Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Otite em bebês: sintomas, tratamento

Otite em bebês: sintomas, tratamento

Cerca de 20% das crianças até quatro anos têm pelo menos uma otite por ano

Otite é uma inflamação nos ouvidos, muitas vezes decorrente de infecção. É um problema muito comum em bebês, desde os primeiros meses de vida. Estima-se que 20% das crianças até quatro anos tenham pelo menos uma otite por ano.

Sinais e sintomas: Pode ocorrer muita dor, coceira, vermelhidão, inchaço, secreção e perda da audição. A febre não é um sintoma comum, mas quando aparece é um sinal mais grave da infecção.

Classificação

Existem dois tipos de otite, que variam de acordo com o local onde ocorre o problema. Se a infecção acometer a orelha externa, ou seja, a entrada da orelha até a membrana timpânica, ela é chamada de otite externa. Já a otite interna ocorre quando a infecção está localizada depois da membrana timpânica, na tuba auditiva que liga o ouvido à região do nariz e da garganta.

Causas

Após infecções: O problema pode ocorrer durante ou após gripes, resfriados, alergias e infecções na garganta, pois as bactérias ou vírus sobem pela tuba auditiva e causam acúmulo de secreção dentro da orelha, provocando a inflamação.

Alimentação na posição deitada: Geralmente as crianças mamam deitadas, principalmente logo antes de dormirem. Como os pequenos apresentam a tuba auditiva mais horizontalizada que os adultos, o leite chega ao ouvido médio com mais facilidade e causa a inflamação.

É muito comum que crianças, ao entrarem na escolinha, apresentem otite. Pois, o sistema imunológico delas ainda está vulnerável, e esse ambiente possui uma quantidade maior de vírus e bactérias capazes de causar o problema.

Complicações

As otites devem ser cuidadas, pois podem causar problemas sérios como perda irreversível da audição. Para que essas complicações não ocorram é necessários que o diagnóstico e o tratamento sejam feitos o mais rápido possível. Ao perder a audição, a criança acaba tendo um prejuízo na aquisição da linguagem, no desenvolvimento cognitivo e no aprendizado.

Por trazer problemas tão sérios, os pais devem ficar sempre atentos aos sinais e sintomas das otites. O verão é uma época em que aumentam os casos dessa doença, pois as crianças ficam muito tempo em piscinas ou mar. O excesso de umidade no local é perfeito para a proliferação de fungos e bactérias, ainda mais se a água estiver contaminada.

As otites devem ser cuidadas, pois podem causar problemas sérios como perda irreversível da audição

Cuidados

Crianças costumam colocar objetos dentro do ouvido, e isso pode causar otite também. Por isso, fique atento e evite o contato dos bebês com objetos pequenos que caibam na cavidade auricular.

A limpeza do ouvido deve ser feita com um pano macio enrolado no dedo e passada na parte de fora da orelha. Não é necessário tirar a cera, pois ela protege o ouvido da criança.

Como prevenir

Antes de dar a mamadeira, posicione a criança de forma que a cabeça esteja mais levantada que o corpo. Não amamente o bebê e deite-o em seguida. Se regurgitar, o líquido sobe pela fossa nasal até chegar ao ouvido e pode causar a inflamação.

Mantenha a criança com o sistema imunológico bem cuidado. Para isso, boa alimentação e sono regulares devem estar em dia.

Não dê remédios para a criança quando suspeitar do problema. É necessário, primeiramente, levar a um médico. Pois, se você estiver errado em relação ao problema, pode prejudicar a saúde do pequeno.

Alimente seu filho com leite materno. Ele transmite os anticorpos da mãe para o bebê e a posição é mais adequada. Assim, a imunidade da criança se torna mais poderosa.

Não se esqueça de vacinar seu filho contra a gripe anualmente, a partir dos seis meses de idade.

Tratamento

O tratamento depende da intensidade do problema, dos sinais e sintomas. Normalmente são aplicados antibióticos nos casos em que haja sinal de infecção bacteriana. Analgésicos e antitérmicos também são muito utilizados. A febre costuma desaparecer em três dias, mas a audição pode levar mais tempo para voltar ao normal.

Por todos os riscos que a otite pode acarretar, diante de qualquer desconfiança de alguma infecção, leve seu bebê imediatamente ao médico para prevenir complicações mais sérias.

Na presença de algum dos sinais e sintomas, procure um médico imediatamente
Recomendado para você
Bem Estar

Saiba como denunciar um caso de bullying

Bem Estar

Tendências de tatuagens masculinas para 2017 (mais de 100 fotos incríveis)

Bem Estar

Festa junina 2017 – Dicas de decoração

Bem Estar

Tapetes para Sala

Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *