Menu

Saúde

Atualizado em 7 de dezembro de 2011, às 18:00
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > O consumo de peixe semanalmente ajuda a evitar o Alzheimer

Pessoas que consomem peixe grelhado ou cozido semanalmente apresentam redução nos índices de desenvolvimento do Alzheimer.
343629 veja O consumo de peixe semanalmente ajuda a evitar o Alzheimer(Imagem: Foto divulgação)

Segundo um estudo publicado nesta última quarta-feira durante o encontro anual da Sociedade Americana de Radiologia, pessoas que comem peixe grelhado ou cozido semanalmente apresentam diminuição nos índices de desenvolvimento do TCL (Transtorno Cognitivo Leve) ou Alzheimer, como é conhecido popularmente.

“Esse é o primeiro estudo a estabelecer uma relação direta entre o consumo de peixe, a estrutura cerebral e os riscos de Alzheimer”, diz Cyrus Raji, da Universidade de Pittsburgh. “Os resultados mostraram que pessoas que consomem peixe cozido ou grelhado ao menos uma vez na semana tinham uma melhor preservação da matéria cinzenta do cérebro. Isso foi visto em exames de ressonância magnética em áreas consideradas de risco para o Alzheimer.”

O Alzheimer é uma enfermidade cerebral crônica e progressiva,  que vagarosamente extingue a memória e as habilidades cognitivas. Em pessoa com perturbação cognitiva leve, a perda de memória também está presente, porém em uma menor expansão. Pessoas com a enfermidade, comumente desenvolvem Alzheimer, sendo o TCL avaliado como um estágio intercessor entre o envelhecimento normal e a insanidade.

Dados

Para a pesquisa, foram selecionados 260 pessoas cognitivamente normais. Dados sobre o consumo de peixe foram recolhidos usando o Questionário Sobre Frequencia Alimentar, do Instituto Nacional do Câncer nos EUA. Do total, 163 pessoas ingeriam peixe semanalmente, a maior parte somente uma ou duas vezes por semana. Todos realizaram ressonância magnética no cérebro para que os pesquisadores pudessem ponderar o volume de massa cinzenta com o consumo de peixe semanal em 10 anos.

As decorrências foram então avaliadas para definir se a preservação da massa cinzenta ligada ao consumo de peixe diminuía os riscos de Alzheimer. O volume de massa cinzenta é determinante para a saúde do cérebro. Quando sua taxa está elevada é um sinal de que a saúde do órgão está sendo conservada. A redução do volume, no entanto, indica que as células cerebrais estão se encolhendo.

As decorrências apontaram que o consumo de peixe semanalmente estava ligado com os maiores volumes de massa cinzenta em várias regiões do cérebro. Os índices para o desenvolvimento da doença em cinco anos foram reduzidos em quase cinco vezes. “O peixe cozido ou grelhado faz os neurônios mais fortes, tornando-os maiores e mais saudáveis”, diz Raji.

A categoria Saúde do portal Mundodastribos.com é um espaço informativo de divulgação e educação sobre os temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento, sem antes consultar um profissional de saúde.