Search

Dermatite em cães: sintomas, como tratar

Confira os principais cuidados que devem ser tomados para prevenir seu cão da doença.
Google plus

Dermatite em cães: sintomas, como tratar – A dermatite em cães é a segunda doença cutânea alérgica  mais frequente, sendo menos corriqueiro somente que a dermatite alérgica à picada de pulgas. A idade em que os indícios clínicos se iniciam varia de seis meses a sete anos, sendo que, aproximadamente 70% dos cães desenvolvem a doença entre 1 e 3 anos de idade.

Confira: Diabete em cães: como tratar

 

Dermatite em cães: sintomas, como tratar

Os indícios iniciais podem manifestar-se em derminada temporada do ano. Nos Estados Unidos, aproximadamente 80% dos cães com a doença manifestam sintomas clínicos iniciais  no intervalo da primavera ao outono e 20% apresentam a doença no inverno.

As dermatites possuem origens diversas e o tratamento depende das substâncias causadoras. As bactérias e fungos estão entre os mais frequentes ocasionadores da doença. Alguns animais podem sofrer reações alérgicas como a alergia à picada de pulgas e com isso acarretar um detrimento nos locais da picada, ocasionando uma dermatite. No entanto, outras enfermidades igualmente geram a dermatite, como as de procedência endócrina como o Hipotireoidismo.

As dermatites possuem origens diversas e o tratamento depende das substâncias causadoras. (Foto Divulgação)

Leia mais: Conjuntivite em cães: como tratar

A umidade nos pelos e a ausência de ventilação da pele é um das causas mais corriqueiras de dermatites em cães. O cão, especialmente, começa a se coçar, o que acaba agravando ainda mais o caso.

Os animais com pelos longos devem ser escovados comumente a fim de que permitam a ventilação da pele. O uso de roupas rotineiramente também instiga a fermentação e o surgimento de dermatites. Existem raças que tem maior probabilidade de ter a doença, por isso, o cuidado deve ser redobrado e dada a atenção devida. Confira a lista das raças de cachorros com maior tendência a contrair a dermatite:

  • Lhasa Apso,
  • Shih Tzu,
  • Shar Pei,
  • West Highland White Terrier,
  • Scoth Terrier,
  • Pug,
  • Dálmata,
  • Boston Terrier,
  • Boxer,
  • Labrador,
  • Schnauzer Miniatura,
  •  Golden Retriever,
  • Pastor Belga,
  • Bulldog Inglês e
  • Fox Terrier.

Sempre que banhar o seu bicho tenha certeza de que sevou muito bem a pelagem. A umidade, estimula a fermentação e a produção de odor (cheiro de cachorro molhado). Há também a dermatite psicossomática, isto é, originada por um distúrbio emocional do animal. Isso ocorre muito quando o cão se sente sozinho ou passa por algum tipo de stress. Normalmente, começa a lamber alguma região do corpo, até que esse ato comece a gerar detrimentos na pele.

O uso de roupas rotineiramente também instiga a fermentação e o surgimento de dermatites. (Foto Divulgação)

Veja também: Cães compulsivos: como tratar

As regiões onde a doença mais se manifesta são tornozelos, para e cauda, alterando sempre a cada período. No entanto, com alguns cuidados já citados acima, é possível reduzir  o quadro da doença.

Se observar qualquer detrimento na pele do seu cão, ou perceber que ele coça uma região repetidamente, não deixe de levá-lo ao veterinário, pois, quanto mais rápido o diagnóstico, mais rápido será a cura e menor será a gravidade da lesão na pele.


Google plus


Este artigo possui 5 comentários

  1. adriana
    Publicado em 14/02/2013 às 9:37 PM [+]

    tenho um poodle médio de dois anos ,que está com dermatite alérgica e algumas feridas ,pela barriga e orelas ,como faço para tratar?aguardo Orientação; Obrigada!

  2. Rosilene
    Publicado em 18/02/2013 às 1:57 PM [+]

    olá, meu cão apresenta dermatite cronica a muito tempo..O Rex tem 4 anos é um pastor alemão e já o levei em vários veterinários, o ultimo que eu levei passou Hidroxizíne e Peroxidex.. o que eu gostaria de saber é o seguinte a dermatite não tem cura? porque eu gasto muito e não vejo muito resultado, a ração do meu cachorro é anti-alérgica não sei mais o que fazer vcs podem me ajudar.???

    obrigada.

  3. fernanda
    Publicado em 18/01/2014 às 2:52 PM [+]

    olá eu adotei uma pit bull da rua e comecei a notar que ela esta soltando muito pelo em cima nas costas e ja esta aparecendo algumas falhas o que posso fazer para ajudala ja que estou usando remedio e não esta adiantando se puderem me ajudar eu agradeço desde já obrigada…..

  4. Elias
    Publicado em 28/06/2015 às 8:02 PM [+]

    Minha cadela poodle, começou a perder os pelos e debaixo da pele forma uma bolha como um cisto que enche até vazar,depois forma uma crosta grossa como uma casca de machucado e continua formando pus, eu retiro a carne morta limpo o ferimento mais ele começa a descer e o ciclo se inicia novamente… Noto que houve perda de apetite e fraqueza. Me ajudem por favor posso enviar fotos para avaliação.

  5. Adriana Souza
    Publicado em 15/07/2016 às 3:09 PM [+]

    Boa tarde, meu cachorro apresenta um tipo de escamação na pele, as patas estavam com ferimentos por ele lamber constantemente. Já levei ao veterinário e fiz exame de sangue deu negativo para leishmaniose e o hemograma não deu alteração. O pode ser

Compartilhe suas ideias! Deixe um comentário...

Antes de enviar um comentário, verifique seu conteúdo. Comentários que violem os Termos de Uso e Condições de Navegação do Portal mundo das Tribos e as leis em vigor poderão ser removidos pelo Portal Mundo das Tribos, sem prejuízo da adoção das medidas legais cabíveis pelo Portal.

Política de privacidade
Termos de uso e condições do site


Top