Algas que emagrecem

Entre as diferentes opções de tratamento para emagrecer, as algas se mostram eficientes e estão tornando-se populares entre aqueles que desejam perder peso. Especialistas…

Entre as diferentes opções de tratamento para emagrecer, as algas se mostram eficientes e estão tornando-se populares entre aqueles que desejam perder peso. Especialistas estudam constantemente as plantas marinhas, encontrando os maiores riscos e benefícios. Confira um pouco mais sobre as tais algas que emagrecem e como elas agem no organismo.

As algas são poderosas aliadas do nosso organismo, trazendo inúmeros benefícios, incluindo o controle de peso. (Foto: divulgação)

Como as algas funcionam?

As poderosas plantas marinhas, além de agir contra a obesidade, destroem algumas bactérias, estimulam o sistema imunológico, curam as úlceras, reduzem o colesterol do sangue e ainda atuam como laxantes naturais, fazendo o sistema excretor funcionar corretamente. Alguns profissionais usam as algas para tratar obstipação, bronquite, asma e desordens do aparelho gastro-urinárias.

Algas que emagrecem

Conheça a seguir algumas algas que podem ser usadas para o tratamento da obesidade. Essas plantas marinhas possuem os mais completos nutrientes, ajudando também num melhor funcionamento do organismo.

Agar-agar – É conhecida como “gelatina vegetal, pois pode ser usada para substituir a gelatina animal, a mais tradicional do mercado”. A alga pode ser usada no preparo da gelatina em si ou de pratos doces e salgados. Ajuda a perder peso, pois sacia o apetite e atua como purificador.

Bodelha. (Foto: Divulgação)

Bodelha – Possui uma grande quantia de iodo, ingrediente que ajuda a controlar a obesidade. O seu conteúdo de iodo controla a obesidade. Existem mais de 20 mil espécies, mas apenas algumas delas já foram estudadas.

Espirulina – Essa é uma alga de água doce. É considerado um alimento completo, pois possui mais de 75% de proteína e possui altos níveis de todas as vitaminas, aminoácidos e mineiras. Além da obesidade, a Espirulina ajuda a tratar problemas como diabetes, raquitismo e artrite. Ela reduz o apetite, oferecendo vários nutrientes necessários para o corpo.

Continuar Lendo  Mau cheiro nas axilas: como evitar

Fucus – Outra alga rica em iodo, por isso usada para emagrecer. É um estimulante também da tireoide.

Laminária – Levemente laxativa, além disso, protege e acalma as membranas mucosas do organismo.

Musgo da Irlanda. (Foto: Divulgação)

Musgo da lrlanda – Usada para combater a obesidade pelo seu alto teor de iodo.

Wakame – Alga com bastante conteúdo de proteínas e vitaminas do complexo B, sódio, cálcio, fósforo e ferro. Recomendada para pessoas que não podem consumir sal, substituindo o condimento pela alga. Por esse motivo, pode ser encontrada em pó, além de moída ou inteira. É alga com maior contração de vitaminas B12.

Leia também:

Pílulas naturais que tiram a fome

Dieta do PH: o que é, prós e contras

Top