Menu

Saúde

Atualizado em 4 de março de 2013, às 14:19 por Analu
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Cor das fezes: saiba mais

Prestar atenção na coloração das próprias fezes é uma medida que pode ajudar na identificação de problemas de saúde. Confira.

Durante as consultas médicas de rotina é bastante comum o médico questionar sobre o hábito intestinal e aparência das fezes. Muitas pessoas não dão importância para o assunto e acabam nunca se atentando para algumas características do material fecal, que são capazes de indicar a condição da saúde do aparelho gastrintestinal. A coloração do cocô varia de uma pessoa para outra, de acordo com fatores como alimentação e quantidade de bílis produzida. Fique por dentro do assunto e saiba mais sobre o significado da cor das fezes.

Confira algumas dicas contra o intestino preso.

588228 A coloração das fezes é capaz de indicar alguns problemas de saúde. Cor das fezes: saiba maisA coloração das fezes é capaz de indicar alguns problemas de saúde. (Foto: divulgação)

A cor normal das fezes

A coloração das fezes não é exatamente igual de uma pessoa para outra, mas segundo os especialistas em saúde, é considerada normal as fezes de tonalidade marrom. Ocasionalmente fezes amareladas também são consideradas normais, pois são o resultado da maior mobilidade natural do intestino, o que nem sempre é considerado um problema.

Os significados das cores das fezes

Apesar de não ser um tema frequentemente abordado, vale a pena conhecer o significado das cores das fezes, pois em alguns casos é possível utilizar desse artifício para diagnosticar alguns problemas de saúde. É preciso destacar que esse não é o único meio pelo qual é feita a investigação médica, apesar de ser bastante prático e sem custo. Confira:

  • Coloração pálida/esbranquiçada

Fezes demasiadamente claras, esbranquiçadas ou acinzentadas podem indicar um déficit de suco biliar, que pode ser secundário a problemas de saúde como cálculos biliares, infecção por giárdia, hepatite ou cirrose hepática. Essa coloração também pode ser o resultado do uso de medicamentos contra a diarreia.

588228 A cor das fezes costuma variar de acordo com o hábito alimentar e outros fatores. Cor das fezes: saiba maisA cor das fezes costuma variar de acordo com o hábito alimentar e outros fatores. (Foto: divulgação)
  • Fezes amareladas

Geralmente as fezes de coloração tendendo para o amarelo mais intenso é decorrente a problemas de saúde como o refluxo gastresofágico (DRGE). Esse problema ocorre porque as partículas de alimento passam pelo trato digestivo muito rapidamente, não dando tempo para que sejam absorvidos nutrientes importantes.

  • Fezes vermelhas

Geralmente as fezes de coloração vermelho vivo são secundárias a problemas de saúde como as hemorroidas. Na maioria dos casos esse sintoma surge em períodos de constipação intestinal. É muito importante ficar atento, pois as fezes podem adquirir coloração avermelhada de acordo com o consumo de produtos que fazem parte do cardápio, como é o caso da beterraba.

  • Fezes esverdeadas

As fezes podem se tornar esverdeadas devido à produção excessiva de bílis, que acaba sendo excretada nas fezes.

  • Fezes de coloração enegrecida

A principal causa do surgimento de fezes de coloração preta ou enegrecida é a hemorragia digestiva alta, especialmente na porção do esôfago, estômago e duodeno.

Conheça alguns sucos capazes de soltar o intestino.

588228 papelhigi Cor das fezes: saiba maisPrestar atenção nas próprias fezes pode ser útil. (Foto: divulgação)

Prestar atenção da coloração das próprias fezes é uma medida que pode ser bastante desagradável para algumas pessoas, mas que é capaz de ajudar na identificação de problemas de saúde. O ideal é seguir as dicas para conhecer mais sobre o assunto e se manter informado sobre a saúde do corpo.

A categoria Saúde do portal Mundodastribos.com é um espaço informativo de divulgação e educação sobre os temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento, sem antes consultar um profissional de saúde.

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL

Ao subscrever nossa newsletter, passar receber nossos artigos por email e informações sobre os nossos passatempos. É gratuito e sem spam.