Animais do filme Procurando Nemo correm risco de extinção

O filme de 2003 produzido pela Walt Disney/Pixar “Procurando Nemo” foi um tremendo sucesso de público em todo o mundo – a história do…

O filme de 2003 produzido pela Walt Disney/Pixar “Procurando Nemo” foi um tremendo sucesso de público em todo o mundo – a história do peixinho que se perde de seu pai, e com a ajuda de outros seres do mar consegue retornar a sua “casa” é realmente emocionante. Enredo que agrada adultos e crianças de várias idades, porém, a última notícia relacionada aos personagens do filme Nemo é realmente lamentável, e causa preocupação para os ambientalistas.

Uma recente pesquisa realizada pela União Internacional para a Conservação da Natureza (IUNC, na sigla em inglês), juntamente com a Universidade Simon Fraser, do Canadá, mostrou que 16% espécies de animais que tem relação com os personagens do filme “Procurando Nemo” estão ameaçadas de extinção. A pesquisa contou com a analise de 1.568 espécies de animais marinhos, relacionados a 16 linhagens retratadas no filme de animação da Disney.

O estudo aponta que tubarões-martelo e branco, arraias-águias e tartarugas-marinhas são os animais que estão em situação mais crítica, e correm sérios riscos de desaparecer dos oceanos. Já o peixe-palhaço, a espécie em que o protagonista Nemo e seu pai, Marlim pertencem no filme, está considerado pela IUCN como “espécie de menor preocupação”, mesmo sendo fruto de grande interesse para viver nos aquários caseiros das famílias. Porém, ainda de acordo com os estudos, 18% dos peixes que pertencem à mesma família que “Nemo” (Pomacentridae) correm risco de serem extintos da natureza.

As tartarugas-marinhas Crush e Esguicho também são motivo de preocupação, uma vez que esses animais são encontrados com frequência em redes de pesca, além de destruírem os ninhos onde as tartarugas colocam seus ovos, causando severo aniquilamento à espécie.

Continuar Lendo  Filme Atividade Paranormal 4

Um dado constatado pela pesquisa mostra que menos de uma espécie de tubarão e arraias que foram analisadas, em cada dez espécies que estão em constante ameaçadas de extinção são protegidos pela Convenção sobre o Comércio Internacional das Espécies da Fauna e da Flora Silvestres Ameaçadas de Extinção. Um dos principais motivos de extinção dessas espécies é devido a sua caça ilegal, que tem o objetivo de vender tanto sua carne, quanto as partes do corpo, como a barbatana. Entre as espécies de tubarões ameaçados, o que corre mais risco é o tubarão martelo, que no filme é representado por Anchor.

A pesquisa da IUNC ainda mostra que pouco mais da metade de toda a espécie está ameaçada. E os danos não param por aí, pois pequenos animais marinhos, como é o caso do camarão-faxineiro-do-pacífico, que é repesentado por Jaques no desenho também corre riscos drásticos de extinção, e dificilmente será criado um programa de proteção desses bichos devido à falta de informação sobre eles.

Top