Achados e perdidos no metrô de SP

Não há nada mais desagradável quando objetos ou bagagens são esquecidos, em locais de grande movimentação de pessoas. Em lugares como aeroportos, rodoviárias e…

Não há nada mais desagradável quando objetos ou bagagens são esquecidos, em locais de grande movimentação de pessoas. Em lugares como aeroportos, rodoviárias e estações de metrôs, muitas pessoas acabam deixando os seus pertences, certamente, por serem pontos de partida para quem vai viajar ou se locomover pelas cidades. O número de objetos perdidos só cresce a cada ano.

Em São Paulo, por exemplo, mais de 200 mil pessoas utilizam, diariamente, os trens e metrôs da cidade, o que acarreta em muitos objetos perdidos e que nem sequer são procurados pelos donos. Se você é um dos milhares que já perdeu algum objeto, em alguma estação de metrô de São Paulo, já pode ficar despreocupado, visto que existe a possibilidade de encontrá-los novamente, através do serviço de Achados e Perdidos, disponibilizado para ajudar os passageiros na busca de seus pertences.

O Achados e Perdidos é um dos serviços mais respeitados do Brasil, oferecido pelo metrô de São Paulo.  Existente desde 1975, ele funciona na Estação Sé, de segunda à sexta-feira, das 07:00h às 20:00h, com exceção dos feriados. Lá, você tem a oportunidade de procurar por seu objeto fazendo uma descrição do mesmo. Em alguns casos, é preciso apresentar documentos que comprovem que o objeto (de fato) pertence a você. Para quem utiliza a Linha 5-Lilás, saiba que ela também dispõe de uma Central de Achados e Perdidos,  localizada na Estação Largo Treze. Ela funciona de segunda à sexta-feira, das 08:00h às 17:00h.

Para quem perdeu os documentos, a consulta pode ser feita de forma mais rápida e fácil. Através de um telefone exclusivo oferecido pela Central de Informações,  o 0800-07707722. O horário de funcionamento da Central de atendimento por telefone é de 05:30h às 23:30h. Todos os objetos esquecidos pelos passageiros ficam guardados e à disposição de seus donos, por 60 dias. Caso, dentro deste prazo, os objetos não sejam procurados ou retirados, os mesmos serão encaminhados para o Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo. Se o material perdido for documentos, eles serão repassados para os órgãos emissores que constam no próprio documento.

Leia Também:  Botas Femininas 2010

Além de todas as opções apresentadas, você também, poderá fazer a consulta de objetos através da internet, em sua própria casa ou nos diversos computadores espalhados em várias Estações. Este novo sistema oferece a opção “Procura-se”, em que você pode registrar os seus contatos como telefone, nome e e-mail. Assim que o objeto perdido for encontrado, o Metrô entra em contato com você. Ficou interessado pelo serviço? Acesse então o site do Achados e Perdidos do Metrô de São Paulo www.metro.sp.gov.br/servicos/achados/achados.shtml.

Top