Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Saúde > Gripe H1N1 sintomas iniciais

Gripe H1N1 sintomas iniciais

A gripe H1N1, também conhecida como influenza A, é o resultado da combinação de porções genéticas de três diferentes vírus: o da gripe humana, da gripe aviária e da gripe suína. Essa doença já causou bastante confusão e deu o que falar. Esclareça algumas dúvidas sobre o assunto Gripe  H1N1 e seus sintomas iniciais e proteja-se.

Gripe H1N1: sintomas iniciais
Gripe H1N1: sintomas iniciais (Foto Divulgação)

Gripe  H1N1

A Gripe H1N1 podem ser confundidos com os de uma gripe sazonal, mas a diferença está na acentuação dos sintomas que são mais fortes, como: febre alta, dores musculares intensas,  cansaço, dor de garganta, congestão nasal, espirros, cefaleia, em alguns casos pode aparecer vômito e diarreia.

Os sintomas da gripe H1N1 podem ser comparados e na realidade são bem próximos aos de uma gripo comum, tanto que a transmissão da H1N1 é semelhante. conforme dito acima as complicações são mais desastrosas e se não tratado com urgência levará o paciente à morte.

Como pode ocorrer a transmissão do vírus da gripe A

A transmissão pode ocorrer pelo contato direto com animais doentes ou até mesmo com objetos contaminados pelos vírus. Entretanto, na maioria dos casos a infecção ocorre pelo contato pessoa a pessoa, por via aérea ou por partículas de saliva das vias respiratórias.

A prevenção da gripe H1N1 é muito da  importante, pois o período de incubação da doença varia de 3 a 5 dias, sedo que a transmissão pode ocorrer antes mesmo dos primeiros sintomas aparecerem. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), não existe o risco de o vírus ser transmitido pela carne de porco, como muita gente pensava, pois o processo de cozimento em temperatura elevada é capaz de destruir o vírus.

Fora do organismo o vírus da gripe H1N1 pode permanecer vivo por até 72 horas, e em objetos, como por exemplo, uma maçaneta ou superfícies lisas pode permanecer vivo por até 8 horas. Já em toalhas de papel e tecidos 12 horas e nas mãos por um período de até 2 horas.

A vacina da gripe deve ser feita em crianças e adultos
A vacina da gripe deve ser feita em crianças e adultos (Foto Divulgação)

Como evitar a contaminação por gripe A (H1N1)

Você pode evitar a contaminação através da vacina que é distribuída gratuitamente para pessoas de risco como doentes crônicos, crianças e pessoas idosas. No entanto além da gripe você pode tomar certos cuidados como:

  • – Lavar bem as mãos antes de consumir qualquer alimento;
  • – Ao tossis e espirrar deverá cobrir a boca com lenço de papel, que pode ser jogado fora;
  • – Evitar locais de aglomeração de pessoas;
  • – Evitar ter contato com pessoas doentes;
  • – Não compartilhar objetos de uso pessoal, como por exemplo, copos, talheres, toalhas, etc.
  • – Ter sempre na bolsa álcool gel para no saco de precisar higienizar as mãos em local público.

Vacinação contra H1N1

Para prevenir quadros graves da gripe H1N1 é possível recorrer ao uso da vacina, que é feita com o próprio vírus H1N1 inativo e fracionado. A vacinação é altamente recomendada, pois os eventuais efeitos colaterais que podem ocorrer, perdem a importância quando comparados aos benefícios que essa medida oferece.

Quem se vacina fique imune contra o vírus
Quem se vacina fica imune contra o vírus (Foto Divulgação)

O vírus da gripe H1N1 é o resultado da junção de  outros vírus da gripe e é capaz de causar sintomas geralmente graves. As manifestações clínicas podem ser variadas e o quadro inicial costuma ser bastante semelhante ao de outras gripes.

Riscos da Gripe H1N1

A gripe H1N1 não diferente de outras gripe pode afetar pessoas de qualquer idade. Porém um detalhe que chama atenção é que na época de uma pandemia da gripe H1N1 em meados de março de 2016, o vírus da gripe H1N1 infectou muito mais pessoas entre as idades de 5 até os 24 anos. Por incrível que pareça os casos da gripe H1N1 em pessoas acima de 65 anos de idade Foram poucos.

Pessoas gestantes, ou pessoas com diabetes, crianças pequenas e pessoas que têm problemas com obesidade bem como outros problemas respiratórios, encaixam-se nos grupos das pessoas mais vulneráveis para a gripe H1N1. Por isso que você se encaixa em um desses quadros é bom ter cuidado redobrado.

É preciso prestar atenção aos sinais de alerta, que indicam a necessidade de uma consulta médica. É importante salientar que os postos de saúde pública do país oferecem a vacinação de graça para casos especiais como mencionado acima. Faça a sua não deixe de se vacinar proteja-se e sua família.

Recomendado para você
Saúde

Chá para menstruação descer

Saúde

Chá do Sol – Conheça os Benefícios e Como Preparar

Saúde

Alimentos que Contém Ferro para Anemia

Bem Estar

Como Fazer uma Dieta Corretamente

Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *