Avião é transportado pelas ruas de São Paulo

As pessoas que passaram pela Zona Sul da capital paulista na madrugada desta sexta-feira (11) viram um avião ser transportado nas ruas de São…

O avião da antiga Vasp vai para Araraquara (Foto: Divulgação)

As pessoas que passaram pela Zona Sul da capital paulista na madrugada desta sexta-feira (11) viram um avião ser transportado nas ruas de São Paulo. Um Boeing 737 da extinta empresa aérea Vasp partiu do Aeroporto de Congonhas, em direção a Araraquara. Na cidade do interior do estado a aeronave será atração em um sítio de lazer do piloto de avião Ednei Capistrano, que comprou o item em um leilão realizado em fevereiro na terra da garoa.

A estrutura principal do avião foi levada por um caminhão. A imagem do item sendo transportado assustou muitas pessoas que passavam pelas vias de São Paulo. Algumas partes do Boeing saíram do aeroporto de Congonhas, onde foi feita uma operação especial com escolta da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), para que os carros dessem passagem à fuselagem de 25 toneladas.

Leia também: Pernambuco será sede de fábrica de caminhões chinesa

Quando chegar em seu destino terá que ser montado novamente (Foto: Divulgação)

A viagem até o interior de São Paulo será lenta, já que o caminhão que transporta a aeronave está andando a uma velocidade média de 30 km/h. Mesmo chegando em Araraquara somente no sábado, 12 de maio, o ritmo deve ser mantido para evitar acidentes. O comboio atravessou as zonas Sul e Oeste da capital paulista e parou em um posto na Rodovia dos Bandeirantes, de onde seguirá viagem nesta noite.

O Boing, que fez seu último voo em 2005, terá que ser montado novamente quando chegar a seu novo destino. Ednei Capistrano teve que desembolsar o dobro do que pagou pelo avião para que a operação de transporte e montagem fosse feita dessa maneira. “Este é o último avião da Vasp que sai inteiro de Congonhas”, afirmou o piloto.

Leia também: BB divulga nova redução de juros para micro e pequenas empresas

Capistrano trabalhou na desmontagem das máquinas da empresa desativada. A ideia do piloto, que pagou R$ 133 mil pela aeronave (segundo dados fornecidos por ele mesmo) é transformar o item antigo em uma área de eventos aberta para quem se interessar em alugar o espaço para festas e recreação de crianças. O Boing ficará em uma chácara, localizada entre Araraquara e o distrito de Bueno de Andrada.

Top