Alterações na pele durante a gravidez: mitos e verdades

A gravidez gera mudanças intensas no corpo da mulher, aparentes ou não. Além da grande barriga, é possível notar muitas alterações na pele, algumas boas ou não tão boas assim. Saiba mais sobre o assunto e veja alguns mitos e verdades sobre alterações na pele durante a gravidez.

As manchas na pele podem aparecer na gravidez. (Foto: divulgação)

Pele na gravidez

A gestação traz várias mudanças no corpo da mãe e uma das mais visíveis é a pele. Com o aumento da produção de hormônios, as machas podem surgir, espinhas, vermelhidões e outras alterações. Todas as manifestações que causam desconforto na gestante devem ser avaliadas pelo médico, já que o tratamento bastante específico e exige cuidado relacionado as medicações que podem ser usadas nesse período.

É essencial ficar atenta, já que existem algumas doenças de pele específicas da gravidez. Elas podem variar quanto a apresentação, podendo surgir urticária, coceira intensa e bolhas. Para evitar possíveis complicações, é essencial não exagerar na alimentação, usar produtos dermatológicos adequados e evitar a exposição ao sol.

Os cuidados com a pele na gravidez são essenciais. (Foto: divulgação)

Mitos e verdades sobre alteração da pele durante a gravidez

1. Mulheres de pele escura são mais propensas a manchas amareladas.

Verdade. As mulheres de pele escura ou negra são mais propensas ao cloasma, que são acastanhadas ou amarelas. Elas são causadas pelas transformações hormonais da gravidez. Para prevenir o ideal é evitar a exposição solar e utilizar protetor.

2. O aumento de espinhas é comum na gravidez.

Verdade. O aumento das espinhas é comum na gravidez e as gestantes devem ficar atentas caso queiram tomar alguma medicação é necessário consultar o médico especialista.

3. Se a gestante carregar medalhas no pescoço a criança nasce com manchas na pele.

Mito. Não existe nenhuma relação entre o uso de acessórios e marcas na pele do bebê. Apenas são retirados os metais no momento do parto.

4. A pele fica sem brilho durante a gravidez.

Mito. A pele durante a gestação ganha um brilho extra que emerge da pele da grávida, apesar de 10% da causa se dar pela felicidade, os demais 90% são devido ao aumento do fluxo sanguíneo e das mudanças hormonais.

Os melasmas podem surgir na gravidez. (Foto: divulgação)

A gravidez é um período da vida da mulher em que ocorrem muitas transformações, principalmente na pele. Os cuidados com a pele na gravidez devem ser redobrados devido as mudanças hormonais. Muitos mitos e verdades são criados em relação à pele da gestante, que devem ser desmistificados.

Reply