Search

Simples Nacional – O que é, como funciona

O Simples Nacional é uma forma de cobranças de impostos simplificada, destinada para pequenos empresários.
Google plus

O Simples Nacional – o que é, como funciona determina regras gerais referente ao tratamento tributário diferenciado e favorecido, a ser dispensado às microempresas e empresas de pequeno porte no âmbito da União, dos Estados incluindo o Distrito Federal e das cidades, diante do regime único de arrecadação, inclusive obrigações acessórias. Os limites máximos de receita bruta anual para enquadramento no Simples Nacional previstos na LC nº. 123/2006 são para e Empresa de Pequeno Porte (R$ 2.400.000,00) e Microempresa (R$240.000,00).

Simples Nacional - O que é, como funciona (Foto: Exame/Abril)

Simples Nacional – O que é, como funciona (Foto: Exame/Abril)

Simples Nacional – O que é, como funciona

Esse tipo de cobrança de impostos, que tem a ver com o Simples Nacional – o que é, como funciona, unifica o recolhimento mensal, diante do documento único de arrecadação, IPI, do IRPJ, CSLL, PIS, COFINS, ICMS, INSS e ISS. A inscrição no programa promove muitas vantagens como simplicidade no âmbito da legislação tributária, menor tributação, simplificação no pagamento de diversos tributos abrangidos pelo sistema, previdenciária e trabalhista, possibilidade de tributar as receitas à medida do recebimento das vendas.

Leia mais informações sobre: Tabelas Super Simples Nacional

Como funciona na prática

Enquadramento é feito por meio do rendimento (Foto: Exame/Abril)

Enquadramento é feito por meio do rendimento (Foto: Exame/Abril)

Nas licitações será assegurada, como critério de desempate, preferência de contratação para as microempresas e empresas de pequeno porte. Lembrando que os impostos do Simples são pagos apenas com uma guia. Profissionais da área de tributação afirmam que as empresas que ultrapassam o limite estabelecido pelo Simples Nacional, na maioria das vezes deixam de ampliar os seus negócios devido a grande carga tributária, pois se em partes o governo “ajuda” por outro lado ele “prejudica” quando não adéqua as faixas de enquadramento.

Cuidado com prazos

É preciso procurar um especialista para orientar (Foto: Exame/Abril)

É preciso procurar um especialista para orientar (Foto: Exame/Abril)

Independentemente do enquadramento da sua empresa, vale reforçar que o pagamento sem atraso é importante para evitar dores de cabeças futuras e olha que com o governo a coisa não é brincadeira.  Para não perder o prazo, é preciso colocar na agenda ou ter um setor específico que dê conta disso.

Leia mais informações sobre: Consulta Optante Pelo Simples

Procure por um especialista

Documentação é necessária para enquadrar a empresa (Foto: Exame/Abril)

Documentação é necessária para enquadrar a empresa (Foto: Exame/Abril)

O melhor a se fazer para evitar confusão é procurar a ajuda de um especialista na área e é o contador que vai orientar você e vai enquadrar sua empresa com funções e ganhos. Ou seja, você pode acompanhar todo o processo, mas essa parte mais burocrática fica na mão desse especialista e sua equipe.

Quer mais dicas sobre este tema? Então confira nossos outros artigos sobre vários assuntos, fique bem informado aqui no Mundo das Tribos!


Google plus


Compartilhe suas ideias! Deixe um comentário...

Antes de enviar um comentário, verifique seu conteúdo. Comentários que violem os Termos de Uso e Condições de Navegação do Portal mundo das Tribos e as leis em vigor poderão ser removidos pelo Portal Mundo das Tribos, sem prejuízo da adoção das medidas legais cabíveis pelo Portal.

Política de privacidade
Termos de uso e condições do site


Top