Bem Estar

Criança com soluço: o que fazer

O soluço é comum nos bebês

Aquele barulhinho que faz o soluço deixa toda mamãe apreensiva pelo aparente incômodo que possa estar causando ao seu bebê, tão pequeno e frágil. Mas, ao contrário do que se imagina, o bebê não sente nenhum incômodo nem tão pouco dor ao soluçar. O soluço geralmente aparece pela imaturidade do sistema nervoso que ainda não controla, como deveria, o diafragma, músculo envolvido na respiração, que separa o tórax do abdome.

Os soluços são tão comuns que atingem cerca de 80% dos bebês. Assim como aparece, ele desaparece repentinamente sem que seja necessário qualquer tratamento. Os soluços normalmente melhoram aos seis meses de idade.

Como surge o soluço

Basta qualquer coisa que irrite o diafragma para que ele entre em espasmos repetitivos ocorrendo o soluço. O ruído ocorre devido ao fechamento repentino da glote durante a inspiração e faz com que as cordas vocais vibrem. O que causa a irritação do diafragma pode ser a ingestão demasiada ou rápida de alimentos, na qual o bebê pode engolir ar, ou as mudanças de temperatura.

Não se desespere que o soluço passa

Como evitar o soluço

– Evite a entrada de ar ao colocar o bebê para mamar, colocando a maior parte possível da aréola do peito na boquinha dele;

– Não deixe o bebê mamar direto sem pausas, a ingestão rápida de leite pode causar soluços. Faça as pausas por ele, deixe que sugue um pouco e retire do peito para que ele descanse e respire, depois o coloque novamente;

– Coloque o pequeno depois da mamada na posição vertical para que possa eliminar o ar pelo arroto;

– Troque seu filho em ambientes com temperatura agradável sem que tenha correntes de ar, pois a mudança de temperatura corporal também pode provocar soluços;

– Se o bebê tem crises de soluço muito fortes, que não passam facilmente provocando choro e perda de peso, procure o pediatra imediatamente;

– As crianças mais velhas podem combater a crise de soluços com alguns truques práticos como: respirar em um saco de papel, tomar água com o nariz tampado ou prender a respiração por alguns segundos. Essas práticas aumentam o nível de gás carbônico no sangue e fazem com que o diafragma volte ao normal.

Por ser um processo muito comum entre crianças e adultos, não é preciso se desesperar quando o soluço aparecer, basta seguir as dicas acima que tudo volta ao normal, ou espere passar naturalmente.

Não se preocupe, soluço não é doença
Recomendado para você
Bem Estar

Cuidados necessários com as orelhas furadas

Bem Estar

Saiba como denunciar um caso de bullying

Bem Estar

Como Fazer uma Dieta Corretamente

Bem Estar

Cama de Casal, escolha a cama ideal para você

Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *