Menu

Notícias

Atualizado em 2 de setembro de 2013, às 13:28 por Redacao
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Como Evitar e Tratar as Falhas nos Cabelos e Fios Ralos?

Existe tratamento para queda de cabelo e fios ralos? Saiba o que fazer se os seus não param de cair.

No outono, a queda do cabelo é maior. Mais ou menos, 5 milhões de mulheres têm algum tipo de alopecia, nome científico do problema que pode causar a diminuição do volume de cabelo, ou deixar amostra falhas nocouro cabeludo, mais conhecidas como calvície. Geralmente os homens perdem mais cabelos, pois é a testosterona hormônio sexual masculino é a maior responsável pela queda de cabelos. Quando esse hormônio entra em ação ocorre maior multiplicação das células no couro cabeludo e consequentemente a morte de muitas delas, isso ocasiona a queda dos cabelos pois a ação é direta na raiz dos mesmo. Ao longo da vida tendemos a perder muitos cabelos, até mesmo os mais cabeludos tendem a dizer que quando eram mais jovens tinham mais cabelo. Mas é possível evitar a queda de cabelo? Como evitar e tratar as falhas?

883 como evitar e tratar as falhas nos cabelos e fios ralos 1 300x300 Como Evitar e Tratar as Falhas nos Cabelos e Fios Ralos?A queda de cabelo é mais comum em homens que mulheres. (Foto: divulgação)

Alternativas contra a calvície

O transplante de cabelo serve como uma alternativa rápida e eficaz na luta contra a alopecia. E funciona do seguinte modo: os fios, retirados da área da nuca, são transplantados um a um no lugar que precisa de mais cabelo. No tratamento é utilizada anestesia local, e custa (em média) R$ 5 mil e demora cerca de quatro horas. O resultado final do procedimento pode variar muito e alguns resultados não correspondem à expectativa da paciente. Na avaliação é levado em conta a área do transplante, que não pode ser muito grande e a qualidade do cabelo doador, que precisa estar em ótimas condições.

Para o especialista Barsanti, existe grande eficácia do silício orgânico, uma substância tópica aplicada no couro cabeludo, associada ao uso do LLLT (Low Level Laser Therapy), laser que estimula o crescimento do fio. Já a especialista Patricia Maciel, do Núcleo Capilar, prefere utilizar a terapia capilar, técnica que aprendeu no Japão e que envolve o uso de micro-correntes, produtos fitoterápicos e massagens, tudo não invasivo. “O problema mais comum é o do cabelo que perdeu a densidade e precisa ser fortalecido”, segundo Patrícia Maciel. Esse tratamento dura um ano, e seu custo é na faixa de R$ 1500.

883 como evitar e tratar as falhas nos cabelos e fios ralos 300x300 Como Evitar e Tratar as Falhas nos Cabelos e Fios Ralos?O problema pode ser tratado com medicamentos. (Foto: divulgação)

Causas da queda de cabelos

A alopecia pode ser causada por fatores hormonais, como por exemplo, disfunções na tireoide ou ovários policísticos, ou genéticas como, por exemplo, excesso da substância dihidrotestosterona, que atrofia o bulbo capilar fazendo com que o fio se torne fino, podendo até sumir. O estresse também provoca alterações no corpo que podem levar à queda do cabelo. A alopecia pode acontecer em mulheres de todas as idades, sendo mais comum na puberdade, após a gravidez e na menopausa.

O diagnóstico é fundamental, pois já existem exames que podem dar o panorama completo do problema, de scanner do couro capilar à análise do bulbo em microscópio, passando por um estudo clínico completo para saber o que está influenciando a queda. Mas, a decisão pelo procedimento ideal só quem poderá dizer é o especialista no assunto.

Como tratar a calvície

Algumas pessoas nascem com predisposição a perder cabelos, isso acontecerá de forma intensa em determinado momento da vida gerando a calvície, outras no entanto devido a fatores externos, como estresses emocional acabam perdendo também os fios. Para o primeiro caso é necessário se submeter ou aos tratamentos anteriormente mencionados ou ao medicamentoso. O remédio mais conhecido para calvície é o Minoxidil, que age ajudando a bloquear a testosterona. Existem fórmulas mais concentradas e outras menos, mas para as mulheres pode ser inconveniente o uso da medicação, pois pode gerar pelos nos braços e nas pernas. Existem outros medicamentos também recomendados para queda de cabelo. É necessário a avaliação de uma médico para prescrever qual é o ideal para cada caso.