Você está em: MundoDasTribos > Tecnologia > Google atualiza algoritmo para combater pirataria

Google atualiza algoritmo para combater pirataria

Por Andre

Google atualiza algoritmo para combater pirataria e punir sites que hospedam e distribuem, ilegalmente, conteúdos protegidos pela lei de direitos autorais, como filmes, músicas, seriados, softwares e jogos, entre outros tipos de arquivos.

Google atualiza algoritmo para combater pirataria (Foto: Divulgação)

Tal atitude permitirá à gigante de buscas uma maior agilidade na hora de remover conteúdos a pedido dos donos de copyright, que estejam na luta contra a pirataria online.

A mudança no algoritmo de pesquisa do Google também visa ajudar os internautas a encontrar fontes legítimas de arquivos, ao buscar por séries e filmes, por exemplo, exibindo, nos resultados das pesquisas, alternativas legais para downloads.

Google construirá cabo submarino para acelerar a web no Brasil

Google Maps agora tem versões da Lua e de Marte

Google atualiza algoritmo para combater pirataria

Com o novo algoritmo, os resultados das buscas no Google darão prioridade às fontes legais para conteúdos de música, filmes, games e outros arquivos de mídia (Foto: Divulgação)

A notícia da atualização de algoritmo do Google para combater pirataria foi divulgada na nova edição 2014 do relatório “How Google Fights Piracy” (“Como o Google combate a pirataria”, em tradução livre).

Segundo o relatório, o Google recebeu, somente em 2013, cerca de 224 milhões de pedidos de remoção de páginas dos resultados de busca, dos quais 99% foram atendidos. O tempo médio para atender cada solicitação foi reduzido para seis horas.

Ainda de acordo com a companhia, os três principais sites que tiveram seus links removidos dos resultados de buscas foram o 4Shared, Rapidgator e Dilandau. Cada um deles teve mais de sete milhões de pedidos de remoção.

O que muda na prática

A ferramenta permitiu remover links de vários de download ilegal dos resultados de busca (Foto: Divulgação)

Com essa nova medida de combate à pirataria online, as buscas realizadas através do Google, para produtos como músicas, filmes, jogos, séries de TV e outros conteúdos do tipo, passam a dar prioridade, nos resultados, a fontes legais para o download e compra dessas mídias.

Ou seja, ao pesquisar por tais itens, o usuário encontrará lojas oficiais ou sites de streaming, por exemplo, sempre com prioridade para páginas que não violem a lei dos direitos autorais.

Novos formatos de publicidade no Google AdSense, programa de publicidade da companhia, também serão adotados, para permitir que os internautas sejam direcionados sempre às fontes legais de arquivos.

Mudanças também no YouTube

A novidade é mais uma forma de combater a pirataria na internet, que vem crescendo a cada ano (Foto: Divulgação)

As mudanças para combater a pirataria também passam pelo YouTube. De acordo com o Google, uma nova tecnologia permite que os donos de copyright insiram publicidade e gerem receita mesmo quando seus conteúdos são publicados sem autorização.

Através dessa ferramenta, mais de US$ 1 bilhão já foram pagos aos donos dos direitos autorais.

Recomendado para você
Tecnologia

Sky Pré-Pago Onde Comprar, Quanto Custa, Assinatura

Tecnologia

QR CODE: O que é, como funciona

Tecnologia

Itelefônica Webmail

Tecnologia

Aplicativos para ajudar nas compras do supermercado

Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *