Search

Sintomas de pedras nos rins

Conheça os sintomas das pedras nos rins, saiba como elas são causadas e como tratá-las. Veja também algumas dicas de prevenção e cuidados.
Google plus

As pedras ou cálculos renais são formados através do acúmulo de cristais que existem na urina. A presença delas pode não ser notada, ou seja, sem sintomas. Porém, em alguns casos o problema pode provocar dores muito fortes que começam nas costas e vão para o abdómen em direção ao canal da urina. É uma dor de forte intensidade que se manifesta em cólicas, tendo picos de dor intensa e de alivio.

Pedras no rim dão dor em região lateral das costas.

Sintomas de pedras nos rins

Causas das pedras nos rins

  • Diminuição do volume ou presença de grandes quantidades de sais na urina;
  • Alterações anatômicas;
  • Bloqueio das vias urinárias;
  • Distúrbios na produção de acido úrico e da glândula paratireoide;
  • Excesso de cálcio, cistina, oxalatos ou falta de citrato;
  • Histórico familiar de pedra nos rins;
  • Falta de ingestão de líquidos;
  • Infecções urinárias recorrentes;
  • Uso de diuréticos e antiácidos.

Sintomas de pedras nos rins

  • Dor intensa na região lombar (costas) que caminham em direção a barriga, fazendo o caminho da uretra;
  • As dores não diminuem com uso de analgésicos comuns;
  • Ansiedade, dificuldade em achar uma posição na qual se sinta confortável;
  • Vômitos;
  • Enjoos;
  • Calafrios;
  • Barriga inchada;
  • Febre;
  • Infecções urinárias;
  • Presença de sangue na urina;
  • Aumento das idas ao banheiro para urinar;
  • Dor durante o ato de urinar;
  • Dificuldade para urinar.

As dores podem ser muito intensas.

Como tratar as pedras nos rins

  • Medicamentos: os mais utilizados são analgésicos e anti-inflamatórios para alivio da dor. Porém, devem ser prescritos pelo médico, pois são mais potentes do que os habituais, levando em consideração as causas da formação das pedras;
  • Litotripsia: consistem em quebrar as pedras através de ondas de choque, tornando mais fácil a eliminação pela urina;
  • Cirurgia percutânea ou endoscópica: é feita a retirada da pedra por meio de pequenos buracos, após a quebra delas;
  •  Ureteroscopia: cirurgia na qual a retirada da pedra é feita pela uretra (canal que sai a urina).

Dicas para prevenção e cuidados

1.  Tome muita água durante o dia. O ideal é ingerir de 2 a 3 litros por dia. Essa medida ajuda a filtrar os rins e a prevenir a formação de pedras;

2. Quando eliminar uma pedra, se possível, pegue-a com um filtro de papel e analise a composição. Isso pode ajudar a orientar o médico na hora do tratamento;

3. Controle a quantidade de alimentos ricos em proteínas que são consumidos. Esses elementos podem aumentar as chances de desenvolver as pedras;

4. Os medicamentos para as dores devem ser prescritos pelo médico. Alguns deles são contra indicados para gestantes e pessoas com problemas no estômago;

5. Não tome medicamentos por conta própria, nem faça seu próprio diagnóstico. Procure um médico especialista para avaliar o caso, principalmente se apresentar dores nas costas, na barriga e sangue na urina.

É importante ingerir muita água diariamente.

As pedras nos rins podem causar diversos sintomas ou ainda não apresentarem nenhum tipo de sinal. Quando se trata de uma pedra grande ou de muitas pequenas, podem ser eliminadas através do canal da urina, causando muita dor. É importante ficar atento para os sinais e sintomas e procurar um médico urologista o quanto antes.


Google plus


Este artigo possui 1 comentário

  1. Edson Reis
    Publicado em 29/08/2012 às 9:41 AM [+]

    Ótima matéria,esclarecedora e orientadora.Tenho pedras nos rins desde os meus 20 anos,e ainda hoje com 67,sofro constantemente com cólicas insuportáveis.Verdade que exagerei no sal,deixei de tomar água suficiente quando jovem,comi muito tomate e maracujá isso certamente colaborou para que eu desenvolvesse o problema.Não conheço casos na familial,e espero não transmitir isso aos meus filhos.é terrível,e prejudicou-me muito durante toda minha vida.Já fiz 35 aplicações de litotripsia que nas primeiras aplicações deram algum alívio,mas as últimas 20 de nada adiantaram.Não tenho condições de arcar com o custo de um tratamento particular,e nem posso trabalhar e ganhar o suficiente para um tratamento mais adequado. espero que alguém que leia esta mensagem possa me ajudar pois preciso trabalhar e estou muito limitado.
    Parabéns pela matéria.

Compartilhe suas ideias! Deixe um comentário...

Antes de enviar um comentário, verifique seu conteúdo. Comentários que violem os Termos de Uso e Condições de Navegação do Portal mundo das Tribos e as leis em vigor poderão ser removidos pelo Portal Mundo das Tribos, sem prejuízo da adoção das medidas legais cabíveis pelo Portal.

Política de privacidade
Termos de uso e condições do site


Top