Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Economia > Nota Fiscal Paulista: Cadastro e Consulta

Nota Fiscal Paulista: Cadastro e Consulta

Nota Fiscal Paulista é um programa de incentivo fiscal, que reverte parte dos impostos recolhidos aos consumidores. A iniciativa atende cidadãos do Estado de São Paulo e visa inibir a sonegação fiscal e circulação de produtos piratas no estado de São Paulo.

Quem participa acumula valores em reais que pode ser resgatado ou abatido do valor total do IPVA. Para participar do sistema do Governo do Estado de São Paulo, que reverte bônus em reais para quem solicita o CPF na nota, é necessário fazer um cadastro junto ao site oficial.

Nota Fiscal Paulista
A Nota Fiscal Paulista é um programa que visa o incentivo das emissões de notas fiscais.

Nota Fiscal Paulista

Nota Fiscal Paulista nasceu e foi colocada em prática por meio das regulamentações da Secretaria Municipal de Finanças. Esse programa ficou logo popular, pois ele dá créditos para as pessoas participantes, sendo que cada cidadão e as empresas que tem como sede o estado de São Paulo recebem se cadastrados nesse programa.

O beneficiário do sistema ( também chamado de tomador de serviços) precisa solicitar a emissão da Nota Fiscal Eletrônica vai poder fazer utilização de uma fatia do ISS (Imposto Sobre Serviços) que recebido para abatimento de até 50% do seu IPTU, ou ainda pode sacar esse valor.

Ela caiu nas graças da população de São Paulo logo no inicio, quando as pessoas descobriram os seus benefícios oferecendo as instituições privadas e sem bens lucrativos são prestadoras de serviços benefícios. As pessoas físicas também conseguem muitas vantagens. Para se cadastrar na Nota Fiscal Paulista é necessário seguir alguns passos bem simples e vamos explicar a seguir.

Nota Fiscal Paulista
Aposte na Nota Fiscal Paulista e conheça mais sobre esse assunto (Foto: Divulgação)

Sempre que uma nota fiscal for emitida, o consumidor, seja ele pessoa física ou jurídica, vai precisar fazer a solicitação de inclusão do número do seu CPF ou o dos dados do seu CNPJ na nota ou no cupom fiscal que vai ser emitido para ele. Para que o benefício possa ser resgatado em outra ocasião.

Ou seja, no ato do pagamento da compra você pode pedir ao lojista ou empresa para inserir seu CPF na nota fiscal paulista e quanto maior for o valor, maior a chance de conquistar os prêmios de sorteios que o órgão responsável realiza.

Consulta Nota Fiscal Paulista

O portal eletrônico da Nota Fiscal Paulista coloca vários serviços na web para os consumidores do estado de São Paulo, sendo que pode ser feito cadastro ao programa e a consulta aos créditos que foram agregados. Se você acessa esse canal na web também tem a chance de tirar as dúvidas mais populares entre os usuários sobre os sorteios de premiações da Nota Fiscal Paulista.

O contribuinte que acessa o portal eletrônico da Nota Fiscal Paulista vai poder gerar tíquetes para participar de premiações todos os meses, além de ter muitos recursos que facilitam a consulta e o dos créditos. A página da Nota Fiscal Paulista tem muitas orientações para quem ainda não sabe com o programa funciona a mecânica do programa ou seus principais benefícios.

Acesse o site www.nfp.fazenda.sp.gov.br e, em casos de dúvidas, fale como atendimento pelo telefone 0800-170110.

Nota Fiscal Paulista
Nota Fiscal Paulista é um sucesso no estado de São Paulo (Foto: Divulgação)

Cadastro Nota Fiscal Paulista

Muitas pessoas ficam com dúvidas de como realizar seu cadastro da Nota Fiscal Paulista, ele não é tão simples, então fique atento com as dicas que apresentamos a seguir.

