Natal

Saiba como surgiu a árvore de natal

Por Redacao

A árvore de Natal é um dos maiores símbolos desta data. É muito comum as famílias enfeitarem todos os anos um pinheiro, algumas pessoas optam pelos artificiais outra pelos verdadeiros, com luzes, e objetos decorativos e por fim colocam o presépio e os presentes que serão dados embaixo da árvore.

Como surgiu a árvore de Natal?

No Natal lindas árvores enfeitam cidades e a casa de muitas pessoas, mas qual seu significado? (Foto: Divulgação)

Para entender esse costume não há nada melhor do que descobrir como um pinheiro faz parte da data que comemora o nascimento do menino Jesus. Há várias explicações para o seu uso. Segundo historiadores a árvore é usada bem antes do nascimento do menino Jesus, já que surgiu em torno do terceiro milênio a.C. Ela era vista pelos povos indo-europeus como o símbolo da fertilidade da mãe natureza, Deus supremo para eles. Com os anos esse povo foi se expandindo pela Europa e principalmente pela Ásia sempre rendendo culto a essa divindade.

O motivo da escolha do carvalho é que ele era considerado uma árvore majestosa e resistente. Já o uso de objetos para decorá-la surgiu do seguinte costume dos povos: eles colocavam enfeites para atrair o espírito da mãe natureza.

Existem várias histórias sobre o que a árvore de Natal simboliza (Foto: Divulgação)

Entre outras versões a mais aceitas pela igreja são referências à história de que o Padre Martinho Lutero, um dos grandes nomes da Reforma Protestante, viu um dia o céu cheio de estrelas através dos pinheiros. Logo ele achou a imagem fantástica e tomado por aquela beleza levou um pequeno galho da árvore e o enfeitou com velas. Ele levou o ramo cheio de luzes para as crianças e os disse que aquilo era perfeito: o céu na noite na qual o menino Jesus veio a terra pela primeira vez.

Teorias do surgimento da árvore de Natal

Outra teoria aceita é a que a árvore surgiu do costume dos romanos, que penduravam máscaras de Baco, o rei do vinho e das festas, em pinheiros para comemorar a festa de Saturnália, que tinha sua data coincidindo com o Natal. Já a tradição moderna, na qual enfeitamos uma árvore com luzes e diversos enfeites teve início no final do século XIX na Inglaterra, França e Estados Unidos. Com o tamanho do sucesso deste símbolo que significa a prosperidade e fertilidade ele começou a ser cultivado em países de tradição Espanhola e na América Latina.

Nada melhor do que enfeitar a árvore de Natal em família (Foto: Divulgação)

As árvores de natal atualmente podem ser encontradas de diferentes formas, tamanhos e modelos. As artificiais são ótimas para quem mantém a tradição todos os anos de montá-la.  Vale lembrar que além de enfeitar a sua árvores com luzes, bolas e enfeites do Papai Noel, não se esqueça da estrela de Belém que deve ficar no topo da árvore e simboliza a mesma estrela da ajudou os três reis a encontrarem o menino Jesus e levar para ele presentes.

Recomendado para você

Comentários

5 respostas para “Masterchef Junior – Inscrição”

  1. anna layz disse:

    eu quero mim escreve

  2. Francisco Guilherme Alvas da Silva disse:

    ola eu sou o guilherme sou de altos PI eu queria muito participar do master chef júnior eu sei cozinhar e fazer bolos espero que eu consiga participar

  3. Karla disse:

    Bom Dia Andre tudo bom, neste artigo você vai encontrar passo a passo de como se escrever para participar do MasterChef Junior
    Obrigada espero ter ajudado. Boa Sorte
    Fique atento em breve novos artigos e mas novidades no nosso portal.

  4. André disse:

    Olá , meu nome é André tenho 10 anos meu sonho , é participa do MastChefe Júnior da 3 temporada , é gostaria de saber como manda vídeo para pode entrar ?

  5. paola ricardo de oliveira disse:

    ola meu nome e paola tenho 11 anos, e meu sonho e de participar do master chef junior fico muito imprecionada dos pra tos que os candidatos eles tem muita criatividade e meu sonho e de participar e quero muito ver os juraados de pessoa e espero que meu sonho se realizebj a tds e obr.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *