Menu

Cursos

Atualizado em 24 de outubro de 2011, às 19:00 por Élida Santos
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Feira de cursos do Pronatec 2011

Em Alagoas Alagoas cerca de 2 mil vagas em cursos voltados para a qualificação profissional industrial serão oferecidas.

299968 8888888888888 cópia Feira de cursos do Pronatec 2011

No período de 24 a 26 de dezembro, a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (SEE), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), a Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e o Instituto Federal de Alagoas (Ifal) oferecerão aos alunos da rede pública estadual de ensino, que estejam cursando o ensino médio, ou matriculados e que frequentem regularmente a terceira etapa da Educação de Jovens e Adultos (EJA), cursos profissionalizantes durante uma feira de cursos.

As inscrições para os cursos profissionalizantes acontecerão até o dia 4 de novembro nas próprias escolas e as aulas ocorrerão paralelamente nas unidades do Senai no Polo localizado na Rua Pedro Américo, e no Tabuleiro localizado no Polo Multissetorial Governador Luis Cavalcante, do horário das 8h às 21h. A iniciativa tem como objetivo expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos técnicos e de cursos de formação inicial e continuada para estudantes, trabalhadores e desempregados.

Uma das principais instituições parceiras do Pronatec é o Senai e, neste primeiro momento em Alagoas, oferecerá mais de 2 mil vagas em cursos voltados para a qualificação profissional industrial. Serão beneficiados alunos de Maceió, Arapiraca, São Miguel dos Campos, Cururipe, Teotônio Vilela e Santana do Ipanema. Aulas oferecidas serão em diversas áreas como: construção civil; metalmecâncica; alimentos; têxtil e vestuário; informática; gestão; artes gráficas; automotiva; eletricidade; refrigeração; plástica; madeira e mobiliário.

Os primeiros cursos ofertados pelo projeto serão de Formação Inicial e Continuada (FIC) com carga horária de160 a 300 horas. Em 2012, a oferta de cursos profissionalizantes será ampliada, com a disponibilização dos de nível técnico, com carga horária mínima de 800 horas e estágio com duração equivalente a 20% da quantidade de horas do curso. 

Governo Federal acredita na reforma educacional por meio do Pronatec

Dilma Rousseff, durante seu programa de rádio “Café com a presidenta”, veiculado nessa quarta-feira (24), disse que o Pronatec, que será sancionado nos próximos dias, será a maior reforma da educação profissional já feita no Brasil. O programa deverá qualificar, mais de 8 milhões de trabalhadores e estudantes.

No início do programa de rádio a presidente explicou como irá funcionar o benefício. “O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e ao Emprego, o Pronatec, é a maior reforma da educação profissional já feita no Brasil. Serão R$ 24 bilhões em investimentos para oferecer, até 2014, 8 milhões de vagas em curso de formação técnica e profissional, para os estudantes do ensino médio e para os trabalhadores. Vão ser 5,6 milhões de vagas para cursos de curta duração, destinados à qualificação profissional. E mais 2,4 milhões de vagas para cursos técnicos, voltados para os estudantes do ensino médio, com duração de pelo menos um ano”, afirmou.

Dilma completou falando sobre os investimentos em núcleos profissionalizantes. “Estamos construindo 208 novas unidades dos Institutos Federais de Educação Profissional, sendo que 35 ficarão prontas este ano. Estamos fazendo parceria com o sistema – Senai e Senac – que só este ano irá ampliar a oferta de cursos profissionalizantes gratuitos para 630 mil vagas. Além disso, investimos R$ 1,7 bilhão na construção de 176 escolas técnicas estaduais, e também na reforma, ampliação e compra de equipamentos de outras 543 unidades”.