Você está em: MundoDasTribos > Tecnologia > Tablet ou e-reader: qual deles comprar?

Tablet ou e-reader: qual deles comprar?

Por Andre

Ao acessar um site de e-commerce ou entrar em uma loja de aparelhos eletrônicos, muitas pessoas ficam em dúvida sobre qual o dispositivo móvel mais adequado para comprar: tablet ou e-reader?

Tablet ou e-reader? Essa é a dúvida de muitas pessoas, na hora de escolher um novo dispositivo móvel (Foto: Divulgação)

Funcionando como um intermediário entre os notebooks e os smartphones, o tablet é um dispositivo que pode até substituir o PC em algumas tarefas, como navegar na web, acessar redes sociais, ler e enviar e-mails, jogar online, editar pequenos arquivos de texto e planilhas, entre outras, além de possibilitar o registro de fotos e vídeos.

Já o aparelho para a leitura de livros digitais, como também é conhecido o e-reader, é um aparelho de uso mais limitado, tendo como principal (e quase exclusiva) função permitir a leitura de livros digitais, os famosos e-books, que cada vez mais caem no gosto popular.

Conhecendo um pouco mais sobre esses dispositivos, você evita fazer escolhas erradas, como pagar caro por um tablet, quando você quer apenas ler as versões digitais dos seus livros preferidos, ou comprar um e-reader bem barato, achando que poderá utilizá-lo para jogar, baixar aplicativos e navegar pela web.

Vantagens e desvantagens do tablet

O tablet oferece uma série de recursos, mas tem bateria com menor autonomia e custo mais elevado (Foto: Divulgação)

Contando com telas touchscreen de LED ou LCD, cujos tamanhos variam de seis a 10 polegadas, os tablets são, de maneira geral, bastante leves e finos, e equipados com processadores poderosos, que permitem a realização de várias tarefas ao mesmo tempo.

Trazendo as conectividades Wi-Fi e/ou 3G, eles possibilitam acessar a internet em qualquer lugar, para que você possa usufruir de vários serviços online (internet banking, compras, leitura de e-mails e notícias, etc), baixar músicas e filmes, assistir vídeos no YouTube, acessar o Facebook e muito mais.

Os sistemas operacionais Android e iOS, desenvolvidos respectivamente pelas gigantes Google e Apple, são os responsáveis por equipar quase que a totalidade dos tablets comercializados no mundo inteiro, oferecendo centenas de milhares de aplicativos e jogos, pagos e gratuitos, que deixam os gadgets ainda mais completos.

Os tablets trazem ainda vários outros recursos, como câmeras frontais e traseiras, GPS e Bluetooth, e podem ter a capacidade interna de armazenamento aumentada, com o uso de cartões de memória. E assim como os e-readers, eles também permitem a leitura de livros digitais.

Por outro lado, apesar de todas essas vantagens, o tablet pode custar bastante caro, dependendo do modelo escolhido, e ainda apresenta uma fraqueza comum a vários outros aparelhos eletrônicos, a duração da bateria. Dependendo do uso que será dado a ele, você terá que recarregá-lo praticamente todos os dias.

Vantagens e desvantages do e-reader

Já o e-reader oferece tela com menos reflexo e bateria com autonomia superior a 30 dias, além de preços mais baixos. No entanto, tem basicamente a função de ler livros digitais (Foto: Divulgação)

Contando com tela de e-ink, tecnologia que proporciona imagens muito mais naturais que os displays de LED e LCD, gerando imagens semelhantes às impressas em papel, os e-readers têm como uma das principais vantagens a baixa incidência de reflexo na tela.

Dessa forma, ler um e-book na praia ou em outro ambiente a céu aberto, usando um desses dispositivos, é muito mais fácil. Além disso, tal tecnologia cansa menos a vista, evitando dores de cabeça e outros tipos de mal-estar para quem passa horas seguidas lendo.

Outra grande vantagem do e-reader está na duração da bateria. De maneira geral, elas podem durar mais de 30 dias sem precisar de uma recarga sequer, já que o aparelho possui menos recursos e uma luminosidade da tela diferenciada, garantindo maior autonomia.

E para os leitores ávidos por novas obras dos seus escritores favoritos, um e-reader com capacidade de armazenamento de 3 GB, por exemplo, pode guardar mais de 3.000 livros digitais (já pensou carregar tudo isso em uma mala ou guardar tais obras na estante da sala?), espaço que pode ser aumentado com o uso de cartões de memória, chegando a cerca de 40.000 e-books em um único aparelho.

Ao contrário do que se possa pensar, os e-readers também oferecem acesso à internet, permitindo ao usuário comprar e baixar e-books, compartilhar dados de leitura nas redes sociais e ler revistas e jornais online, por exemplo.

No entanto, devido a algumas limitações, usar o aparelho para outros serviços online, como para jogar, abrir vídeos no YouTube e baixar aplicativos, é algo quase impossível. Além disso, o gadget não traz câmeras e nem players de áudio e vídeo, tendo o uso praticamente limitado ao simples prazer da leitura.

Modelos e preços de tablets

O iPad é o tablet mais cobiçado do mundo (Foto: Divulgação)

Existem vários modelos de tablets à disposição no mercado nacional, inclusive tablets customizados para as crianças, com opções para todos os tipos de gostos e bolsos, partindo de modelos mais simples e baratos aos sofisticados e caros.

Entre as opções mais modestas, há, por exemplo, o Tablet Z-Pad de 7 polegadas, com Android 2.2, modem 3G e Wi-Fi, que custa R$ 230,00, no site EMS Shop, passando pelo Samsung Galaxy Tab 2, com Android 4.0, display de 7 polegadas e memória de 8 GB, que sai a R$ 699,00 na Americanas.com.

Se você quiser investir ainda mais, há os modelos top de linha criados pela empresa de Steve Jobs, o iPad mini, que custa a partir de R$ 1.299,00 e o iPad com tela Retina, que sai a partir de R$ 1.749,00, no site da Apple.

Modelos e preços de e-readers

O Kindle é um dos principais e-readers do mercado (Foto: Divulgação)

No caso dos e-readers, duas boas opções são o Kindle, da Amazon, com tela de 6 polegadas e Wi-Fi, que custa a partir de R$ 299,00, no site do Ponto Frio, e o Kobo Mini, com tela de 5 polegadas e Wi-Fi, que sai a R$ 259,00, no site da Livraria Cultura.

Os dois modelos de e-readers estão entre os mais conhecidos, mas há também outras opções, como o Positivo Alfa (a partir de R$ 319,90), lembrando que os preços citados foram consultados em 22 de julho de 2013, estando sujeitos a alterações sem aviso prévio.

E agora, qual deles devo comprar, o tablet ou o e-reader?

Agora que você já conhece um pouco mais a respeito desses dois dispositivos, leve em conta, na hora da escolha, quais usos serão dados ao aparelho adquirido. Se você quer acessar a internet, ouvir músicas, rodar vídeos e tirar fotos, por exemplo, o tablet é o ideal.

Caso você queira apenas ler livros digitais e tem menos dinheiro para investir, o e-reader pode ser uma boa aposta.

Recomendado para você
Tecnologia

Mapas de Localização de Ruas Via Satélite

Tecnologia

Entrar no Hotmail: www.hotmail.com.br

Tecnologia

Vírus no Whatsapp: Prevenção, Como Remover o Vírus

Tecnologia

Simulador de Corte de Cabelo

Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *