Menu

Mulher

Atualizado em 27 de março de 2012, às 17:05 por Analu
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Dieta do carboidrato: cardápio, dicas

Confira o que é preciso saber sobre a dieta do carboidrato. Entenda como funciona, quais os riscos e confira dicas de cardápios.

É difícil encontrar quem nunca ouviu falar da dieta do carboidrato, pois é uma das mais bem aceitas e várias pessoas garantem um resultado rápido e satisfatório. Entretanto, muita gente não sabe como ela realmente funciona e existem diversos mitos e situações que acabam dificultando uma boa compreensão do tema.

415224 balanca Dieta do carboidrato: cardápio, dicasA dieta do carboidrato é uma das mais populares e garante resultados rápidos

Compreendendo o metabolismo celular

As células que compõem nosso organismo funcionam como um carro total flex, que aceita vários tipos de combustível. Entretanto, o “combustível” preferido para o funcionamento celular são os carboidratos e em segundo lugar as gorduras. Essa ordem de prioridade sempre será respeitada por todas as células.

O corpo tenta se preparar para as situações mais adversas que podem surgir, por isso, todo carboidrato que não é utilizado pelas células e fica sobrando no organismo é convertido e armazenado na forma de gordura, que funciona como um estoque de energia para que as funções vitais continuem funcionando em situações onde não há disponibilidade de carboidratos, como durante o jejum prolongado.

Os corpos cetônicos são o resultado da metabolização das gorduras e nada têm a ver com glândulas ou hormônios, como é difundido em vários sites. É mais ou menos como se o carboidrato, para a célula, fosse como o álcool para o carro, onde a energia produzida é eficiente e livre de fumaça, enquanto que as gorduras seriam como o diesel, também bastante eficientes, porém produtoras de muita fumaça, que seriam os corpos cetônicos.

É importante ressaltar que essa substância não é tão ruim quanto pode parecer num primeiro momento, porque, apesar da possibilidade de causar alterações no pH sanguíneo, deixando-o mais ácido (quando em níveis muito altos), também podem ser usadas como fonte de energia por diversos tecidos, especialmente para o cérebro.

Como funciona a dieta do carboidrato

O princípio da dieta é muito simples e consiste em esgotar o estoque de carboidratos, forçando o organismo a consumir toda a energia armazenada na forma de gordura.

A dieta é constituída de três fases e tem uma duração total de, no máximo, 15 dias, confira:

  • Primeira fase

É a fase mais complicada, pois é necessário eliminar completamente o consumo de carboidratos das refeições e obrigar o corpo a consumir gordura. Sua duração gira em torno de 2 dias, para a maioria das pessoas, e em alguns casos pode se estender a 3 dias.

Logo que o estoque de carboidrato acaba, as células passam a consumir gordura na forma de corpos cetônicos por um processo chamado cetogênese, resultando em perda de peso.

Como esses compostos, em excesso, podem ser perigosos e levar a um quadro de cetoacidose, o recomendado é que a dieta dos carboidratos não seja mantida por longos períodos.

  • Segunda fase

Nessa fase, que começa com o início da cetogênese e dura até o final da primeira quinzena da dieta, o consumo de carboidratos ainda é evitado, porém há uma tolerância para a ingestão de até 20 gramas dessa substância por dia, o correspondente à mais ou menos 10% da necessidade normal do organismo.

  • Terceira fase

Nessa etapa diversas frutas são liberadas para consumo, desde que compostas por menos de 10% de carboidratos, o que torna a dieta menos complicada de ser seguida.

415224 3 Dieta do carboidrato: cardápio, dicasDurante a primeira fase da dieta, é necessário se abster de carboidratos

Cuidados a serem seguidos

  • A dieta dos carboidratos pode ser feita por 15 dias sem interrupção, no máximo. Depois desse tempo é fundamental interrompê-la por 3 dias, quando se deve comer normalmente. Para melhores resultados a dieta pode ser retomada, apenas uma única vez, por mais 15 dias. Prolongar o tempo de restrição de carboidratos por mais tempo é altamente contraindicado e pode trazer sérios prejuízos ao organismo;
  • É importante não descuidar da hidratação e se alimentar a cada 3 horas, garantindo os elementos necessários ao funcionamento celular;

Alimentos que não devem ser consumidos

É importante se abster do consumo de qualquer alimento açucarado, além de evitar:

  • Frutas

Algumas com mais de 20% de carboidratos: banana, uva, figo, ameixa, caqui;

  • Grãos

Arroz, trigo, milho, feijão, grão-de-bico, lentilha, ervilha e amendoim torrado;

  • Tubérculos

Batata-doce, batata, mandioca, beterraba e cenoura;

  • Outros

Leite, bolachas, farinha, mel, geleia, cerveja, apresuntado, maisena, macarrão, iogurte, pudim, achocolatados, salsicha, conservas, sagu, coxinha, tortas.

