Alimentos industrializados: perigos, motivos para evitar

Existem diversas técnicas de conservação de produtos. Desde a antiguidade o homem vem evoluindo a forma de manter os alimentos viáveis por mais tempos.…

Existem diversas técnicas de conservação de produtos. Desde a antiguidade o homem vem evoluindo a forma de manter os alimentos viáveis por mais tempos. Muitos métodos já forma utilizados, como o fogo, o gelo, o sal, o vinagre, o óleo e o açúcar. Com a evolução dos tempos, produtos químicos foram criados com o intuito de conservar os alimentos. Porém, muitas dessas substâncias podem trazer prejuízos à vida do indivíduo. Conheça os perigos e os motivos para evitar os alimentos industrializados.

As guloseimas possuem altas taxas de aditivos e conservantes. (Foto: divulgação)

Substâncias industrializadas

Cada vez mais, a alimentação do ser humano está se afastando das leis da Natureza, passando a ser baseada em alimentos industrializados e pouco naturais. Entre as substâncias utilizadas para obter esses alimentos estão os agrotóxicos, os transgênicos, as irradiações, os promotores de crescimento e os aditivos químicos. Esses trazem prejuízos tanto ao meio ambiente, quanto á vida do indivíduo.

O perigo para as crianças

Não há criança que resista aos alimentos industrializados, entre os mais consumidos estão as gelatinas, os biscoitos recheados, os iogurtes, os pudins e as balas. A quantidade de aditivos químicos contidos nesses alimentos é enorme, o que pode trazer grande prejuízo à saúde dos pequenos.

Conheça mais sobre os aditivos

Em geral, alimentos como pães, geleias, sorvetes, margarinas, leite em pó, pudins, refrigerantes e doces em geral apresentam alta concentração de ácidos, corantes, espessantes, dióxidos, nitratos, além de outros tipos de aditivos. Todas essas substâncias são utilizadas para melhorar o sabor e a aparência dos produtos alimentícios. No entanto, os aditivos podem trazer grande prejuízo á saúde dos indivíduos, incluindo crianças e adultos. Por isso, é essencial que o consumo desses produtos seja limitado.

Ter uma alimentação natural, é importante para manter uma vida saudável. (Foto: divulgação)

Efeitos colaterais dos aditivos

Sabendo que os alimentos industrializados possuem aditivos e que estes são nocivos à saúde, conheça abaixo alguns exemplos de prejuízos que eles podem ocasionar.

  • Conservadores, como por exemplo o ácido benzoico e os nitratos – alergias, distúrbios gastrointestinais, problemas de pele, câncer gástrico e de esôfago;
  • Corantes – reações alérgicas em geral, convulsões e câncer;
  • Espessantes – irritação da mucosa intestinal e distúrbios gastrointestinais;
  • Estabilizantes – distúrbios gastrointestinais e cálculos renais;
  • Umectanttes – distúrbios gastrointestinais e problemas pulmonares;
  • Acidulantes – problemas do fígado e ósseos;
  • Flavorizantes – reações alérgicas e câncer.

    Devido a sua praticidade, cada vez mais as pessoas estão consumindo alimentos industrializados. (Foto: divulgação)

Com a correria e o estresse diários, muitos indivíduos recorrem para o consumo de alimentos industrializados, em especial, pela sua facilidade. No entanto, devido aos diversos produtos químicos que os compõe, muitas pessoas estão sujeitas ao desenvolvimento de doenças que, por vezes, podem ser fatais. Após conhecer mais sobre os perigos e os motivos para evitar os alimentos industrializados, é importante focar em uma alimentação balanceada e rica em alimentos naturais.

Leia Também:  Maquiagem para pele negra: produtos baratos

Top