Menu

Criança

Atualizado em 19 de agosto de 2013, às 12:05
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Criança prendeu o dedo na porta: o que fazer?

Saiba o que fazer quando uma criança prende o dedo na porta e confira dicas para evitar acidentes.

Os pais costumam ficar muito preocupados quando os filhos começam a engatinhar, pois um universo de possibilidades se abre para os pequeninos e, na busca por novas experiências, o risco de acidentes acaba aumentando consideravelmente. A criança demora a reconhecer as situações que oferecem perigo, e entre os locais comumente machucados estão os membros superiores. Saiba mais sobre o assunto e confira dicas do que fazer quando a criança prede o dedo na porta.

649995 Saiba o que fazer para evitar acidentes com porta. Criança prendeu o dedo na porta: o que fazer?Saiba o que fazer para evitar acidentes com porta. (Foto: divulgação)

Dicas para prevenir acidentes com portas

Durante a infância, especialmente na fase em que a criança começa a engatinhar até por volta dos 4 ou 5 anos, quando compreende melhor o mundo e identifica possíveis situações de risco, os pais precisam se manter antenados no pequenino durante o dia e a noite, pois qualquer distração é o suficiente para que aconteça um acidente que poderia ter sido evitado.

A melhor recomendação para não expor a criança a riscos e prevenir acidentes com portas é tomar algumas medidas simples, porém bastante eficazes para evitar esse tipo de acidente. Confira:

  • Sempre que desejar manter uma porta aberta, invista em prendedores de portas;
  • Para evitar que as portas batam ou se fechem de forma abrupta, invista em dispositivos de segurança, como molas;
  • Prefira as maçanetas de formato redondo, que são mais difíceis das crianças manipularem.
649995 Acidentes envolvendo os membros são os mais comuns. Criança prendeu o dedo na porta: o que fazer?Acidentes envolvendo os membros são os mais comuns. (Foto: divulgação)

O que fazer quando a criança prende o dedo na porta

A primeira coisa que a maioria das mães acaba fazendo quando o filho sofre um acidente com a porta, é perder o controle e entrar em pânico. Nesse momento é necessário manter a calma e se lembrar de que cada caso é um caso, e portanto, é necessário que a criança seja avaliada individualmente por um médico. Esse tipo de trauma é capaz de causar desde pequenas escoriações na pele e contusões, até lesões bastante graves no dedo. Saiba quais são os primeiros socorros em caso de criança que prende o dedo na porta.

  1. Assim que perceber o acidente, é preciso acolher a criança com calma, para não assustá-la ainda mais;
  2. Dependendo da intensidade do trauma, o pequenino poderá estar com o dedo inchado, sentindo muita dor, com cortes e sangramentos, ou até mesmo unha descolada. Vale a pena tentar evitar que a criança visualize o machucado, cobrindo a lesão com um pano limpo;
  3. Lave a lesão em água corrente, seque bem e analise o dedo. Se não houver nenhum tipo de corte e a criança movimentar bem o dedo depois de alguns minutos, provavelmente está tudo bem e o dedo se recuperará em breve. Caso haja algum tipo de lesão perceptível ou a criança não consiga mover o dedo, é necessário leva-la ao pronto-socorro, para avaliação médica.
649995 Quando a criança aprende a engatinha todo cuidado é pouco. Criança prendeu o dedo na porta: o que fazer?Quando a criança aprende a engatinha, todo cuidado é pouco. (Foto: divulgação)

Os acidentes domésticos com crianças são bastante comuns, especialmente na fase em que os pequeninos começam a engatinhar. Prender o dedo na porta é uma situação frequente e que pode ter gravidade bastante variável. Por isso vale a pena saber o que fazer, conhecendo os primeiros socorros para esse tipo de acidente.