Menu

Bizarro

Atualizado em 12 de setembro de 2011, às 20:30 por Francisco Junior
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > As Maiores Loucuras Cometidas pelos Cientistas

268494 As maiores loucuras cometidas pelos cientistas As Maiores Loucuras Cometidas pelos Cientistas

Um cientista pode ser considerado (a) louco (a) por alguns ou mesmo grandes gênios por outros. Vários ou algumas de suas descobertas e criações têm muita repercussão em nossas vidas. Claro que há alguns que são fraudes, ou seja, julgam ter feito ou descoberto algo que não há o mínimo de lógica ou foi inventado pelo simples desejo da fama.

Abaixo selecionamos uma pequena lista que mostra as grandes loucuras cometidas por cientistas “loucos”.

- Jack Parsons (1914-1952) Americano e pesquisador dos foguetes de propulsão, um dos grandes inventores do Jet Propulsion Laboratory da NASA. O interessante que Jack era praticante de ocultismo e magia negra. A NASA deve muito sucesso ao seu trabalho espacial às descobertas desse cientista que era autodidata. Sua historia ficou marcada com sua trágica morte em seu laboratório caseiro.

- Oliver Heaviside (1850-1920) Inglês e fundador da teoria moderna de circuitos elétricos e analises de vetores em eletromagnetismo. Esse foi considerado realmente louco, gostava de atropelar galinhas com sua bicicleta, deixou sua cunhada como escreva por mais de 7 anos e adorava tomar leite o dia todo. Sentia a grande necessidade de viver em altas temperaturas. E tinha um medo obcesso de não estar protegido do frio.

268494 As maiores loucuras cometidas pelos cientistas 1 As Maiores Loucuras Cometidas pelos Cientistas

- Marie Curie (1867-1934) responsável pela descoberta da radiação. Marie e seu marido Pierre conseguiram em seus estudos fazer a descoberta de elementos químicos. Com isso a cientista resolveu estudar profundamente sua descoberta sobre a radioterapia, e com isso veio a falecer de uma grave leucemia ocasionada pelo grande tempo exposta na radiação. Seu esforço quando em vida, levou ela ganhar dois prêmios Nobel em ciências e física.

- Carl Wilhelm Scheele (1742-1786) Alemão e conhecido por provar suas descobertas. O cientista foi tão louco que conseguiu sobreviver a cianeto de hidrogênio. A mistura da substância com a água se transforma em ácido cianídrico. Em seguida, ele colocou na boca misturou com sua saliva (que é água do nosso corpo) e ainda teve a tamanha sorte de sobreviver. Louco? Sim, mas foi responsável pela descoberta de elementos como molibdênio, tungstênio, magnésio, cloro e claro desenvolveu um processo parecido com a pasteurização. Morreu experimentando suas descobertas, com sintomas de intoxicação por mercúrio.

- Louis Alexander Slotin (1910-1946) Canadense que morreu ao criar as primeiras armas nucleares. Dizem por aí que ele acidentalmente deixou cair uma esfera de berilo envolvida em plutônio  em outra igual, ocasionando assim uma explosão imediata. Quem estava por perto e sobreviveu disse que viu um brilho azul bem diferente  e sentiram uma forte onde de calor. Ele foi levado às pressas para o hospital, mas a quantidade de radiação foi tão alta que não houve sequer uma única chance de luta pela vida.

268494 As maiores loucuras cometidas pelos cientistas 2 As Maiores Loucuras Cometidas pelos Cientistas

- Galileu Galilei : foi um italiano que teve um papel fundamental na chamada Revolução Científica. Ele descobriu a lei dos corpos e melhorou de forma significativa o telescópio Acredita-se que ele ficou praticamente cego até sua morte, isso aconteceu devido ao fato de usar o seu equipamento com freqüente exposição ao sol, o que resultou na queima da retina. Galileu mostrou-se um louco e revolucionando, mas contribui de forma incomparável com a ciência.

- Sir Humphry Davy: foi um químico que tinha a mania de cheirar seus experimentos. Devido ao hábito estranho das descobertas, ele acabou desenvolvendo graves seqüelas e quase morreu. Ficou cego em uma explosão em seu laboratório e inválido até o fim de sua vida. No entanto, graças às loucuras de ficar cheirando os gases, Humphry descobriu as propriedades anestésicas do óxido nitroso e o vulgo “gás hilariantes” conhecido também como o gás do riso.

Depois de conferir a seleção de nomes que marcaram a ciência com experimentos malucos, dá para perceber que loucura e genialidade andam lado a lado.

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL

Ao subscrever nossa newsletter, passar receber nossos artigos por email e informações sobre os nossos passatempos. É gratuito e sem spam.