Menu
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Cirurgia Plástica para Estrias

Dependendo da região do corpo em que a estria aparecer, é possível tratá-la com cirurgia plástica.

A cirurgia plástica para estrias é uma das várias maneiras que existem para combater esse problema na pele, que incomoda não só as mulheres, mas também os homens, prejudicando principalmente a parte estética. Bom, evitar é sempre melhor do que remediar e por isso mesmo você precisa tomar uma série de cuidados para não sofrer com este mal que atinge não só as mulheres como os homens também.

Cirurgia Plástica para Estrias (Foto: M de Mulher)

Cirurgia Plástica para Estrias (Foto: M de Mulher)

Cirurgia Plástica para Estrias

As estrias são, na verdade, cicatrizes que surgem abaixo da pele (epiderme). Elas surgem a partir do momento em que a pele é esticada demasiadamente, sofrendo rupturas em sua estrutura, que geram pequenos traumas. Algumas pessoas procuram entre os diversos tipos de tratamentos para este problema a cirurgia plástica para estrias, porém dependendo do grau é possível optar por outras formas.

Leia mais informações sobre: Receita caseira para acabar com as estrias

Causas da estria

É sempre melhor prevenir do que remediar (Foto: M de Mulher)

É sempre melhor prevenir do que remediar (Foto: M de Mulher)

São várias as causas das estrias, como o efeito sanfona (perda ou ganho de peso de maneira rápida ou repetida), má alimentação, excesso de exercícios físicos, ressecamento da pele, crescimento rápido e fatores hormonais, entre outros. A gravidez também contribui para o surgimento das estrias. Vale lembrar que existem dois tipos de estrias, as com manchas brancas e com as manchas vermelhas.

Tratamento Cirúrgico para Estrias

Há vários tratamentos para estria, que são escolhidos de acordo com cada caso, dependendo da região do corpo em que o problema aparecer. Um deles é a cirurgia plástica, que pode trazer excelentes resultados.

A cirurgia plástica para remoção de estrias geralmente é utilizada nos casos em que o problema surge em regiões como abdômen e mamas, por exemplo. Os procedimentos acabam retirando o excesso de pele e, com ele, as estrias que surgiram na região.

Existem várias formas de tratar o problema (Foto: M de Mulher)

Existem várias formas de tratar o problema (Foto: M de Mulher)

Entre as cirurgias para estrias, há a abdominoplastia, que retira o excesso de pele, flacidez e gordura, na região abaixo do umbigo, melhorando consideravelmente o aspecto dessa parte do corpo. Já para as estrias na mama, dá para fazer a redução da mama ou a mastopexia (cirurgia de correção dos seios caídos), que também retiram o excesso de pele e flacidez, juntamente com as estrias.

Quem quer optar por este tratamento encontra na Cirurgia e Estética, clínica de São Paulo, a oportunidade de fazer o procedimento. O valor nunca está disponível na página da clínica na internet, mas quem quiser saber mais detalhes pode acessar o site e por lá é possível acessar também o endereço e telefone da clínica

Leia mais informações sobre: Erros ao tratar estrias

Outros tratamentos para estrias

Além da cirurgia plástica para estrias, que é utilizada quando elas aparecem nas regiões do corpo citadas acima, existem diversos outros tipos de tratamentos para estria, quando o problema surge em outras partes.

Todo cuidado é necessário, principalmente na gravidez (Foto: M de Mulher)

Todo cuidado é necessário, principalmente na gravidez (Foto: M de Mulher)

Entre eles há o laser fracionado, para estrias brancas, largas e profundas; a radiofrequência, o laser fracionado, o peeling de cobre e a carboxiterapia, para estrias brancas, superficiais e estreitas; e o infravermelho e o peeling de cristal, para as estrias vermelhas e arroxeadas. Nessas opções, é possível melhorar em até 80% o aspecto das estrias, dependendo do procedimento escolhido.

E lembre-se que todo cuidado é pouco na hora de escolher o médico que fará todo o procedimento cirúrgico ou não. Ao escolher uma clínica, conversa com pessoas na sala de espera  e até mesmo pesquise o nome da clínica na Google, isso ajudará você ter uma noção. Lembre-se que todo o médico precisa de seu número de profissão para atuar, anote o número e deixe o mesmo em documentos importantes, pois se for necessário poderá usar. Num geral, desconfie também de preços mais em conta.

Saiba mais sobre cirurgias e estrias


Quer mais dicas de beleza e estética? Confira nossos outros artigos sobre este e vários temas, fique bem informado aqui no Mundo das Tribos!

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL