Serviços

Site da receita federal – www.receita.fazenda.gov.br

Por Isah

O site da Receita Federal – www.receita.fazenda.gov.br disponibiliza vários serviços para os usuários, garantindo segurança e comodidade durante o acesso. O conteúdo abrange diferentes assuntos que ajudam a manter o controle da tributação e combater as irregularidades.

Site da receita federal, www.receita.fazenda.gov.br

Site da receita federal – www.receita.fazenda.gov.br

Prático, moderno e instrutivo, o Site da receita federal, www.receita.fazenda.gov.br permite que o internauta conheça as leis e normas que regem os tributos no Brasil.

No site da Receita Federal podemos consultar CPF se está regularizado, no caso essa consulta é para quem pretende fazer algum tipo de financiamento, como casa, carros e caminhões ou outro que o Banco ou a empresa em questão precisar. CONSULTAR CPF GRÁTIS

O acesso também concede informações a respeito de programas públicos, benefícios e consultas de recursos. No caso do internauta não compreender alguma ferramenta do site, ele pode entrar em contato com a central de atendimento para tirar dúvidas e obter instruções mais claras.

Além dos serviços de consultas online, o site também permite que os usuários façam o download de softwares úteis para o dia-a-dia da pessoa jurídica ou física, como é o caso do programa de emissão de formulários. Desta forma, fica claro que a Receita Federal vai muito além da Declaração de Imposto de Renda e permite realizar uma série de serviços sem sair de casa.

Veja também: Consulta CNPJ Receita Federal

O portal e-CAC tem serviços protegidos por Certificado Digital.

Usando as ferramentas disponíveis na internet, o indivíduo ou empresa não precisa ir até o prédio da Receita para resolver a sua situação, na verdade ele pode contar com o Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC). Ao usar os recursos da Receita, é possível proteger os dados através de sigilo fiscal, uma garantia do Certificado Digital.

Acesse o site da Receita Federal (Acesse AQUI), obtenha mais informações a respeito das ferramentas e desfrute da comodidade dos serviços online.

Sobre a Receita Federal

A Receita Federal do Brasil (RFB) é responsável pela administração dos tributos federais, ou seja, controla todo o dinheiro que circula no país. Subordinada ao Ministério da Fazenda, ela tem várias funções, como consolidar a legislação, estabelecer políticas tributárias, supervisionar os serviços de fiscalização, fazer o processamento do CPF e CNPJ e realizar investigação fiscal.

A Receita Federal é responsável pela administração de tributos, por isso todos devem prestar contas a ela.

O papel da Receita Federal é importante para combater a sonegação, a pirataria, o contrabando, o tráfico d drogas e outras atividades consideradas ilegais.

Consultas Pessoa física e Empresa no Site da Receita Federal

O acesso aos serviços as Receita Federal foi facilitado graças à internet. O site oficial do órgão permite realizar a declaração de imposto de renda, emitir certidões negativas, solicitar comprovantes de inscrição e situação cadastral (CPF/CNPJ) e consultar processos.

O espaço do RFB online garante o acesso a outros recursos, que permitem regularizar a situação tanto da pessoa física como jurídica. Confira alguns serviços oferecidos no site da Receita Federal:

Serviços para o Cidadão

 Aduana Legislação e Processos
 Cadastros Pagamentos e Parcelamentos
 Certidões e Situação Fiscal Restituição e Compensação
 Cobrança, Fiscalização, Isenção Senhas e Procurações
 Declarações e Demonstrativos Outros
 Dívida Ativa da União

Serviços em Destaque

Veja também: Consulta CPF Receita Federal 

Para facilitar a vida do usuário, a Receita Federal criou um canal no youtube com dicas diversas que facilitam para o melhor entendimento do usuário. Abaixo está o canal do youtube da Receita Federal onde você pode ver todas as matérias através da playlist.

Declaração do Imposto de Renda 2017

No site da Receita Federal como dissemos acima você poderá fazer o download do programa quer gera o Imposto de Renda 2017 (veja como declarar) referente ao ano base 2016. A entrega da declaração do IR irá começar depois do Carnaval, no dia 2 de março o prazo final será  dia 28 de abril.

A restituição do Imposto de Renda terá preferencia para Idosos, portadores de doenças graves, deficientes físicos e mentais. Outro fator importante é que somente quem entregar a declaração no inicio do prazo corretamente, sem erros, sem omissões receberá a restituição do Imposto de Renda mais cedo.

Segundo A receita o cronograma de Restituição do Imposto de Renda 2017 está previsto para:

  • 1º lote: 16 de junho
  • 2º lote: 17 de julho
  • 3º lote: 15 de agosto
  • 4º lote: 15 de setembro
  • 5º lote: 16 de outubro
  • 6º lote: 16 de novembro
  • 7º lote: 15 de dezembro
O site da Receita Federal você acessar o programa para declarar seu Imposto de Renda (imagem montada Mundo das Tribos)
O site da Receita Federal você acessar o programa para declarar seu Imposto de Renda (imagem montada Mundo das Tribos)

Caso você não entregue seu Imposto de Renda haverá uma multa de R$ 165,74 então não esqueça de baixar o programa de declaração do seu IR.

Se você não sabe como fazer a declaração do Imposto de Renda, peça ajuda para um contador, para que ele possa lhe ajudar e se informa de todos os documentos necessários para fazer sua declaração sem erros e dentro do prazo indicado.