  1. Informe seu CPF/CNPJ no emissão da nota fiscal ao realizar qualquer compra;
  2. Depois acesse o site do programa no site da secretária da fazenda: https://www.nfp.fazenda.sp.gov.br – cadastre seus dados no formulário que lhe é apresentado. Será gerada uma senha para consultar os créditos pela internet. Caso tenha qualquer dificuldade procure um posto de arrecadação da Secretaria da Fazenda para verificar o motivo, não caia em golpes existentes por e-mail.
  3. Uma outra informação importante é que o usuário pode, através do seu próprio cadastro, acessar um link para imprimir o cartão da nota fiscal paulista. A vantagem de imprimir é não ter que ficar falando número do seu cpf para outras pessoas ouvirem e através do código de barras, o atendente que estiver fazendo a inserção da nota poderá apenas passar o código na máquina, que fará a leitura rapidamente. Tudo de forma simples e rápida.
Nota Fiscal Paulista

Consultar bilhetes Nota Fiscal Paulista

Para consultar os bilhetes gerados para sorteios é necessário:

  1. Acessar o site www.nfp.fazenda.sp.gov.br;
  2. Fazer o login com o seu CPF e senha (do mesmo modo que você faz para conferir os créditos gerados);
  3. Depois que estiver na sua página da NFP, basta ir ao campo “Sorteio”, “Visualizar Sorteios” e consultar seus bilhetes;

Como já dissemos, quanto mais você gasta, maiores são as chances de ser sorteado, pois o usuário consegue mais cupons.

Nota Fiscal Paulista
Sorteios da Nota Fiscal Paulistas (Foto: Divulgação)

Consulta ao Extrato e Saldo

Só é possível consultar créditos da Nota Fiscal Paulista após a realização do cadastro. O limite permitido para transferência e uso do contribuinte é de R$ 30 reais. Para que o contribuinte receba novos créditos basta que a cada compra informe seu CPF/CNPJ, sendo assim os créditos cairão no seu cadastro. O valor pode ser utilizados para benefícios próprios, como desconto no IPVA, depósito em conta corrente, etc. Além de concorrer a um milhão de prêmios em dinheiro todos os meses.

Para ter acesso ao saldo ou extrato da Nota Fiscal Paulista basta acessar o site www.nfp.fazenda.sp.gov.br, incluir o CPF e a senha no campo indicado, fazer o seu login e escolher o semestre que deseja fazer a consulta. Do lado superior esquerdo da tela aparece automaticamente o saldo total do valor de créditos computados.

Resgatar créditos

O consumidor cadastrado na Nota Fiscal Paulista terá o dinheiro acumulado no programa creditado em conta corrente. No momento em que solicita a liberação do crédito, ele deve informar o número da conta. Os créditos podem acumular durante um período de no máximo cinco anos e, geralmente, o sistema da nota fiscal paulista executa a transferência em cerca de 15 dias, tempo que pode variar de usuário para usuário e também no fornecimento das informações da conta bancária.

Confira o passo a passo para consultar crédito Nota Fiscal Paulista:

Receber o dinheiro da Nota Fiscal Paulista pela conta bancária não é a única possibilidade, afinal, também há outras maneiras de utilizar o crédito acumulado. O consumidor pode pagar impostos, como é o caso do IPVA. Nesta situação, os especialistas afirmam que além de colaborar com o sistema para evitar a sonegação, o usuário ainda recupera os impostos deixado para o governo e alivia na conta como o IPVA, que a cada ano acaba apertando o orçamento de centenas de pessoas.

Créditos Nota Paulista via Transferência Bancária

Para transferir os créditos da Nota Fiscal Paulista em sua conta corrente ou poupança é preciso ter acesso ao site da Nota Fiscal Paulista do número de CPF no campo “Consulta”, após isso adicione a senha cadastrada da Nota Fiscal Paulista. A Nota Fiscal Paulista também ajuda o CNPJ cadastrado.

Nota Fiscal Paulista
Veja como participar dos sorteios da Nota Fiscal Paulista (Foto: Divulgação)

Como abater do IPVA

O saldo da NFP também pode ser utilizado em abatimento no IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), mas somente no mês de outubro por meio do site www.nfp.fazenda.sp.gov.br. Para isso, o veículo deve estar no nome do usuário cadastrado na Nota Fiscal Paulista para que a opção seja válida. Já foram destinados R$ 170.497.349,60 para quitação ou abatimento do IPVA desde o início do programa.

Quitar a dívida ou parte dela com o saldo da NFP é uma alternativa para o motorista que quer economizar nas contas do começo do ano. Além do IPVA, outros encargos  disponibilizam o serviço de abatimento da nota fiscal do estado.

