Tecnologia

Regras de comportamento para o LinkedIn

O LinkedIn é uma rede social um pouco diferente das redes sociais convencionais, como o Facebook. Fundada em Dezembro de 2002 e lançada em maio de 2003, ele é voltado principalmente para uso de profissionais em busca de oportunidades de negócios ou emprego.

Justamente por ter um propósito especifico, o LInkedIn exige de seus usuários alguns cuidados importantes. Por isso, segue abaixo algumas regras de comportamento para se usar o LinkedIn que o ajudarão a transformar essa ferramenta em uma excelente aliada em sua busca por espaço no mercado de trabalho.

Regras de comportamento para o LInkedIn

Lançado em 2013, o LinkedIn é voltado para profissionais em busca de oportunidades de negócios e emprego. (Foto: Divulgação).

A primeira regra é não fazer nesta rede social o que você não faria pessoalmente. Por se tratar de um aplicativo voltado para o mundo dos negócios, você não deve usá-lo como se estivesse em outras redes sociais.

Outra orientação importante é procurar sempre enviar mensagens personalizadas. Essa é uma atitude muito mais educada do que mandar apenas as mensagens padrão. Um texto escrito por você irá tornar o diálogo mais transparente e aumentar as suas chances de conquistar quem estiver do outro lado da tela.

Por ter um propósito específico, você não deve usar o LInkedIn como se estivesse em outras redes sociais. (Foto: Divulgação).

Fique atento também a maneira como se dirige nas mensagens. Pelo fato dos recados serem enviados a distância, não é possível ver expressões faciais, por exemplo, o que dificulta o entendimento e pode levar a uma interpretação equivocada do que você está querendo dizer. Por isso, sempre deixe claro suas intenções e nunca se esqueça das palavras básicas de educação como, “por favor”, “obrigado” etc.

Mais uma dica de como usar o LinkdIn que você deve seguir é tomar cuidado com as atualizações. É sempre bom atualizar os dados, mas quem faz isso com muita frequência pode incomodar os seus contatos a acabar sendo bloqueado pelo excesso de atualizações.

Outra regrinha muito útil é sobre a troca de gentilezas. Se quer receber boas recomendações, por exemplo, faça boas recomendações. Dessa forma, você sempre será lembrado pelos colegas, o que aumenta as suas chances de conseguir um emprego melhor.

Procure pedir recomendações para quem realmente pode trazer um diferencial para o seu perfil. (Foto: Divulgação).

Ainda sobre este assunto, na hora de pedir recomendações, faça-o de maneira estratégica, isto é, peça somente às pessoas cujas recomendações realmente podem acrescentar algo de útil ao seu perfil, ou seja, é importante que você saiba fazer networking em redes sociais.

Nunca se esqueça que o LinkedIn é uma rede social estritamente profissional e não caia no erro de postar fotos de férias ou reclamações que possam comprometer sua imagem. Essas são algumas dicas que podem facilitar a sua vida no LinkedIn e também ajuda-lo a usar a internet a seu favor na busca por um emprego. Aproveite!

Recomendado para você

Tecnologia

QR CODE: O que é, como funciona

Tecnologia

Planos UOL Wi-Fi, Preços, Como Funciona

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *