Aprenda a contornar a ansiedade na entrevista de emprego

É comum, nas entrevistas de emprego, que os candidatos fiquem ansiosos e apreensivos no andamento da conversa com o recrutador. Em determinados casos, a…

Por Editorial MDT em 28/11/2011

(Imagem: Foto divulgação)

É comum, nas entrevistas de emprego, que os candidatos fiquem ansiosos e apreensivos no andamento da conversa com o recrutador. Em determinados casos, a ansiedade é tão grande que pode comprometer diretamente o candidato no momento da avaliação.

Essa enfermidade é uma reação que ocorre quando o indivíduo se sente ameaçado, vulnerável. “Quando você se expõe, você pode ficar ansioso e isso é natural. O problema é quando isso é excessivo para aquela situação e passa a comprometer ou impactar a vida diária daquela pessoa”, explica a psicóloga Samia Simurro.

Segundo a psicóloga as pessoas que sofrem desse mal costumam possuir uma amostra de pensamentos desastrosos.” E se eu não me sair bem na entrevista? E se eu não conseguir esse emprego? Se ele alimenta esse pensamento, tende a ter comportamentos que vão nessa direção, pois fica tão ansioso que vai mal na entrevista. Geralmente, quando a gente alimenta um medo, ele acontece. Agora, quando a gente entende que isso pode acontecer, mas se prepara, isso vai ser menos provável”, explica.

Ainda segundo a psicóloga a ansiedade é puro medo. “A diferença é que no medo eu estou de frente para o leão. Ele só me traz medo porque eu penso nessa situação de ameaça (se ele me matar?). Quando tenho uma entrevista de emprego, não estou de frente para o leão, estou em casa e penso: amanhã tenho uma entrevista e já fico vulnerável. Quando a ansiedade vier, pare, perceba seu corpo e pense: não estou vivendo isso agora, vou viver um momento e amanhã entro nessa situação. E se fortaleça, pois você sabe que tem condições de enfrentar”, recomenda.

Já para o psicobiólogo, Ricardo Monezi,  a ansiedade vem de uma ação da vida em coletividade, uma exigência de que temos a empenho de trabalhar e precisamos buscar ocupações  mais aperfeiçoadas. “A partir do momento que você perde as rédeas da ansiedade, é quando ela se transforma num estresse negativo”, diz Ricardo.

Dicas para reduzir a ansiedade:

Autoconhecimento

Tenha confiança de que possui as qualidades para conseguir a vaga que está se candidatando. E no caso de reprovação, lembre-se que não é o fim. “Existem outras possibilidades e elas vão aparecer. Ficar ansioso não vai trazer o emprego, mas pode afastá-lo de você”, diz  Ricardo Monezi.

Respiração

“Respire lenta e profundamente. Sinta o ar passando pelo seu corpo e trazendo toda a tranquilidade necessária para vencer os desafios”, ensina o psicobiólogo Ricardo Monezi.

Atividades físicas

De acordo com Ricardo Monezi, a prática de atividades físicas podem siminuir o nível de estresse e auxiliar num momento de grande ansiedade.

Top