Menu

Criança

Atualizado em 14 de agosto de 2012, às 8:26 por Isah Moretti
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Cerca de 30% das crianças sofrem de colesterol alto

Grande parte das crianças brasileiras sofre de colesterol alto por causa da alimentação inadequada e do sedentarismo.

Antigamente, o colesterol alto costumava ser uma doença de adulto, entretanto, com as mudanças alimentares das pessoas, este problema de saúde passou a afetar a população infantil. De acordo com o Ambulatório de Nutrição Clínica do Instituto Dante Pazzanese, unidade da Secretaria de Estado da Saúde do Estado de São Paulo, cerca de 30% das crianças sofrem com colesterol alto.

Veja também: Crianças obesas apresentam maiores riscos para problemas cardíacos

501217 Cerca de 30 das crianças sofrem de colesterol alto 1 Cerca de 30% das crianças sofrem de colesterol altoColesterol alto tem se tornado comum entre as crianças. (Foto:Divulgação)

87% das crianças consomem quantidades excessivas de gorduras

Para chegar à conclusão de que o colesterol elevado é um problema na vida das crianças brasileiras, a instituição, considerada referência nacional em cardiologia, avaliou 100 voluntários, com idade entre 5 e 17 anos. De todos que participaram da pesquisa, 8% apresentaram altos índices de colesterol ruim (LDL). Já 45% revelaram quantidades insuficientes de colesterol bom (HDL).

A pesquisa constatou que os hábitos de vida das crianças estão se tornando cada vez mais prejudiciais para a saúde. Segundo o levantamento, 40% dos voluntários avaliados eram sedentários, ou seja, não tinham costume de praticar atividades físicas. Já 87% das crianças apresentaram uma alimentação ineficaz, com quantidades excessivas de gorduras.

501217 Cerca de 30 das crianças sofrem de colesterol alto 2 Cerca de 30% das crianças sofrem de colesterol altoAlimentação inadequada e sedentarismo contribuem com o colesterol alto. (Foto:Divulgação)

De acordo com Cristiane Kovacs, nutricionista do hospital Dante Pazzanese, o aumento do colesterol ruim acompanhado da diminuição de colesterol bom faz com que os riscos de doenças cardiovasculares se tornem maiores. Para reverter esta situação e fazer com que as crianças desfrutem de boa saúde, é necessário que haja uma conscientização a respeito da importância de uma alimentação equilibrada.

Como evitar colesterol alto em crianças?

A melhor forma de evitar o colesterol alto em crianças é através da prevenção. Veja algumas dicas:

- Tanto os pais como a própria escola devem estimular uma alimentação saudável, rica em fibras e reduzida em gorduras;

- Incentivar a criança a sair da frente do videogame ou computador também é uma forma de combater o colesterol ruim, afinal, ela não se torna uma vítima do sedentarismo. Os pais devem incentivar os seus filhos a praticar esportes ou brincar ao ar livre com as outras crianças;

501217 Cerca de 30 das crianças sofrem de colesterol alto Cerca de 30% das crianças sofrem de colesterol altoA família precisa incentivar a criança a adotar hábitos saudáveis. (Foto:Divulgação)

- Para evitar o aumento de colesterol ruim, o consumo de determinados alimentos deve ser limitado, como por exemplo, carne vermelha, gema de ovo, embutidos, derivados do leite e petiscos industrializados;

- É importante realizar o monitoramento do colesterol através de exames, na infância, na adolescência e também na fase adulta;

Saiba mais: Novo tipo de exame de colesterol

- O consumo de alguns alimentos pode aumentar a quantidade de colesterol bom, como por exemplo, o azeite, o abacate, a azeitona e outros itens ricos em gorduras monoinsaturadas.