Search

Justiça manda Lindsay Lohan trabalhar em necrotério

Após determinação de juíza, atriz terá que trabalhar como faxineira em um necrotério para não voltar para a prisão.
Google plus

  Foto:David McNew-Pool/Getty Images

A atriz Lindsay Lohan foi condenada a prestar 360 horas de serviços comunitários no Centro para Mulheres de Downtown, em Los Angeles, que atende mulheres desabrigadas, após ter sido flagrada roubando um colar de uma joalheria.

Lindsay não comparecia às visitas agendadas e acabou sendo expulsa pela diretora do centro. Depois do episódio, a atriz se transferiu para a Cruz Vermelha Norte-Americana, mas a juíza Stephanie Sautner que cuida do caso de Lindsay, achou que o novo trabalho é mais leve que o anterior e mandou a atriz cumprir o restante da pena, cerca de 120 horas, em um necrotério.

Rumores dão conta de que a atriz terá que fazer coletas e limpar as latas de lixo, esfregar os pisos, e limpar as janelas e o banheiro do Departamento Médico-Legista de Los Angeles.

O assessor da atriz disse que ela tem trabalhado muito para cumprir a pena e que até frequentou algumas reuniões do grupo Ladrões Anônimos. Lindsay se pronunciou pelo Twitter, dizendo que compareceu sim aos serviços comunitários, mas que a imprensa não estava presente. “Eu quero deixar claro que, só porque eu não era seguida e fotografada durante as vezes que fui ao serviço comunitário, não significa que eu não estava seguindo minhas obrigações com a corte”, afirmou.

Caso Lindsay volte a descumprir a ordem da juíza poderá ser condenada por descumprimento dos termos da condicional, e ser condenada a até 18 meses de prisão.


Google plus


Compartilhe suas ideias! Deixe um comentário...

Antes de enviar um comentário, verifique seu conteúdo. Comentários que violem os Termos de Uso e Condições de Navegação do Portal mundo das Tribos e as leis em vigor poderão ser removidos pelo Portal Mundo das Tribos, sem prejuízo da adoção das medidas legais cabíveis pelo Portal.

Política de privacidade
Termos de uso e condições do site


Top