Arrumando a mala de acordo com o destino da viagem

É natural sentir dificuldades para montar uma mala, afinal, o viajante precisa levar em conta o destino e o seu próprio perfil. Algumas pessoas…

É natural sentir dificuldades para montar uma mala, afinal, o viajante precisa levar em conta o destino e o seu próprio perfil. Algumas pessoas exageram na quantidade de artigos pessoais, já outras se esquecem de colocar na mala coisas fundamentais para fazer uma boa viagem. Para evitar qualquer tipo de transtorno, o turista deve conhecer detalhes sobre o seu destino e qual o roteiro previsto.

Definir o que levar na mala requer um senso seletivo e conhecimentos específicos sobre a viagem. Cabe ao turista selecionar o conteúdo da bagagem de modo organizado, caso contrário ele pode perder seus pertences ou se confundir na hora de usá-los.

Considere os fatores a seguir para não cometer erros na escolha da mala:

– Modelo da mala

Como as mulheres normalmente necessitam de mais roupas e acessórios do que os homens, elas devem se apropriar de malas maiores e com várias divisórias. O destino e o tempo de duração da viagem são outros elementos que merecem ser considerados na escolha da mala ideal. Modelos retangulares  são viáveis para uma viagem à negócios, enquanto as tradicionais mochilas são perfeitas para levar a bagagem dos turistas aventureiros.

As malas com rodinhas se apresentam, sem dúvida, como a versão mais popular para se transportar a bagagem. Além de oferecer um amplo espaço para armazenamento, também são mais práticas, seguras e modernas. No caso de bagagens com objetos frágeis, as malas devem apresentar revestimento firme e resistente.

Organização da parte interna

Uma mala de viagem precisa conter roupas, calçados, trajes de banho, acessórios e pijamas de forma organizada. Caso as peças não estejam arrumadas, pode existir dificuldades no momento do uso.  Na hora de arrumar a mala, procure separar os produtos de higiene pessoal das peças de vestuário, por exemplo. Quando o espaço para armazenamento for limitado, prefira uma nécessaire.

Uma das principais dificuldades encontradas pelas pessoas na hora de arrumar a mala é organizar as roupas. Blusas, calças, vestidos, saias e outras peças devem ser dobradas cuidadosamente e depois enroladas para ocupar menos espaço possível. Esse tipo de cuidado na arrumação da mala também evita que as roupas fiquem amassadas. As peças de vestuário mais delicadas devem ser envolvidas em papel de seda ou saquinhos.

– Atenção para as peças delicadas

Não dá para misturar todos os artigos numa mesma repartição, principalmente quando se trata de joias, chapéus e perfumes. Colocá-los em caixas ou estojos específicos representa uma forma de evitar amassados ou até mesmo perda dos objetos.

– Uma mala para cada perfil de viajante

Em caso de uma viagem área, procure conhecer o que pode ou não ser levado na bagagem de mão e quais as restrições para tal. Normalmente os canivetes, as tesouras, as substâncias venenosas e os líquidos inflamáveis são barrados na alfândega.

A mala do baladeiro vai conter roupas para sair à noite e outros objetos de uso pessoal que visam à boa aparência para aproveitar a viagem em grande estilo. Já o aventureiro terá na bagagem itens que contribuem com a sua sobrevivência, prática de esportes radicais ou mesmo as atividades relacionadas ao ecoturismo.

Top