Menu
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Como Pagar INSS Autônomo 2015

Saiba como deve fazer para contribuir para o INSS como Autônomo e obter todas as vantagens de um segurado.

Todo trabalhador brasileiro tem direito a uma aposentadoria no futuro, e outros tipos de benefícios garantidos por lei. E para que possamos garantir tais benefícios no futuro, devemos contribuir para a Previdência Social. Todas as pessoas podem contribuir para a Previdência Social, até mesmo os trabalhadores autônomos. Veja como pagar INSS Autônomo 2015.

Como Pagar INSS Autônomo 2015 (Foto: Divulgação)

 Como Pagar INSS Autônomo 2015

Profissionais que prestam serviços temporários em empresas e não possuem vínculo empregatício também podem se inscrever como Contribuintes Individuais. Pessoas que se enquadram nessa classe são autônomos, que prestam serviço para outras empresas ou pessoas e podem fazer o pagamento de seu INSS mensalmente. Muitas pessoas tem dúvidas de como pagar INSS autônomo 2015, por isso vamos explicar aqui como deve ser feito.

Qualquer pessoa pode pagar INSS Autônomo (Foto: Divulgação)

Quem pode pagar INSS Autônomo

Outras categorias que podem se tornar segurados são pessoas sem renda própria, como os estudantes, as donas de casa e os desempregados. Para esses casos, o pagamento deverá ser feito na categoria “Contribuinte Facultativo”. Vamos dar algumas dicas de como pagar o INSS autônomo em 2015 (ou qualquer época, com as atualizações adequadas).

É importante conferir o valor da contribuição na tabela do INSS (Foto: Divulgação)

Valor da contribuição

Primeiramente, quem é trabalhador autônomo poderá se filiar ao RPGS (Regime Geral de Previdência Social), e assim fazer o seu pagamento mensal do INSS, utilizando no mínimo 20% de seu salário de contribuição, não importa qual seja a data de inscrição. Mas o que é o salário de contribuição? Trata-se da remuneração recebida por uma ou mais empresas pelo exercício de suas atividades por conta própria. Já no caso do segurado facultativo, o salário de contribuição é o valor que ele declara durante o mês.

A Guia pode ser retirada diretamente no site Dataprev (Foto: Divulgação)

Importância da contribuição do INSS

É importante lembrar que não importa qual seja a sua categoria de contribuinte (individual ou facultativo), sempre deverá ser respeitado o limite mínimo e máximo do salário de contribuição que a Previdência estabelece anualmente. Pagar o INSS é muito importante, e muitas pessoas não tem ideia da importância disso, pois existem muitos vendedores, feirantes, artistas, profissionais liberais, e vários outros tipos que não pagam sua contribuição do INSS e a consequência apenas chega quando ele já estiver em uma idade mais avançada onde não poderá mais trabalhar. Nesse caso quando vão pedir a aposentadoria, tem o seu pedido negado ou precisam esperar mais alguns anos até que se comprove, que a pessoa realmente não possui condições de se sustentar sozinha.

O INSS pode informar sobre a categoria e o pagamento (Foto: Divulgação)

Um benefício para todos

Sendo um benefício para todos os brasileiros, a Previdência Social garante a renda do contribuinte e de sua família em caso de alguma doença, gravidez, acidente, morte, prisão ou a própria velhice. Mas para que possamos usufruir desses benefícios, é necessário que paguemos todos os meses o INSS, através de uma Guia da Previdência Social (GPS), que pode ser encontrada em papelarias. Para te ajudar a calcular o valor a ser pago, também tem a página da Receita Federal que pode te ajudar. Mas para qualquer outra dúvida, recomendamos que compareça a um posto da Previdência Social.

 

Recomendados para você:

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL