Menu

Notícias

Atualizado em 3 de setembro de 2013, às 12:38 por Redacao
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Como Agem os Remédios para Emagrecer?

Os remédios usados para emagrecer podem atuar de três maneiras: ajudando a pessoa a comer menos, aumentando o gasto calórico ou diminuindo a absorção de nutrientes.

Os remédios usados para emagrecer podem atuar de três maneiras: ajudando a pessoa a comer menos, aumentando o gasto calórico ou diminuindo a absorção de nutrientes. Podemos encontrar remédios que diminuem o apetite, que são os anorexígenos, e remédios que aumentam a saciedade, o que parece ser a mesma coisa, mas não é. Anfepramona,femproporex, mazindol são exemplos dos anorexígenos; a sibutramina, dos que atuam na saciedade. E temos o orlistat que diminui a absorção de gordura e atua só nos intestinos. Mesmo os anorexígenos tendo pequena ação sobre o aumento de gasto calórico, não existe ainda nenhum remédio que tenha esse efeito específico. O orlistat faz com que 1/3 da gordura que está nos alimentos seja eliminada pelas fezes, e os outros 2/3 restantes sejam absorvidos de forma normal. Os remédios que tiram à fome são os anorexígenos, e os remédios que aumentam a saciedade, são os sacietógenos, e entre eles existe uma grande diferença.

878 como agem os remedios para emagrecer 1 300x300 Como Agem os Remédios para Emagrecer?Entenda como agem os remédios para emagrecer. (Foto: divulgação)

Qual é a diferença entre os remédios para emagrecer

Visto que a fome é uma sensação que vem antes do ato de comer, e já a saciedade ocorre à medida que nos comemos. Então os remédios que tiram à fome podem fazer com que a pessoa nem comece a comer, e isso não é bom. Já os remédios que aumentam a saciedade não interferem na fome nem na vontade de comer, mas faz com que a pessoa não consiga comer tudo, porque ela vai se sentir saciada mais rápido.

Para fazer o tratamento da obesidade, as pessoas podem contar com remédios que tiram o apetite, com remédios que estimulam a saciedade e com os que diminuem a absorção dos nutrientes. Mas, na prática não temos disponíveis ainda remédios eficazes para aumentar o gasto calórico. Estes são esses remédios que dispomos para tratamento dos obesos e, mesmo tomando esses remédios, nem sempre eles nos dão o resultado esperado.

Efeitos colaterais dos remédios para emagrecer

Cada um dos tipos de medicação para perder peso traz consigo possíveis efeitos colaterais, isso irá variar de pessoa para pessoa, pois agem de acordo com o metabolismo de cada indivíduo. Os anorexígenos podem gerar irritabilidade, insônia, tremores, depressão e sono superficial. Os sacietógenos por sua vez podem causar irritabilidade, sono superficial, insônia e agitação. E por último os inibidores só irão agir de forma negativa quando a pessoa exagerar na ingestão de gorduras, nesses casos até podem gerar um quadro de diarreia onde o indivíduo elimina gotas de gordura.

878 como agem os remedios para emagrecer 300x300 Como Agem os Remédios para Emagrecer?Faça avaliações médicas não tome medicação para emagrecer por conta própria. (Foto: divulgação)

Como tratar a obesidade

Para tratar a obesidade é fundamental também seguir hábitos saudáveis, como por exemplo, deixarmos de levar uma vida sedentária, e aprender a escolher os alimentos adequados. Existem muitas pessoas que utilizam remédios, come pouco e não emagrece, isso porque não deixou de comer frituras e outros alimentos calóricos da dieta. Por isso, não adianta usar remédios e não ter uma orientação e acompanhamento adequado sobre nutrição e atividade física. Lembramos que muitas pessoas desenvolvem dependência química desse tipo de medicação, mas isso quando seu uso se estende por um período prolongado. A melhor maneira de perder peso continua sendo a dedicação aliada aos bons hábitos, converse com um nutricionista e um preparador físico antes de submeter-se a métodos mais radicais.

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL

Ao subscrever nossa newsletter, passar receber nossos artigos por email e informações sobre os nossos passatempos. É gratuito e sem spam.