Quem deve declarar  Imposto de Renda?

Todo contribuinte que recebeu rendimentos (tributáveis) acima de R$ 28.559,70 em 2016, deve declarar o Imposto de Renda (veja quem deve declarar) conforme a Receita Federal.

As pessoas que decidirem por desconto simplificado, abrirá mão das deduções admitidas na legislação tributária, e terá uma dedução de 20% do valor dos rendimentos tributáveis que limita-se à R$ 16.754,34 que no caso é do ano passado.

Segundo a Receita Federal ainda deve declarar o IR (obrigatório) as seguintes pessoas:

  • As pessoas que receberam rendimentos isentos, seja tributável ou não-tributável, tributado exclusivamente na fonte com a soma superior a 40mil no ano de 2016
  • Quem teve em 2016 (não importa o mês) ganho de capital, alienação de bens, ou direitos, sujeito à incidência do imposto.
  • Pessoas com atividades rurais com ganho acima de R$ 142.798,50
  • Pessoas que obteve posse ou propriedade de bens, direitos, até de terra nua superior a R$ 300mil.
  • Pessoas que passaram a condição de residente no Brasil (não importa o mês) e nessa condição estava em 31 de dezembro de 2016

Formas de entregar o Imposto de Renda 2017

As formas para entregar o Imposto de Renda 2017 são simples. Você pode acessar um dos links acima, conforme explicamos sobre o site da Receita Federal, e usar o program de transmissão da Receita Federal conhecido muito como Receitanet online.

Apenas para poder lembra que a sua declaração do Imposto de Renda não pode ser mais entregue via, disquete, nas agências bancarias. E como deve lembrar o antigo formulário de papel desde 2010 foi excluído.

Assim esperamos que você tenha entendido bem como usar o site da Receita Federal, como declarar seu Imposto de Renda ou IR. Caso não, não hesite em procurar ajuda de especialista (contador) para que o mesmo possa lhe ajudar no quesito Declaração do Imposto de Renda e claro em qualquer outra utilidade do Site da Receita Federal.

Recomendado para você
Serviços

Como consultar multas no DetranNet MG 2017

Serviços

Advogado Gratuito em Campinas

Serviços

Nota Salvador: como se cadastrar e utilizar os créditos

Serviços

Franquia Yes Cosmetics

Comentários
  1. marilene disse:

    Gostaria d saber como posso consultar meu cpf gratuitamente. obrigada.

  2. Jureslavo José Vieira disse:

    Desejo saber se:
    Até que idade um aposentado deve declarar IRPF, OU TEM PARÂMETROS de faix salarial ?

  3. Lourdes Guimarães disse:

    O desconto realizado pela fonte pagadora no pagamento do 13 salário do contribuinte,com o I.R.retido na fonte e contribuição previdenciaria,poderão ser computados no cálculo para apuração de re
    stituição do IMPOSTO?

    Por favor aguardo uma resposta “urgente”;

    Muito obrigada.

  4. Elena Camargo disse:

    meu marido esta com o seu CPF bloqueado, e como faço entrei na internet e consta uma firma nonseu nome,mas faz mas de 9 anos que ele é isento como faço para saber sua situação.

  5. kelly disse:

    olá minha filha é portadora da síndrome de down gostaria de realizar a compra de um carro para seu transporte com faço isso?o que é preciso?

  6. juarez de quadros barbosa disse:

    Em janeiro/15 solicitei e recebi da Operadora do meu plano uma planilha detalhada : (documento nº, data de pgto., local pgto., atraso mensalidade, co-participação, aditivos, adesão, despesas bancárias, juros/multa, ,,,, total pago) c/ os pagamentos de mensalidades efetuadas no período de ja-dez/2014. Em março/15 entrei em contato c/ a Operadora do meu plano e solicitei que enviassem via e-mail ” declaração / demonstrativo com os pagamentos de mensalidades efetuadas ” no período acima, p/ que eu pudesse declarar à Receita Federal – exerc. 2015. A minha surpresa é que a declaração enviada em março/15 detalhando vencimento, pagto., valor pago feitos mensalmente, não bate com a planilha enviada em janeiro/15. Os juros/acréscimos não foram computados nesta declaração. Entrei em contato com a Operadora do meu plano e a pessoa contactada/responsável pela minha indagação (divergência) informou que o ” sistema ” não considerava p/ efeito de imposto de renda os encargos (juros/mora) pagos. Dúvida : Deve-se considerar os encargos ( juros/mora) na informação para a Receita Federal ou expurgá-los . Se sim, a quem (telefone / e-mail) devo recorrer, já que a Operadora do meu plano esta relutante e inflexível na informação ?

  7. juarez de quadros barbosa disse:

    Meu filho (de 31 anos) é beneficiário dependente e eu titular no plano de saúde-dental. Apresentamos declaração de imposto de renda ” em separado “. Pode-se utilizar / informar os gastos totais (meu+dele) com o plano de saúde, na declaração dele (filho) ?
    JQB.

  8. vera lucia rodrigues de souza soares disse:

    gostaria de saber se o imposto retido em fonte descontado no beneficio de pensionista..é devolvido todo o ke foi descontado ou so uma parte

  9. Cicera Ferreira de Alencar disse:

    Gostaria de agendar a renovação do meu passaporte. Como devo proceder?

  10. rogerio da silva couto disse:

    Perdi o numero do recibo da declaração apresentada em 2015. como faço para conseguir o número?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *