Menu
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Dicas para seguir carreira militar

Para ingressar na carreira militar é necessário conhecimento técnico, bom preparo físico e disciplina.
 

O caminho não é fácil para quem almeja seguir a carreira militar (Foto: Divulgação)

Acordar às 6 horas da manhã todos os dias, praticar exercícios físicos, participar de manobras, reuniões e ainda estudar, em uma rotina que termina às 22 horas pode não agradar muita gente. Mas quem está interessado em seguir a carreira militar é preciso decidir se está disposto ou não para esse desafio.

 

Algumas escolas militares oferecem cursos de graduação na área de Engenharia, mas passar no processo seletivo de instituições renomadas como o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) ou o Instituto Militar de Engenharia (IME) exige dedicação. No vestibular de 2012 do ITA, 9337 candidatos concorreram as 130 vagas disponíveis.

As Forças Armadas possui um sistema de educação para qualificar os seus membros (Foto: Divulgação)

Segundo o Exército Brasileiro, o objetivo das Forças Armadas manterem sistemas de educação são a formação e aperfeiçoamento de combatentes e chefes militares, bem como a especialização de técnicos nos setores de planejamento, engenharia nuclear, informática, medicina, hidrografia e outras. Além da avaliação dos conhecimentos técnicos, os candidatos são submetidos a avaliações psicológicas e testes físicos. Há idades mínimas e máximas para o ingresso. No Ime, por exemplo, somente pode participar quem tiver entre 16 e 22 anos no ano do processo seletivo. No Ita são admitidos candidatos que ainda não tenham completado 25 anos até o final do ano de sua matrícula.

Para seguir as carreiras militares de cadetes e oficiais é preciso ingressar em instituições como a Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx). A Escola prepara jovens para entrar na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), responsável pela formação dos oficiais combatentes do Exército Brasileiro. Candidatos precisam ter entre 17 e 22 anos e ter concluído o ensino médio até a data da matrícula.

A disciplina é fundamental para quem quer seguir carreira militar (Foto: Divulgação)

Se o sonho for a Aeronáutica, há entre outras escolas, a Academia da Força Aérea (AFA) para tornar-se Oficial Aviador, Oficial Intendente e de Infantaria da Aeronáutica. Na Marinha, é possível entrar na Escola Naval (EN), que forma o Corpo da Armada, de Fuzileiros Navais e de Intendentes da Marinha.

Seja qual for a carreira militar escolhida é preciso dedicação, disciplina e muito esforço.

 

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL