A lâmpada certa para cada lugar da casa

Na hora de planejar a iluminação da residência, as pessoas costumam ficar em dúvida sobre qual lâmpada escolher para cada cômodo. Para conseguir optar…

Lâmpada fluorescente compacta - mais indicada nos projetos de iluminação. (Foto:Divulgação)

Na hora de planejar a iluminação da residência, as pessoas costumam ficar em dúvida sobre qual lâmpada escolher para cada cômodo. Para conseguir optar pelo melhor produto, é necessário conhecer as principais características dele, além de ter em mente qual o efeito de luz que o espaço necessita para se tornar mais confortável.

A escolha da lâmpada certa tem se tornado um pouco mais complicada diante de tantas opções que surgem no mercado. Existem recursos de iluminação voltados para a área interna ou externa, que economizam energia elétrica, que apresentam maior durabilidade e que apostam no efeito de luz diferenciado como atrativo. Com tantas alternativas, é natural o consumidor se sentir confuso.

Saiba mais: Como usar lâmpadas na decoração – dicas, ideias, fotos

A melhor lâmpada para cada ambiente

A variedade de lâmpadas é apenas um dos obstáculos para a escolha, pois ainda existe o desafio de determinar a melhor iluminação para cada ambiente da casa, levando em conta o dia a dia dos moradores e as funções de cada divisão residencial. Confira a seguir as lâmpadas mais indicadas para cada cômodo e esclareça suas dúvidas.

Iluminação aconchegante

Quarto de casal deve ser aconchegante e íntimo. (Foto:Divulgação)

Quarto: requer uma iluminação geral bem distribuída, capaz de aumentar a sensação de conforto e relaxamento. As lâmpadas mais indicadas para este ambiente são as fluorescentes compactas, amarela, com até 15W. A cor da luz vai favorecer a atmosfera de aconchego que qualquer área íntima necessita.

Sala: a principal área de social da casa combina com o mesmo tipo de luz adotado no quarto, pois reforça a ideia de acolhimento para conviver e recepcionar. A escolha pela lâmpada fluorescente se deve ao fato dela ser mais econômica do que a incandescente e apresentar maior durabilidade.

Leia Também:  Agapinho: Livro Ágape para crianças

Caso o morador queira melhorar a qualidade luminosa da sua sala de estar, ele pode optar por uma lâmpada halogena,que apesar de consumir bastante energia, melhora muito a visibilidade da área social.

Iluminação funcional

A cozinha precisa ser bem iluminada, por isso dê preferência a luz clara e fria. (Foto:Divulgação)

Cozinha: neste ambiente, reservado para cozinhar, lavar louça e armazenar alimentos, é importante que a iluminação seja intensa e clara. A lâmpada escolhida deve ser fluorescente na cor branca, com potência maior de acordo com o tamanho do espaço iluminado.

Banheiro: a mesma lâmpada adotada na cozinha também funciona na área sanitária, no entanto, é recomendado dar preferência ao formato circular e tubular.

Corredor: pelo fato de ser um local de passagem, é recomendado adotar lâmpadas que garantam uma boa iluminação e apresentem durabilidade, pois elas permanecem acesas por muito tempo. A melhor indicação para este caso é a fluorescentes compactas com potência maior.

Varandas e jardins: a área externa, em geral, necessita de lâmpadas fluorescentes de baixa potência, pois elas garantem a iluminação durante a noite toda. Caso a intenção seja reduzir o consumo de energia, vale a pena instalar sensores de movimento. 

Veja também: Dicas para acertar na iluminação da casa

Top