Menu

Sustentabilidade

Atualizado em 16 de setembro de 2011, às 14:05 por Dany Negrao
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Estádio Sustentável Copa 2014

271190 Estadio Sustentavel Copa 2014 Estádio Sustentável Copa 2014

A busca pela sustentabilidade não para no Brasil. O país vem se destacando nesse setor e está investindo cada vez mais em ideias e projetos do tipo. No meio esportivo, o país pretende se destacar com estabelecimentos ecologicamente corretos. A Copa de 2014 está se aproximando e com isso vem aumentando a preocupação para passar uma boa impressão para o resto do mundo. Em Salvador, Bahia, o estádio Governador Professor Roberto Santos, mais conhecido como Pituaçu, será o primeiro abastecido com energia solar no Brasil. Até o fim desse ano, espera-se que a cobertura de painéis fotovoltaicos já esteja totalmente pronta. Com esse tipo de energia, o estádio poderá economizar cerca de 200 mil reais por mês. Ele provavelmente não servirá como sede dos jogos, mas poderá ser usado para os treinos da seleção brasileira.

A novidade que está dando o que falar é o estádio nacional de Brasília. É quase certo que lá acontecerá a abertura da Copa de 2014. A cidade pretende tornar o estádio “Mané Garrincha” o mais sustentável do mundo. O Estádio Sustentável da Copa 2014 ainda precisa de algumas mudanças para concorrer ao certificado Leed Platinum, selo máximo da construção ecologicamente correta fornecido com parcimônia pelo instituto americano U.S. Green Building Council (GBC). É preciso que o estabelecimento cumpra algumas características para conseguir o tal selo.

271190 Estadio Sustentavel Copa 20141 Estádio Sustentável Copa 2014

Serão avaliados o consumo de energia, o uso de materiais reciclados ou certificados na mobília e na construção da obra, o reaproveitamento da água, a baixa produção de resíduos e ainda a localização do estádio. Essas são alguns dos critérios avaliados. Para conseguir o certificado de estádio sustentável, o Mané Garrincha precisa conseguir no mínimo 80 dos 100 pontos possíveis. Outros estádios brasileiros estão na briga, ao menos para conseguir o certificado básico, onde a obra precisa de 50 pontos. Um dos detalhes que torna essa disputa um tanto quanto complicada é o custo da obra. Ser ecologicamente correto é mais um pouco mais caro.

271190 Estadio Sustentavel Copa 20142 Estádio Sustentável Copa 2014

O estádio brasileiro sustentável poderá passar uma ótima imagem aos turistas internacionais. Mesmo tendo uma construção e adaptação um pouco mais cara, a manutenção do estádio é bem mais barata. A ideia é usar a Copa do Mundo para transformar a cidade, tornar um marco na sustentabilidade do país, além de transformar o estádio em uma das melhores arenas para shows da América Latina.

O estádio nacional de Brasília Copa 2014 terá inúmeras características positivas em relação ao meio ambiente, como uma cobertura capaz de capturar CO2, gás que destrói nossa camada de ozônio. As colunas irão garantir sombra e frescor. Assim como o estádio de Salvador, o Mané Garrincha terá geração de energia solar, sendo autossuficiente nesse aspecto. A obra está 35% concluída. A estimativa é que a inauguração seja feita no final de 2012.

 

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL

Ao subscrever nossa newsletter, passar receber nossos artigos por email e informações sobre os nossos passatempos. É gratuito e sem spam.