Álcool em filmes estimulam jovens a beber, diz pesquisa

Uma pesquisa conduzida pela Universidade de Dartmouth, nos Estados Unidos, advertiu que cenas de consumo de álcool em filmes incentivam o hábito entre o…

Por Editorial MDT em 25/02/2012

Imagem: (Foto Divulgação)

Uma pesquisa conduzida pela Universidade de Dartmouth, nos Estados Unidos, advertiu que cenas de consumo de álcool em filmes incentivam o hábito entre o jovens. O estudo concluiu que a exibição de cenas com consumo de álcool no cinema é mais influente para que os jovens consumam bebida alcoólica do que pais que bebem ou o fácil acesso à bebida em casa. O estudo completo foi divulgado na revista British Medical Journal.

Os pesquisadores fizeram ligações confidenciais com cerca de 6.500 jovens selecionados casualmente com idade entre 10 e 14 anos, que deram entrevistas mais de quatro vezes durante dois anos. Os participantes foram interrogados sobre quais filmes tinham visto com cenas contendo álcool ou anúncios de bebidas, e também sobre sua personalidade, educação e vida familiar.

Cerca de 50 filmes foram assistidos no estudo. Os pesquisadores analisaram a exposição do álcool em filmes, fundamentado no consumo ou obtenção do personagem. Foi observado que os participantes ficaram em média, assistindo os filmes durante quatro horas e meia.

Resultados

Durante os dois anos de análise, a porcentagem dos jovens que passaram a consumir álcool saltou de 11% para 25%. A proporção dos que começaram a beber demasiadamente, foi de 4% para 13%.

Os autores notaram que a exposição de bebidas alcoólicas em filmes correspondeu ao terceiro maior fator de risco para a ingestão de bebida entre jovens, sendo mais grave do que ter pais distantes ou pais que bebem ou ainda ter acesso a bebida em casa. O principal foi a ingestão da bebida entre os colegas.

Filmes com cenas de consumo da bebida  foram responsáveis por 28% do começo da ingestão  e 20% da passagem para o seu uso frequente. E mais, os jovens que assistiram mais filmes envolvendo bebidas alcoólicas estavam mais propensos a começar a beber do que aqueles que assistiram menos. Eles ainda estavam 63% mais propensos a partir para o seu consumo demasiado.

“No cinema, o álcool é tipicamente associado a situações positivas, sem efeitos negativos, e frequentemente são exibidas as marcas das bebidas, o que promove nos jovens tanto a identificação quanto a lealdade à marca”, afirma o estudo. “A aquisição de uma mercadoria com propaganda de álcool, como uma peça de roupa com uma marca de bebida sobre ela, pode favorecer o processo”.

Cerca de 61% dos filmes de Hollywood mostram o produto de algum modo. Os produtores são proibidos de usar cigarro, todavia, não há nenhuma interdição para o uso de álcool. Os autores do estudo dão ênfase ao poder do incentivo ao consumo de bebidas alcoólicas se espalhar ao redor do mundo, já que esses filmes são vendidos para diversos países.

Top