Alimentos que podem ser consumidos livremente

Alguns alimentos podem ser consumidos em todas as fases da dieta, sem restrições e à vontade:

  • Verduras e legumes

Repolho, alface, tomate, couve-flor, couve, brócolis, pimenta, cebola, pepino, abobrinha, quiabo, nabo, rabanete, acelga, jiló, salsão, chicória, escarola, palmito, berinjela, azeitona, pimentão e salsa.

  • Bebidas

Café, chá de ervas, limonada (sem açúcar é lógico, não usar limão rosa), refrigerantes DIET(prefira os que não tenham carboidratos).

  • Outros

Creme de leite, bacon, ovos, linguiça de porco, carnes de peixe, frango, presunto cozido, queijo, nata, nozes.

Alimentos que podem ser consumidos após os primeiros 15 dias

Na terceira fase da dieta, é permitido consumir diversas frutas, constituídas por menos de 10% de seu peso em carboidratos. As principais são:

  • Abacate
  • Abacaxi
  • Caju
  • Carambola
  • Castanha-do-pará
  • Figo
  • Goiaba
  • Jaca
  • Limão
  • Maracujá
  • Melão
  • Morango
  • Pêssego
415224 dieta 2 Dieta do carboidrato: cardápio, dicasProlongar a restrição de carboidratos por mais de 15 dias consecutivos traz graves complicações

Sugestões de cardápios

Café da manhã:

  • Omelete Simples ou com Queijo e Presunto;
  • Ovos Mexidos;
  • Ovos com Bacon ou Ovos Cozidos;
  • Chá Gelado;
  • Café;
  • Presunto;
  • Queijo;
  • Salaminho.

Almoço:

  • Salada de folhas verdes escuras;
  • Salpicão (Maionese caseira, salada, pimentão, frango, ovos cozidos, cenoura, chuchu, vagem e tomate)
  • Carne de Vaca, Porco, Frango (caso haja molho, somente com tomates caseiros);
  • Peixe, Camarão, Atum, Lagosta, Caranguejo ou Mexilhões;
  • Linguiça caseira;
  • Ovos Mexidos, Ovos com Bacon ou Ovos Cozidos;
  • Omelete Simples ou com Queijo e Presunto.

Lanche da tarde

  • Chá Gelado ou Quente;
  • Café;
  • Queijo;
  • Salame;
  • Queijos.

Jantar

  • Saladas;
  • Carnes magras;
  • Queijos.

Sobremesa

  • Creme de leite com adoçante e gotas de baunilha ou canela;
  • Gelatina Diet.

Cardápio de manutenção

Muitas pessoas reclamam do efeito sanfona, que é a não manutenção dos resultados obtidos após a dieta. Para prevenir esse acontecimento, a dica é reeducar os hábitos alimentares, adotando uma dieta que, além de melhorar a qualidade de vida, garantirá um resultado estético permanente.

 Para auxiliar no preparo de um cardápio ideal, basta seguir as dicas, escolhendo apenas uma de cada opção listada.

Café da manhã

  • 1 fatia de melão / 3 fatias de presunto magro / 2 fatias de queijo prato / 2 fatias de pão integral / chá de ervas ou frutas
  • 1 iogurte batido com morangos (e adoçante) / 2 fatias de presunto magro / 1 fatia média de queijo-de-minas / 1 copo (200 ml) de suco de mamão
  • 1 taça de salada de frutas / 1 iogurte desnatado / 1 copo (200 ml) de suco de acerola
  • 1 torrada integral com 1 fatia média de ricota / 1/2 papaia / 1 xícara de leite desnatado, café ou chá
  • 1 iogurte natural + 2 colheres sopa de aveia + 1/2 mamão papaia / 1 xícara de leite desnatado, café ou chá.
  • 1 taça de salada de frutas / 1 iogurte desnatado / 1 copo de suco de melão
  • 1 fatia grossa de queijo- de-minas / 1 xícara de leite desnatado café ou chá / 1 pera

