Menu

Saúde

Atualizado em 30 de julho de 2012, às 13:40 por Isah Moretti
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Excesso de peso e estresse aumentam o risco de infertilidade

Estar fora do peso ideal ou conviver constantemente com o estresse dificultam o sonho da maternidade e da paternidade.
494790 Excesso de peso e estresse aumenta o risco de infertilidade Excesso de peso e estresse aumentam o risco de infertilidadeEstar fora da média de peso ideal pode comprometer a fertilidade do casal. (Foto:Divulgação)

A infertilidade é um problema que afeta milhares de pessoas, sobretudo as mulheres. A condição que muitas vezes impede o sonho de ter um filho está associada a vários fatores, como é do excesso de peso e dos níveis de estresse elevados.

De acordo com pesquisas, 35% dos homens são responsáveis pela infertilidade do casal, enquanto o restante dos casos é devido a algum problema no organismo da mulher. Dependendo da gravidade do quadro, existe a opção de fazer um tratamento para fertilidade, porém nem sempre os melhores resultados são garantidos.

Entre as mulheres, a principal causa da infertilidade é a endometriose, que compromete a ovulação e resulta em alterações hormonais. No entanto, os médicos acreditam que outros fatores comuns podem interferir nas funções do organismo, inclusive a fertilidade. Além da doença relacionada ao endométrio, as mulheres também podem se tornar inférteis por causa de estresse e obesidade.

O peso e as dificuldades para engravidar

494790 Excesso de peso e estresse aumenta o risco de infertilidade 2 Excesso de peso e estresse aumentam o risco de infertilidadeExcesso de peso compromete hormônios da reprodução. (Foto:Divulgação)

O excesso ou déficit de peso interfere na fertilidade, tanto em mulheres como em homens. O empecilho que compromete a ideia de aumentar a família está ligado, sobretudo, às alterações dos hormônios da reprodução.

Pesquisas já comprovaram que mulheres muito magras apresentam mais dificuldades para engravidar, pois a falta de gordura compromete a produção de estrógeno, hormônio essencial para a reprodução. Já em homens, a preocupação excessiva com a estética também compromete a fertilidade, afinal, muitas vezes eles consomem anabolizantes para ganhar músculos e isto interfere no funcionamento dos testículos.

Saiba mais:Infertilidade Masculina – Cuide-se

Quando a mulher está bem acima da média do peso ideal, ela enfrenta dificuldades para realizar o sonho de ser mãe. A obesidade faz uma verdadeira bagunça no seu ciclo reprodutivo, ou seja, torna o fluxo menstrual irregular e afeta a ovulação. A mulher obesa também tem uma gestação mais complicada, pois o excesso de peso eleva as chances de sofrer com hipertensão e diabetes.

Os homens que sofrem de obesidade também podem se tornar inférteis, afinal, possuem testosterona em menor grau e com isso desestimulam a produção de espermatozoides.

O estresse e a infertilidade

494790 Excesso de peso e estresse aumenta o risco de infertilidade 1 Excesso de peso e estresse aumentam o risco de infertilidadeCasal estressado pode encontrar dificuldades para ter filhos. (Foto:Divulgação)

O estresse se revela um grande inimigo dos casais que desejam ter um filho. Em mulheres, o excesso de situações estressantes bloqueia a comunicação hormonal e compromete o processo de ovulação. Já em homens, a vivência do estresse causa impotência, dificuldades de ejaculação e grande porcentagem de espermatozoides anormais (de baixa qualidade).

 Veja também: Os principais inimigos da fertilidade

A categoria Saúde do portal Mundodastribos.com é um espaço informativo de divulgação e educação sobre os temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento, sem antes consultar um profissional de saúde.