanos, a formação do Império Bizantino e sua posterior conquista pelos turcos, estes já conheciam muito bem tais banhos. Não se sabe, ao certo, onde o banho turco foi originado. O fato é que o ritual adotado é a sua característica principal, que o difere de outros banhos de vapor.

O sabão usado para a camada de espuma é tradicional, no banho turco (Foto: Divulgação)

O hamam era usado pelos mercadores turcos antigos, que chegavam sujos e cansados, das viagens e faziam o ritual, como forma de relaxamento e limpeza do corpo. Primeiramente, entra-se numa câmara quente, com vapor. Esta etapa serve para abrir os poros da pele. A próxima etapa é seguir para um salão, com mesas e decoração de mármore, geralmente brancos. Deita-se, com a barriga para cima e com a cabeça apoiada numa toalha branca. Um massagista, então, começa a despejar jarros de água, sobre o corpo, que se resfria e se encharca para começar a receber a massagem esfoliante, nos dois lados do corpo. Em seguida, a pessoa recebe camadas de espuma, misturadas com ervas, com as quais é feita uma nova massagem. Mais tarde, os braços e pernas também são massageados, enquanto se está sentado. Tudo isso é feito, intercalando-se banhos de água (quente, morna ou fria). Pode durar até 120 minutos.

Benefícios do banho turco

O banho turco (ou Hamam) é benéfico ao corpo e à mente (Foto: Divulgação)

Dentre os benefícios do banho turco, pode-se citar a desobstrução dos poros e a hidratação da pele. A eliminação de toxinas, por meio da transpiração, também ajuda a quem sofre com retenção de líquidos. Outros problemas, de ordem respiratória também podem ser amenizados. O banho também auxilia no combate ao estresse, melhora a circulação e alivia os músculos.

É importante informar que pessoas com pressão alta ou baixa, doenças de pele, inflamações, bem como gestantes devem consultar um médico, antes de aderir ao ritual do hamam, que não é indicado para estes casos.

Veja os benefícios da sauna: Benefícios da Sauna – A Vapor, Seca

Saiba mais sobre massagens: Massagens que ajudam a aliviar tensão

Top