Lanches e ceia

  • 1 polenguinho;
  • 1 iogurte desnatado de frutas;
  • 1 fatia grossa de queijo-de-minas;
  • 1 iogurte DESNATADO;
  • 1 fatia de queijo-de-minas;
  • 1 fatia de melão;
  • 1 iogurte light de frutas;
  • 1 xícara de morangos;
  • 1 copo de limonada / 1 polenguinho;
  • 1 danoninho / 1 copo (200 ml) de suco de caju;
  • 1 polenguinho + 1 água-de-coco;
  • 1 polenguinho / chá diet;
  • 1 torrada integral com requeijão light ou com 1 fatia média de ricota;
  • 1 frozen iogurt ou 2 danoninhos;
  • 1 copo (200 ml) de suco de morango ou melancia;
  • 2 polenguinhos / chá diet;
  • 1 pera;
  • 1 copo (200 ml) de suco de morango;
  • 1 xícara de leite desnatado, café ou chá.
415224 4 Dieta do carboidrato: cardápio, dicasA reeducação alimentar é fundamental para evitar o efeito sanfona

Almoço

  • 1 filé de salmão grelhado (180 g) / 6 colheres (sopa) de brócolis refogado / 1 prato de salada verde com 1 fio de azeite, limão e sal / 1 copo (200 ml) de suco de maracujá;
  • 1 berinjela recheada com carne moída / 6 colheres (sopa) de espinafre refogado / 1 prato de salada de folhas (com um fio de azeite);
  • 4 salsichas de peru cozidas ou grelhadas / 2 colheres de sopa de repolho refogado / 1 colher (sopa) de mostarda / 1 prato de salada de folhas verdes e tomate com molho shoyu / 1 copo de limonada;
  • 6 colheres (sopa) de picadinho de carne / 2 colheres (sopa) de arroz integral / 1 prato de salada de folhas (temperada com shoyu) / 1 fatia de melancia ou melão;
  • 1 omelete (3 claras e 2 gemas) com 1 fatia de queijo branco / 6 colheres (sopa) de legumes cozidos / 1 prato de salada de folhas (temperada com azeite, sal) / 1 fatia de abacaxi;
  • 1 bife grelhado 150 g / 6 colheres (sopa) de couve-flor cozida / 1 prato de salada de folhas (temperada com um fio de azeite, sal e limão) / 1 fatia de abacaxi;
  • 2 coxas de frango assadas sem pele / 6 colheres (sopa) de abóbora refogada 1 prato de salada de folhas com palmito (temperada com shoyu) / 1 tangerina.

Jantar

  • 1 prato fundo de salada: alface crespa + agrião + 8 tubetes de kani + 40 g de queijo tofu em cubos / molho: 1 colher (sopa) de mostarda + suco de 1/2 laranja + 2 colheres (chá) de azeite;
  • 1 filé grande de frango grelhado ou assado com cebolas / 1 prato de salada: alface, rúcula (ou agrião), pepino, com 1 colher (sopa) de nozes picadas e molho de iogurte;
  • 1 prato de salada: alface + tomate e cenoura +1 filé de frango grelhado em cubos + 1 colher (sopa) de molho de iogurte ceia: 1/2 papaia;
  • 1 filé de salmão (180 g) ensopado com legumes / salada de folhas, tomate e lascas de parmesão (temperada com 1 colher de chá de azeite);
  • 1 sanduíche com pão integral, atum (em lata), cenoura ralada e 1 colher (chá) de maionese light / 1 prato de salada de folhas (com azeite e sal);
  • 1 prato de sopa de legumes (abobrinha, acelga, cenoura, chuchu, alho-poró, espinafre, tomate etc.) / 1 filé de frango (150 g) grelhado ou assado com fatias de cebola e tomate / 1 prato de salada de alface (temperado com molho de iogurte);
  • 1 hambúrguer (180 g) 1 prato de salada de pepino, tomate, folhas verdes, com molho de mostarda.

Agora basta seguir as dicas e apostar nessa dieta, que promete deixar o corpo esbelto e elegante em pouco tempo.

As sugestões de cardápios foram obtidas no endereço www.dietaebeleza.com/sugestao-de-cardapios-dieta-do-cetonico-e-dieta-da-proteina/

Conteúdo avaliado com média: