Menu

Bem Estar

Atualizado em 2 de maio de 2013, às 8:10 por Luciana
Você está em: MundoDasTribos > Remédios caseiros para cães

Muitas vezes recorrer de imediato a um veterinário é uma tarefa complicada, principalmente quando o cão sofre de um malefício simples e fácil de ser curado. Por isso, para você que deseja cuidar do melhor amiguinho, confira a seguir como medicar o cachorro em casa com produtos de naturais e de fácil acesso:

Assim como ocorre entre as pessoas na relação com a sua própria saúde, também há quem prefira medicar seus animais de estimação através da homeopatia visto que, além dos medicamentos poderem ser preparados em casa, também apresentam a grande vantagem de serem livres dos efeitos colaterais e outros diversos danos. Todavia, mesmo sendo eficientes, existem alguns casos onde o veterinário se torna indispensável, de modo que devemos estar sempre em alerta quanto ao nível em que a patologia se encontra.

Conheça as doenças mais comuns em cachorros.

Por isso, para os casos mais simples, nesta matéria veremos um pouco mais sobre os remédios caseiros para cães, abrindo possibilidades para que você cuide de seu melhor amiguinho de uma maneira responsável e consciente. Saiba mais:

615906 Remédios caseiros para cães Remédios caseiros para cãesVeja como tratar o seu cãozinho com produtos caseiros e naturais (Foto: Divulgação)

Remédios caseiros para cães com pulgas e picadas de insetos

Além das coleiras anti pulgas serem eficientes no combate aos parasitas, afastando também os insetos, a dica está em complementar a dieta do cão com levedura de cerveja e alho, porém tome cuidado para não exagerar e deixar o animal com dores de estômago. Os mergulhos temporários em água junto aos banhos e escovações do pelo também ajudam a matar as pequenas pulgas, impedindo que elas se proliferem rapidamente.

Veja onde comprar as coleiras repelentes para cães.

615906 Remédios caseiros para cães 2 Remédios caseiros para cãesA melhor forma de tratar uma doença é prevenindo-a (Foto: Divulgação)

Entretanto, bem sabemos que as picadas de insetos e pulgas podem causar infecções bacterianas graves caso não sejam curadas a tempo. Todas essas formas são maneiras de prevenção, que inclusive são eficientes para evitar a sarna em cães, mas caso o problema já tenha se iniciado, procure imediatamente um veterinário. A mesma regra se aplica caso o animal tenha sido machucado por espinhos, visto que eles podem ocasionar quadros infecciosos mais complexos.

Cães com vermes e problemas estomacais

Os vermes costumam a atacar o organismo do animal através dos alimentos e da má higienização por parte dos donos. Por isso, para medicar um cachorro em casa, comece por evitando o problema, deixando seu espaço sempre limpo e fazendo a higiene com desinfetante e produtos eficientes no combate à sujeira.

Veja alguns produtos que contribuem com a higiene dos pets.

615906 Remédios caseiros para cães 3 Remédios caseiros para cãesFaça uma boa higienização do ambiente do animalzinho (Foto: Divulgação)

Caso o cão esteja infectado, dê a ele uma dose diária de extrato de semente de toranja e alho fresco, sementes de abóbora moídas na hora (frescas e não cozidas) ou óleo de gérmen de trigo com alimentos ricos em vitamina A. O jejum é fundamental, visto que os parasitas se alimentam de nutrientes e a falta deles os deixará enfraquecidos.

Se o cão sofre de problemas estomacais, seja pelos próprios vermes que irritam o seu estômago ou outros casos, tenha em casa um medicamento chamado Pró-Gastro, que é homeopático e ajuda a cessar os vômitos e as dores do animal.

Queimaduras e ferimentos na pele

Para ministrar remédios caseiros para cachorros no caso de queimaduras, primeiramente umedeça a ferida com água bem gelada utilizando uma toalha, a fim de dar a sensação de anestesia no local. Molhe novamente quando sentir que a toalha está ficando morna e aplique argila na região da queimadura. Caso sejam as patinhas, é possível fazer uma bandagem e trocar com frequência até que o malefício esteja curado.

Em caso de maiores complicações e outras doenças recorra imediatamente e um veterinário especializado e siga rigorosamente as recomendações do especialista.