Alimentação na Infância: Dicas para Criança Comer Melhor

Eis aí uma questão muito difícil para os dias atuais, hoje as crianças são muito mais atraídas para os fast food do que há…

Eis aí uma questão muito difícil para os dias atuais, hoje as crianças são muito mais atraídas para os fast food do que há uns tempos atrás. A própria televisão e a internet se encarregam de colocar na dieta das crianças esse tipo de alimento. Os lanches então, nem se fala, são os campeões em consumo infantil.

Como estamos vivendo na era da eletrônica as crianças passam maior parte do dia na frente do computador ou da televisão, as empresas especializadas em guloseimas tratam de fazer propagandas que atraiam o publico infantil.

Responsabilidade dos pais

Cabe aos pais saber dosar os alimentos dos filhos dês de a infância para que eles se acostumem a comer frutas e legumes sem reclamar. Como hoje em dia os pais passam maior parte do tempo trabalhando fora, as crianças são cuidadas por babás que não preparam os alimentos como deveriam. Os próprios pais nos finais de semana preferem alimentos mais práticos do que ter que cozinhar.

Colocar na mesa alimentos coloridos e variados estimula as crianças a se alimentarem melhor, e uma vez inseridos no cardápio elas passarão ater uma aceitação melhor, cheia de vitaminas, proteínas e nutrientes necessários para que se desenvolvam melhor e com mais saúde.

O que mais influencia na alimentação das crianças

Os fatores socioeconômicos influenciam muito na compra de alimentos mais caros, mas isso não quer dizer que tudo que é mais caro é saudável. O que leva a criança ater uma boa alimentação é o fator sócio comportamental, que é todo ambiente onde a criança esta inserida e que oferece a ela uma alimentação mais saudável rica em proteínas e vitaminas para a sua saúde.

O ritmo de vida muito atribulado das crianças com varias atividades extracurriculares, os deixa cansados e sem disposição para exercer qualquer atividade física que seja. Quando estão em casa passam maior parte do tempo sentado com os jogos de computador e com a televisão, sem se preocupar em ter uma alimentação saudável. Os alimentos que estão ao seu alcance são os mais solicitados como doces, bolachas e refrigerantes.

Uma dica importante é esvaziar a dispensa, deixar apenas alimentos saudáveis e que contribuem para o desenvolvimento da criança. Ao preparar as refeições é importante não encher de mais o prato para que a criança não se assuste com a porção. Faça pequenas porções e coloque alimentos coloridos para que elas possam comer com vontade.

Troque as bolachas recheadas e o refrigerante por frutas e suco de frutas, aos poucos as crianças vão se acostumando a ter uma dieta muito mais saudável. Determine horários para brincadeiras de correr, pular, em fim, atividades que canse o corpo, que proporcione desgaste físico para que a criança sinta fome e coma alimentos mais saudáveis.

Top