Menu
Você está em: MundoDasTribos > Animais que estão em risco de extinção

Caça indiscriminada, queimadas, uso abusivo dos recursos naturais e mudanças no clima são algumas das causas da ameaça de extinção de várias espécies.

Shows internacionais em Porto Alegre 2012

[29/06/2012]

Melhores músicas para namorar

[01/07/2012]
 

O urso polar é um dos animais que estão em risco de extinção

Devido a fatores como mudanças no clima, exploração inadequada de recursos naturais, queimadas, destruição de habitats, poluição, introdução de espécies exóticas e caça indiscriminada ou ilegal, entre outros, vários animais estão em risco de extinção, tanto no Brasil quanto no mundo.

 

Atualmente, só no Brasil, estima-se que mais de 600 espécies estejam ameaçadas, correndo sérios riscos de não existirem mais dentro de pouco tempo, se não forem tomadas atitudes para defendê-las e preservá-las. O desaparecimento de alguns animais pode causar problemas irreparáveis e grandes mudanças no ecossistema, por isso é importante que todos contribuam para a preservação desses animais.

Saiba quais são os Animais em extinção em São Paulo SP – Confira a lista

Conheça Os animais mais esquisitos do mundo

Tigre

Os tigres sofrem com a caça ilegal

Os tigres estão entre os animais que mais correm risco de extinção. Algumas pesquisas mostram que existem, atualmente, pouco mais de 3.000 tigres em todo o mundo. O homem é o principal responsável pelo declínio da espécie, já que em muitos lugares os tigres são caçados impiedosamente, por pessoas em busca de sua pele.

Ararinha Azul

A beleza da Ararinha Azul chama a atenção de muitos traficantes de animais

Por ser uma ave muito bela e atrair a atenção de muitas pessoas, a Ararinha Azul é vítima do tráfico ilegal de animais, o que contribuiu para a sua quase extinção. Restam poucas dezenas de Ararinhas Azuis que vivem atualmente em cativeiro em algumas regiões do Brasil.

Tartaruga gigante

A tartaruga gigante também é ameaçada por caçadores

Um dos maiores répteis do planeta, chegando a medir mais de 2 metros e a pesar 700 kg, a Tartaruga Gigante sofre com a poluição das águas e o aumento da temperatura, além de ser presa fácil para os caçadores, devido à sua lentidão.

Gorila das Montanhas

O gorila das montanhas é outro que foi impiedosamente caçado

Originário do continente africano, o Gorila das Montanhas, como é conhecida a espécie Gorilla Beringei Beringei, está seriamente ameaçado de extinção, principalmente por causa da caça. Estima-se que menos de 1.000 animais da espécie estejam vivos atualmente.

Mico-leão-da-cara-preta

Este pequeno primata viu a sua população diminuir juntamente com a diminuição da área da Mata Atlântica

Bastante sensível às mudanças de ambiente, os animais dessa espécie sofreram bastante com a destruição do seu habitat natural, a Mata Atlântica. Existem entre 300 e 400 indivíduos, quantidade que pode levar à extinção do primata em pouco tempo.

Panda

O panda tenta sobreviver em várias reservas criadas nas florestas chinesas

Destruição das florestas em que vivem, baixa taxa de natalidade e caça indiscriminada são alguns dos fatores que levaram o Panda a ingressar na lista dos animais ameaçados de extinção. Seu habitat natural é nas florestas da China, onde existem menos de 2.000 pandas. Várias áreas de proteção ambiental têm sido criadas para protegê-los.

Urso Polar

A poluição que tem chegado ao Ártico e o aquecimento global são os vilões no caso do urso polar

O urso polar é uma das principais vítimas do aquecimento global, conforme afirmam diversos pesquisadores. Também contribuem para elevar o risco da sua extinção a contaminação por poluentes e a caça predatória que ocorre no Ártico, local onde ele vive.

Peixe-boi

O peixe-boi é uma das espécies mais ameaçadas de extinção no Brasil

Todas as espécies de peixe-boi correm sérios riscos de extinção, devido principalmente à caça, que acabou com os animais que habitavam diversos estados brasileiros. No país, atualmente é encontrado, em maior frequência, na bacia do Rio Amazonas.

 

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL