Menu

Bem Estar

Atualizado em 5 de dezembro de 2012, às 7:16 por Analu
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Dicas para planejar o prato do restaurante

Para montar um restaurante, é necessário ter alguns cuidados. Conheça algumas dicas para planejar o prato do restaurante.

O cardápio é a alma de qualquer restaurante. Devido a isso, é essencial saber montar os pratos, de forma a agradar os diversos paladares. Conheça algumas dicas de como planejar o prato do restaurante. Saiba quais são os melhores restaurantes do Rio de Janeiro.

548050 O cardápio é a alma do restaurante. Foto divulgação Dicas para planejar o prato do restaurante O cardápio é a alma do restaurante. (Foto: divulgação)

Reconhecendo o significado de cardápio

O cardápio tem como definição, uma lista de preparações culinárias que compõe as refeições de um período. Assim, é muito importante que os pratos que componham o cardápio utilizem padrões nutricionais, além de muito reconhecimento sobre as técnicas dietéticas dos alimentos.

A essência do cardápio

Todo o restaurante deve contar com um cardápio que seja balanceado e que supra as necessidades energéticas e nutritivas do indivíduo. Além disso, é necessário que haja uma grande variedade de pratos que visam à diversidade alimentícia dos clientes, ou seja, permitam uma escolha saudável dos alimentos. É importante também, levar em consideração o equilíbrio e a qualidade nutricional oferecida aos consumidores.

Iniciando os preparos

O ponto de partida dos pratos que irão compor o cardápio deverá levar em consideração a população a ser destinada. Quando se trata de coletividade, é importante conhecer o padrão alimentício da região em que deseja montar o restaurante. Dessa forma, será mais fácil estabelecer os parâmetros que irão contribuir para a montagem do cardápio, com o objetivo de atender às expectativas e desejos dos clientes em potencial.

548050 Os pratos do restaurante devem ser nutritivos e balanceados. Foto divulgação Dicas para planejar o prato do restaurante Os pratos do restaurante devem ser nutritivos e balanceados. (Foto: divulgação)

Outros fatores essenciais

Além da escolha dos pratos que farão parte do cardápio, é necessário atingir outros objetivos operacionais do planejamento do restaurante, entre eles:

  • Gerenciar os custos;
  • Organizar as compras;
  • Realizar os estoques;
  • Pesquisar e analisar os hábitos alimentares;
  • Organizar ordem de produção;
  • Otimizar equipamentos.

Organizando o cardápio

O planejamento do cardápio deve ser baseado em um cardápio que leva em consideração uma refeição principal, como almoço ou jantar de um restaurante, devendo obedecer a seguinte ordem:

  • Entrada – pode ser composta por sopa, salgado frio ou quente ou salada cozida ou cura;
  • Prato principal – deve ser composto por um prato que contribuirá para um aporte de proteínas durante o dia;
  • Guarnição – consiste na preparação que acompanha o prato principal. Em geral, é baseado em vegetais, massas e farofas, entre outros;
  • Acompanhamento – consiste na famosa dupla arroz e feijão, podendo o arroz ser adicionado de vegetais, leguminosas ou carnes;
  • Sobremesa – pode ser composta por doce ou fruta. A escolha dependerá da montagem do cardápio e da estação do momento.

    548050 Os pratos do restaurante devem levar em consideração o gosto da população local. Foto divulgação Dicas para planejar o prato do restaurante Os pratos do restaurante devem levar em consideração o gosto da população local. (Foto: divulgação)

A montagem de um cardápio para o restaurante deve levar em conta a população do local. Além disso, é essencial focar em pratos que sejam balanceados e nutritivos. Após conhecer algumas dicas para planejar o prato do restaurante, basta colocá-las em prática e obter sucesso no empreendimento. Conheça algumas ideais de fachadas para restaurante.