Tecnologia

Função de testamento na conta Google: saiba mais

Por Isah

Nesta quinta-feira (11), o Google apresentou uma nova função para a sua galeria de serviços online: o testamento. O novo recurso permitirá aos usuários decidirem o que fazer com as informações armazenadas em contas do Gmail e Youtube em casos de falecimento.

O Google criou um novo serviço de testamento digital. (Foto:Divulgação)

Saiba mais: Google Keep: o que é, como funciona

Serviço de testamento do Google

Com o novo recurso, o Google pretende oferecer aos usuários a possibilidade de preparar a vida digital após a morte. As pessoas terão liberdade para escolher o que fazer com os ativos digitais caso deixem este mundo e não possam mais usar as contas. De acordo com o ‘gingante da internet’, a função de testamento é uma maneira de proteger a vida privada e reforçar a segurança dos dados.

O serviço online de testamento do Google recebeu o nome de “gestão de conta inativa”. Ao acessar o novo recurso, o usuário pode decidir o destino dos vídeos postados no Youtube, dos emails recebidos no Gmail e os álbuns criados no Picasa.  Até mesmo as ações na rede social Google + e o serviço de compartilhamento Drive poderão ter o futuro decidido pelo testamento.

Ao usar o serviço de “gestão de conta inativa”, o internauta tem duas opções: excluir tudo em caso de morte ou definir contatos de confiança para ter acesso aos dados armazenados. O período de inatividade também varia de acordo com a preferência do proprietário das contas do Google, podendo ser três, seis ou doze meses.

O usuário do Google poderá decidir o destino de sua conta inativa. (Foto:Divulgação)

Ao lançar o serviço de testamento pela internet, o Google também adotou meios de prevenir acidentes. Para que o usuário decida o rumo da sua vida digital após um período de inatividade, ele receberá uma mensagem através do celular ou endereço de correspondência informado.

Outras possibilidades de testamento online

O Google não é pioneiro ao lançar serviços de testamentos digitais. Outras empresas também estão se preocupando com o destino da vida digital pós-morte.

Quem deseja manter as contas do Twitter ou Facebook em atividade mesmo após a morte pode contar com o LegacyLocker.com. O site se encarrega de enviar senha e login para que os amigos e familiares tenham acesso ao conteúdo armazenado. O serviço cobra uma taxa única de US$ 299,99 ou US$ 29,99 por ano.

Outros sites oferece o serviço de testamento digital, mas cobram por isso. (Foto:Divulgação)

Alguns serviços online de testamento possuem mais do que o propósito de avisar os parentes sobre os últimos desejos da pessoa que morreu. O PrivateMatters.com, por exemplo, permite a construção de um memorial online, com fotos e mensagens.

Outra opção para o internauta é o AssetLock.net, considerado um dos sites de maior sucesso no nicho de testamentos online. O usuário pode fazer o upload de documentos importantes, como cartas, certidões e diários.

Veja também: Serviços de testamentos digitais

Recomendado para você
Tecnologia

Como criar um QR Code

Tecnologia

Planos UOL Wi-Fi, Preços, Como Funciona

Tecnologia

Sky Pré-Pago Onde Comprar, Quanto Custa, Assinatura

Tecnologia

Facebook login, como entrar no facebook.com.br

Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *