16 de setembro • Dia Internacional para a Preservação da Camada de Ozônio

O dia 16 de Setembro é um marco na história mundial. Nessa data, países de todo o mundo se reuniram para assinar um tratado…

Por Editorial MDT em 16/09/2012

O dia 16 de Setembro é um marco na história mundial. Nessa data, países de todo o mundo se reuniram para assinar um tratado de conservação da camada de Ozônio. Para conhecer um pouco mais desse episódio tão importante em nossa história, separamos algumas informações sobre o dia 16 de Setembro – Dia Internacional para a preservação da Camada de Ozônio.

Saiba quando o Sol pode ser uma ameaça a nossa saúde.

16 de Setembro - Dia Intrnacional da Preservação da Camada de Ozônio. (foto divulgação)

Conheça como tudo começou

No dia 16 de Setembro de 1987, 46 países concordaram em assinar um documento que recebeu o nome de “Protocolo de Montreal”. Através dele, os países em questão se comprometeram a parar de fabricar o gás clorofluorcarbono (CFC), o qual é o principal responsável pela destruição da camada de Ozônio. Após a aquisição das assinaturas, a Organização das Nações Unidas (ONU), declarou a data como o Dia Internacional para a Preservação da Camada de Ozônio.

CFC – o principal vilão

O gás clorofluorcarbono (CFC) é conhecido desde o ano de 1928 e desde daquela época é tido como o principal vilão da camada de Ozônio. Isso porque, quando liberado em excesso, ele contribui com a formação de um buraco no escudo protetor, a camada de ozônio. Essa estrutura tem como principal função impedir que os raios ultravioletas do Sol alcancem a superfície terrestre. Para se ter uma ideia da agressividade do CFC, uma única molécula desse gás pode destruir cerca de cem mil moléculas da camada de Ozônio.

A emissão de gases, em especial o CFC, é a principal vilã da camda de Ozônio. (foto divulgação)

Nem tudo são flores

Após a concordância na diminuição da liberação do CFC diversas indústrias de aparelhos de ar condicionado, chips de computadores, embalagens plásticas inseticidas, entre outras, tiveram uma queda do consumo desse gás em 76%, em todo um mundo. Uma marca muito importante para nosso planeta. No entanto, desde do ano de 1988, o gás e comercializado no mercado negro, movimentando cerca de 20 a 30 mil toneladas do gás por ano.

Faça a sua parte!

Em respeito a proteção da camada de Ozônio, cada um pode fazer sua parte. Sendo assim, uma das contribuições mais importantes é a troca dos eletrodomésticos antigos, pelos mais modernos. Isso porque esses últimos, possuem um meio de economizar energia, emitindo assim, menos gases para a camada de Ozônio. Além disso, é possível evitar as temperaturas máximas dos aparelhos de ar condicionado ou dos aquecedores. Outros hábitos a serem adotados são:

  • Caminhar;
  • Andar de bicicleta;
  • Utilizar transportes de massa;
  • Reutilizar;
  • Reciclar;
  • Plantar árvores.

E lembre-se, utilize um protetor solar sempre que estiver exposto ao Sol.

Cada um pode faer sua parte na preservação da camada de Ozônio. (foto divulgação)

O dia 16 de Setembro de 1987 trouxe um marco em nossa história, tornando-se o Dia Internacional para a Preservação da Camada de Ozônio. Além das atitudes adotadas pelas indústrias, cada m de nós podemos fazer nossa parte e colaborar com a preservação. Nosso planeta agradece o cuidado!

Top