Menu

Saúde

Atualizado em 9 de setembro de 2013, às 8:15 por Analu
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Fratura, luxação e entorse: entenda as diferenças

Esclareça algumas dúvidas e saiba a diferença entre a entorse, luxação e fratura.

Quando alguém sofre qualquer tipo de trauma físico, a maioria das pessoas acaba pensando logo na fratura, mas se esquecem de outros tipos de lesão que são bastante comuns e, muitas vezes, não menos graves. Fique por dentro do assunto e entenda a diferença entre fratura, luxação e entorse.

653716 A entorce é uma situação mais grave do que se imagina. Fratura, luxação e entorse: entenda as diferençasA entorse é uma situação mais grave do que se imagina. (Foto: divulgação)

Entorse

A entorse acontece quando uma articulação é torcida ou distendida além de seu limite natural, resultando em um rompimento parcial dos ligamentos que fixam a articulação, sem que haja luxação. Apesar de muitas vezes ser encarada com sendo de pouca importância, essa condição é bastante grave, frequentemente associada a danos nos vasos sanguíneos, tendões, ligamentos ou nervos presentes na região.

Geralmente os sintomas da entorse podem ser confundidos com os da fratura, e o exame radiográfico ajuda a diferenciar as duas situações. Em situações graves há um aumento importante do volume da região afetada, associado a equimose local resultante de hemorragia de estruturas internas, como na roturas de vasos sanguíneos importantes.

653716 Na luxação ocorre perda do contato articular. Fratura, luxação e entorse: entenda as diferençasNa luxação ocorre perda do contato articular. (Foto: divulgação)

Luxação

A luxação acontece quando o osso é deslocado de uma articulação ou quando o contato articular entre os ossos que formam a articulação é completamente perdido. São eventos bastante dolorosos, que ocorrem mais comumente na região dos ombros, polegar, patela ou quadril.

A identificação clínica é bastante fácil e se dá pelo formato e alinhamento anormal da região afetada. Assim como acontece com as fraturas, é essencial que a lesão seja examinada em dois planos, com 90° em relação um ao outro, para aumentar a sensibilidade em determinar o grau de deslocamento.

Uma situação bastante comum é o osso se deslocar e voltar sozinho para sua posição de origem. Isso não exclui a possibilidade de danos às estruturas adjacentes e ainda assim é necessária a realização de exames em ângulos diferentes, para avaliar possíveis lesões e até mesmo uma fratura associada.

Fratura

A fratura é representa a perda da continuidade de um osso. Entre as três situações, essa é a mais popularmente bem conhecida. Diante de um quadro de fratura, é preciso ser bastante cauteloso com a movimentação e reposicionamento do membro afetado, pois a manipulação inadequada pode resultar em danos adicionais nas estruturas locais e até mesmo o deslocamento de fragmentos do osso fraturado.

653716 Na luxação ocorre perda do contato articular. Fratura, luxação e entorse: entenda as diferençasNa luxação ocorre perda do contato articular. (Foto: divulgação)

Depois de conhecer um pouco mais a respeito do assunto, fica evidente que a entorse e a luxação são situação graves, assim como a fratura, e que merecem uma avaliação médica para investigação e de danos adicionais e adequado tratamento do caso.

A categoria Saúde do portal Mundodastribos.com é um espaço informativo de divulgação e educação sobre os temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento, sem antes consultar um profissional de saúde.