Nota Fiscal Paulista
Sempre peça para colocar o CPF nas notas e ganhe com a Nota Fiscal Paulista (Foto: Divulgação)

Dicas sobre a Nota Fiscal Paulista

Abaixo você encontra um tira dúvidas sobre a Nota Fiscal Paulista com as principais dúvidas sobre o funcionamento do sistema. Caso tenha outras dúvidas, entre em contato com nossa equipe, comente abaixo ou até mesmo nas redes sociais do Mundo das Tribos que buscaremos respostas.

Nota Fiscal Paulista
Sistema ajuda a evitar sonegação e você ainda pode ganhar muitos prêmios com a Nota Fiscal Paulista (Foto: Divulgação)
  • Como ganhar dinheiro com Nota Paulistana?

Para conseguir acumular valores em reais com a NF Paulista é preciso pedir sempre para incluir o CPF em compras. Com isso, 30% do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) é recolhido, possibilitando desta forma aos consumidores o direito de receber créditos e concorrer a prêmios pelo programa Nota Fiscal Paulista.

O valor de crédito acumulado para cada aquisição varia de acordo com o tipo de produto e serviço adquirido. Para saber mais sobre esse tema acesse: www.nfp.fazenda.sp.gov.br.

Nota Fiscal Paulista
Nota Fiscal Paulista pode ajudar o governo e você (Foto: Divulgação)

Créditos da Nota Paulista sumiram, o que fazer?

Se os créditos da Nota Fiscal Paulista desapareceram ou tiver qualquer outro tipo de problema referente a nota paulistana, saiba que é possível reclamar por meio do telefone 0800 170 110. No site do programa também tem uma opção de mandar uma mensagem questionando o ocorrido. Por telefone, o usuário recebe as instruções no mesmo momento, quem opta por e-mail vai ter que aguardar a resposta na caixa de entrada do e-mail cadastrado no sistema da nota, o que pode ou não demorar alguns dias.

Outro empecilho que muitas pessoas estão achando que é com relação as notas que não foram contabilizadas por programa mesmo sendo pedido a inclusão do CPF. Nesse estado também é recomendado entrar em contato por meio dos canais de atendimento da nota fiscal paulista. O mesmo vale para as transferências bancárias que foram mal sucedidas.

  • Como aproveitar a Nota Fiscal Paulista no seu orçamento?

Para aproveitar a Nota Fiscal Paulista no Orçamento é necessário entender os termos que explicamos acima e solicitar para que o seu CPF tenha no Cupom Fiscal ou NF. Serviços e produtos alimentares e combustíveis geralmente rendem mais na hora de computar os créditos do programa, mas coloque o CPF em tudo que fizer adesão.

  • Nota Paulistana e o Imposto de Renda (IRPF)

Acredita-se que daqui para frente a Nota Fiscal Paulista vai ter ligação com a declaração do Imposto de Renda.

Como emitir

Ficou muito fácil emitir  depois que o sistema foi automatizado.  Mas, para quem ainda está com dúvidas, criamos um tutorial com o passo a passo desse procedimento.

Emitir Nota Fiscal Paulista – Tutorial

  • Clique no símbolo da Nota Fiscal Eletrônica;
  • Conectados à internet, clique em “OK”;
  • Usuários desconectados da internet, clique em “Cancel”;
  • Agora, clique em “Run” na mensagem que será aberta;
  • Digite os dados do emitente ou escolha um que já esteja no salvo no sistema, se for um usuário para o qual já emitiu notas;
  • Digitar uma nova NF-e ou importar os dados de uma nota fiscal no formato txt ou xml;
  • Valide os dados da nota fiscal (leia atentamente para evitar erros);
  • Assine digitalmente a NF-e com o certificado digital tipo A1 ou A3 no padrão ICP Brasil;
  • Por fim, transmita a nota a Secretaria de Fazenda.

Como desbloquear a senha

Em algumas situações usuário deverá efetuar o desbloqueio de senha NF Paulista, comparecendo a um ponto fiscal para exigir os seus direitos. O bloqueio pode acontecer por diversos motivos, como a informação de senha irregular de forma consecutiva, quando o usuário tenta acessar o sistema e erra a senha, por digitação ou esquecimento. Desse modo, o sistema faz o bloqueio como uma forma de segurança, pois na tentativa o sistema acredita que haja outra pessoa tentando acessar as informações do usuário.

Uma outra opção é preencher o  formulário para desbloquear a senha, onde o titular informa os seus dados pessoais, como nome, e-mail e CPF. Quem opta por esta maneira, precisa apenas acessar o Requerimento de Desbloqueio de Senha (este arquivo está em PDF e requer o programa Adobe Acrobat Reader).

Mudanças na Nota Fiscal

Para controlar as contas da união, o governo do estado de São Paulo anunciou algumas mudanças no sistema da nota fiscal paulista; O principal objetivo é justamente diminuir a quantidade de retorno aos usuários, para então segurar boa parte dos valores para a manutenção das contas e despesas do governo.

Como todos sabem, o País está passando por um momento delicado na economia e os estados também estão sofrendo seus ajustes, assim como o governo federal, tem cortado alguns gastos, segurado dinheiro para quitar as contas.

Além de preservar a verba da Nota Fiscal Paulista, o governo também resolveu cortar entre 30% e 20% da fatia do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que foi reservada aos créditos. Essa redução de 10 pontos percentuais do ICMS aconteceu para aumentar a distribuição de recursos para áreas que possuem seus repasses vinculados à arrecadação do ICMS como saúde, educação e prefeituras.

A Nota Fiscal Paulista vai dar mais premiações (Foto: Divulgação)

Cadastro Nota Fiscal Paulista 2017

Acesse agora mesmo o www.nfp.fazenda.sp.gov.br e logo no canto direito é possível ver algumas informações sobre o programa e embaixo aparece uma chave e lá está escrito ‘cadastre-se aqui’. Escolha se você deseja ingressar como pessoa física ou jurídica, este último vale para empresa.

Logo em seguida abrirá uma página para você inserir seu nome, data de nascimento, CPF e outros dados. Preenchendo isso, é hora de prosseguir. Na próxima página será preciso colocar detalhes do seu endereço e já tenha aí em mãos seu título de eleitor, pois será preciso o número dele. Quem tiver veículo, separe o Renavam.

Feito essa parte, agora é só colocar sua senha e começar a administrar seu usuário no site da Nota Fiscal Paulista.

Lembre-se que a Nota Fiscal Paulista pode ser usada para abater o valor do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) e do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano). O dinheiro extra, principalmente no início do ano, acaba ajudando a equilibrar as contas do mês.

Como ver o saldo 

Entre no mesmo site citado acima e no canto esquerdo você consegue a opção insira seu CPF. A partir dali, você consegue acessar as informações do seu usuário do programa.

Ai é só escolher o semestre do ano que deseja verificar o saldo e clicar em ok. Pronto, você já pode ver o valor disponível na Nota Fiscal Paulista. Lembre-se que o valor para transferência só é feito a partir de R$ 30 reias.

Quem estiver com o saldo abaixo deste valor, vai ter que aguardar para transferir para a conta.

Nota Fiscal Paulista
Nota Fiscal Paulista, conheça as novidades (Foto: Divulgação)

Prêmios 

Os prêmios continuam existindo no programa da Nota Fiscal Paulista. A cada 100 reais gasto em nota fiscal ou cupom, seu usuário receberá um bilhete eletrônico que fará você concorrer a prêmios.

Os valores dos prêmios do programa variam de R$ 10 a R$ 500.000,00 reais. Nos meses de dezembro essa premiação aumenta e o 1º prêmio chega a custar R$ 1.000.000,00.

E não se preocupe, pois se você ganhar algumas dessas boladas receberá o valor por meio do programa, ou seja, você receberá esse dinheiro em crédito no extrato do programa. O dinheiro estando ali, você pode solicitar a transferência para a sua instituição bancária.

Novidades 

Por enquanto não há mudanças no sistema do programa Nota Fiscal Paulista. Até o momento tudo está e será mantido pelo governo estadual. E caso alguém tenha alguma dúvida, sugestão ou problema, é só procurar a central de atendimento da Nota Fiscal Paulista, que funciona através do 0800-170110, número não disponível para celulares.

No próprio site do governo também há a opção de perguntas frequentes, onde talvez haja alguma orientação ou resposta para suas dúvidas. Aproveite as vantagens que o programa oferece e ao comprar, peça nota fiscal paulista, assim acumulará compras e reais.

E uma informação importante, toda compra com CPF já cai na conta do usuário na nota, mesmo quem não tenha cadastro. Porém, quem não tinha cadastro nos anos anteriores não consegue resgatar o dinheiro, pois ele existe um período para ficar disponível.

Recomendado para você
Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *