Absorvente íntimo: como escolher

Quem é mulher sabe que a maioria dos comerciais de absorventes é a mesma coisa: mulheres estão lindas, de bem com a vida e usando, sem…

Por Editorial MDT em 08/02/2012

Quem é mulher sabe que a maioria dos comerciais de absorventes é a mesma coisa: mulheres estão lindas, de bem com a vida e usando, sem medo, vestidos ou calça branca! Porém, mesmo com a evolução dos absorventes, na maioria das mulheres ainda bate uma insegurança na hora de escolher o modelito naqueles dias.  Das “toalhinhas” do tempo da vovó à variedade e praticidade dos absorventes dos dias de hoje, muita coisa mudou, quando o assunto é a saúde e a higiene íntima da mulher.

Atualmente os absorventes possuem grande variedade e são muito práticos

Atualmente, estão disponíveis no mercado dois tipos de absorventes: os externos (mais comumente usados) e os internos. Porém, daremos ênfase aos absorventes internos, ajudando na escolha do modelo mais adequado para evitar transtornos futuros.

Absorventes internos ou íntimos

Esse tipo de absorvente está no mercado nacional há mais de 30 anos, porém ainda hoje gera polêmica e dúvida no universo feminino, em relação ao seu uso e possível malefício. Contudo, não é preciso ter preocupação quanto ao seu uso. Assim como os absorventes externos possuem vantagens, os íntimos também as possuem. Conheça um pouco mais sobre elas:

  • Pessoas ao redor não percebem que a mulher está fazendo uso do absorvente interno;
  • Pode ser utilizado em praias e piscinas;
  • Não marca roupas justas;
  • A mulher que o utiliza não sente dor;
  • Encontrado em diversos tamanhos, que correspondem pelo tipo de fluxo da mulher;
  • Pode ser utilizado durante todos os dias da menstruação, contando com o primeiro. Porém, é necessário realizar sua troca a cada 4 horas, o que evita futuras infecções;
  • Ajuda na diminuição do período menstrual, por absorver o fluxo mais cedo.

 Como escolher?

Nas prateleiras dos mercados e farmácias é possível enlouquecer com a diversidade existente. São tantas marcas e opções que escolher o melhor absorvente nem sempre é fácil. Os modelos variam de finos, grossos, diurnos, noturnos, leves, pesados. Ainda existem os diferenciados para meninas moças, isto é, meninas que ainda não tem uma vida sexualmente ativa. Porém, nem toda a informação é válida na hora da compra.

Absorventes internos são discretos e podem ser usados na praia ou piscina.

Cada mulher é diferente, assim é necessário estar atenta ao tipo de fluxo apresentado. A mulher pode usar até três modelos diferentes em cada período menstrual, mas para realizar uma compra perfeita é importante observar o seguinte:

  • Quantidade do fluxo sanguíneo diário
  • Quantidade de dias de menstruação
  • Possíveis alergias
  • Situações sociais que possam ocorrer a cada mês (como festa, piscinas, etc)

Como o absorvente íntimo fica em contato direto com a mucosa vaginal, a investigação de possíveis alergias é essencial na hora da escolha da marca. Assim caso ocorra algum sinal de manifestação alérgica como:

  • Vermelhidão;
  • Coceira;
  • Corrimento;
  • Dor.

Suspenda seu uso imediatamente e procure um médico especialista o mais rápido possível!

O OB é um tipo de absorvente interno

Com a variedade de absorventes existentes no mercado nacional, pode ser difícil encontrar a marca que melhor combina com a mulher. Porém, antes de tudo é preciso conhecer o fluxo menstrual, assim como a sua rotina para saber optar pelo melhor para a sua saúde.

Top